Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3522
Tipo: Dissertação
Título: Modelagem da autodepuração e qualidade da água do rio Turvo Sujo
Título(s) alternativo(s): Modelling of self-purification and water quality of Turvo Sujo river
Autor(es): Nunes, Daniele Gonçalves
Primeiro Orientador: Silva, Demetrius David da
Primeiro coorientador: Matos, Antonio Teixeira de
Segundo coorientador: Ramos, Márcio Mota
Primeiro avaliador: Martinez, Mauro Aparecido
Segundo avaliador: Mounteer, Ann Honor
Terceiro avaliador: Borges, Alisson Carraro
Abstract: A bacia objeto de estudo é a do rio Turvo Sujo, situada na bacia do rio Doce, abrangendo parte dos municípios de Viçosa, Coimbra, Cajuri, Teixeiras e Guaraciaba. Pode ser considerada uma bacia importante para região, em termos de abastecimento de água para a população, diluição de efluentes domésticos e industriais e uso na pecuária e agricultura. A realização do presente trabalho teve como principais objetivos: obter o Índice de Qualidade da Água (IQA) em 10 pontos do rio Turvo Sujo, em duas épocas distintas (período seco e chuvoso); quantificar o coeficiente de desoxigenação (K1) e de reaeração (K2) das águas no rio Turvo Sujo, a jusante dos pontos de confluência com seus principais afluentes, e modelar a capacidade de autodepuração do rio Turvo Sujo, com base no modelo de STREETERPHELPS (1925). Os resultados obtidos indicaram expressiva melhoria na qualidade da água nos períodos com maior vazão. Durante o período de estiagem, a qualidade da água manteve-se entre muito ruim e média , sendo o ponto de pior qualidade observado a montante do córrego do Grama. As variáveis que mais interferiram negativamente no IQA foram: coliformes termotolerantes (CF), demanda bioquímica de oxigênio (DBO), turbidez (Tu) e oxigênio dissolvido (OD). O rio Turvo Sujo apresentou-se, predominantemente, na condição classe 4, de acordo com a Resolução no 357/2005 (CONAMA). Os trechos III (a jusante da confluência com o córrego do Grama) e IV (a jusante da confluência com o rio Cristal), nos períodos seco e chuvoso, apresentaram maiores valores de K1 que o trecho V (a jusante da confluência com o ribeirão Santa Tereza). Os menores valores de K2 foram obtidos no período seco e os maiores valores no período chuvoso, nos trechos IV e V. A modelagem da capacidade de autodepuração do rio Turvo Sujo a partir do modelo de STREETER-PHELPS (1925), utilizando os dados coletados em campo e sistema de informação em ambiente web, permitiu ao usuário verificar o impacto do lançamento de efluentes na qualidade dos cursos d água.
The basin study object is the one of the Turvo Sujo river, located in the basin of the Doce river and it includes the districts of Viçosa, Coimbra, Cajuri, Teixeiras and Guaraciaba. An important basin for area, in terms of domestic water use, dilution of domestic and industrial effluents and use in the livestock and agriculture. The objectives of this study were: to obtain the Water Quality Index (WQI) in ten points of Turvo Sujo river, in two different times (dry and rainy period); to quantify the deoxygenation rate constant (K1) and of reaeration (K2) of the waters in the Turvo Sujo river, the jusante of the confluence points with their main tributaries, and to model the capacity of selfpurification of the Turvo Sujo river, with base in the STREETER-PHELPS model (1925). The obtained results indicated expressive improvement in the quality of the water in the periods with larger flow. During the drought period, the quality of the water stayed among "very bad" and "medium", being the point of worse quality observed to amount of the Grama stream. The variables that more interfered negatively in WQI were fecal coliform bacteria, 5-day BOD, turbidity and dissolved oxygen, characterizing the release of effluents of high organic load. The Turvo Sujo river came, predominantly, in the condition class 4, in agreement with the Resolution n. 357/2005 (CONAMA). The passages III (the jusante of the confluence with the Grama stream) and IV (the jusante of the confluence with the Cristal river), in the periods dry and rainy, they presented larger values of K1 that the passage V (the jusante of the confluence with the Santa Tereza river). The smallest values of K2 were obtained in the dry period and the largest values in the rainy period, in the passages IV and V. The modelling of the capacity of self-purification of the Turvo Sujo river starting from the STREETER-PHELPS model (1925), using the data collected in field and system of information in web, it allowed to the user to verify the impact of the effluents release in the quality of the courses of water.
Palavras-chave: Autodepuração
Qualidade da água
Rio Turvo Sujo
Self-purification
Water quality
Turvo Sujo river
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ENGENHARIA AGRICOLA::ENGENHARIA DE AGUA E SOLO::CONSERVACAO DE SOLO E AGUA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Construções rurais e ambiência; Energia na agricultura; Mecanização agrícola; Processamento de produ
Programa: Mestrado em Engenharia Agrícola
Citação: NUNES, Daniele Gonçalves. Modelling of self-purification and water quality of Turvo Sujo river. 2008. 118 f. Dissertação (Mestrado em Construções rurais e ambiência; Energia na agricultura; Mecanização agrícola; Processamento de produ) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3522
Data do documento: 20-Jun-2008
Aparece nas coleções:Engenharia Agrícola

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf2,8 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.