Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3560
Tipo: Dissertação
Título: Efeitos de elementos meteorológicos na evapotranspiração estimada pelo irrigâmetro na região sul do Estado do Tocantins
Título(s) alternativo(s): Effects of meteorological elements on evapotranspiration estimated by an irrigameter in the south region of the State of Tocantins
Autor(es): Baptestini, Júlio Cezar Machado
Primeiro Orientador: Oliveira, Rubens Alves de
Primeiro coorientador: Cecon, Paulo Roberto
Segundo coorientador: Sediyama, Gilberto Chohaku
Primeiro avaliador: Reis, Edvaldo Fialho dos
Segundo avaliador: Zolnier, Sérgio
Terceiro avaliador: Martinez, Mauro Aparecido
Abstract: A irrigação é uma técnica que pode ajudar o produtor rural a obter maior produtividade e produtos de melhor qualidade, se realizada de maneira correta. No Brasil, a irrigação consome aproximadamente 69% da água utilizada nas diversas atividades humanas. Quando a quantidade de água aplicada é insuficiente para atender às necessidades hídricas das culturas, ocorrem baixas produtividades e prejuízos econômicos ao produtor. Por outro lado, quando a aplicação de água é feita em excesso, ocorre aumento no consumo de energia, favorecimento ao desenvolvimento de doenças, diminuição da qualidade dos produtos, além de provocar lixiviação de nutrientes e contaminação das fontes de água. Assim, torna-se importante fazer o manejo adequado da irrigação, sendo o Irrigâmetro uma das tecnologias existentes. Neste projeto teve-se como objetivos: (a) avaliar o desempenho do Irrigâmetro na estimativa da evapotranspiração de referência (ETo) para a região sul do Estado do Tocantins; (b) avaliar os efeitos da temperatura máxima, temperatura mínima, umidade relativa, velocidade do vento e radiação na evapotranspiração estimada pelo Irrigâmetro (ETI); e (c) determinar o valor do coeficiente do Irrigâmetro (KI) para cada estação do ano. A pesquisa foi conduzida numa área experimental da Universidade Federal do Tocantins, campus de Gurupi. Os dados meteorológicos foram coletados numa estação meteorológica automática e utilizados na determinação da ETo, com uso do programa computacional REF-ET, com base na equação de Penman-Monteith FAO 56. O experimento foi montado num delineamento inteiramente casualizado (DIC), e os parâmetros estatísticos usados para analisar os efeitos da influência dos elementos meteorológicos sobre a ETI foram a raiz do erro quadrático médio (REQM), o índice de concordância de Willmott (d) e o coeficiente de determinação (r²). Foi utilizado o programa GENES para análise das correlações dos efeitos diretos e indiretos dos elementos meteorológicos sobre a ETI. O Irrigâmetro teve desempenho satisfatório na estimativa da evapotranspiração de referência (ETo), sendo recomendados as alturas de água no evaporatório de 3,2, 4,2, 4,8 e 3,1 cm nas estações primavera, verão, outono e inverno, respectivamente. O coeficiente do Irrigâmetro aumentou linearmente com a elevação da altura de água dentro do evaporatório para todas as estações do ano. Os valores do coeficiente do Irrigâmetro para as estações primavera, verão, outono e inverno foram de 0,95, 0,98, 0,96 e 1,01, respectivamente. Durante a primavera, os elementos meteorológicos temperatura máxima, umidade relativa e radiação tiveram alta correlação com a ETI. No verão e no outono, a correlação da ETI foi maior com a radiação solar. A umidade relativa foi o elemento com maior correlação com a ETI durante o inverno. A temperatura mínima e a velocidade do vento apresentaram menor correlação com a ETI em todas as estações do ano.
Irrigation is a technique that can help farmers obtain greater productivity and products of greater quality when it is done correctly. In Brazil, irrigation consumes around 69% of water used in all human activity. When the amount of water applied is insufficient to attend crop demands, productivity may decrease leaving the farmer with economics losses. On the other hand, when the application of the water is excessive, it causes increases the energy consumption, facilitates the development of diseases, reduces the quality of products, and can cause lixiviation of nutrients and contamination of water sources. Therefore, is very important that irrigation be performed properly, and the Irrigameter is one of the existent technologies for this purpose. The objectives of this project were: (a) to assess performance of the Irrigameter to estimate reference evapotranspiration (ETo) for the south region of the state of Tocantins, Brazil; (b) to assess the effects of maximal and minimal temperature, relative humidity, wind velocity and radiation on evapotranspiration as estimated by the Irrigameter (ETI); and (c) to determine the Irrigameter coefficient (KI) for each season of the year. The research was carried out in an experimental area at the Federal University of Tocantins, Gurupi Campus. Meteorological data were collected at an automatic meteorological station and used for determination of the ETo using the computer program REF-ET, based on the Penman-Monteith Equation FAO 56. The experiment was carried out in a completely randomized design and the statistical parameters used to analyze the influence of the meteorological elements on ETI were: the root mean square error (REQM), the Willmott rate (d) and the coefficient of determination (r²). The program GENES was used to analyze the correlations of direct and indirect effects of meteorological elements on the ETI. The Irrigameter showed good performance for estimating the reference evapotranspiration (ETo), and the recommended water levels in the evaporator for spring, summer, autumn and winter were 3.2, 4.2, 4.8 and 3.1 cm, respectively. The Irrigameter coefficient increased linearly with the elevation of the water level inside the evaporator for all seasons, and its values for spring, summer, autumn and winter were 0.95, 0.98, 0.96 and 1.01, respectively. During the spring, the meteorological elements of maximal temperature, relative humidity and radiation were highly correlated with the ETI. In the summer and autumn, correlation of ETI was greater with solar radiation. Relative humidity was the element presenting the highest correlation with ETI during the winter. The minimal temperature and the wind velocity showed poorer correlation with ETI for all the seasons.
Palavras-chave: Irrigação
Manejo
Irrigâmetro
Irrigation
Management
Irrigameter
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ENGENHARIA AGRICOLA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Construções rurais e ambiência; Energia na agricultura; Mecanização agrícola; Processamento de produ
Programa: Mestrado em Engenharia Agrícola
Citação: BAPTESTINI, Júlio Cezar Machado. Effects of meteorological elements on evapotranspiration estimated by an irrigameter in the south region of the State of Tocantins. 2010. 60 f. Dissertação (Mestrado em Construções rurais e ambiência; Energia na agricultura; Mecanização agrícola; Processamento de produ) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3560
Data do documento: 23-Fev-2010
Aparece nas coleções:Engenharia Agrícola

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,66 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.