Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3602
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorZaparoli, Benatti Rezende
dc.date.accessioned2015-03-26T13:23:40Z-
dc.date.available2012-04-26
dc.date.available2015-03-26T13:23:40Z-
dc.date.issued2011-05-31
dc.identifier.citationZAPAROLI, Benatti Rezende. Denitrification ability of sequencing batch constructed wetlands. 2011. 81 f. Dissertação (Mestrado em Construções rurais e ambiência; Energia na agricultura; Mecanização agrícola; Processamento de produ) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2011.por
dc.identifier.urihttp://locus.ufv.br/handle/123456789/3602-
dc.description.abstractInvestigações relacionadas ao uso de sistemas alagados construídos (SACs), para tratamento secundário e terciário, têm sido conduzidas em centros de pesquisas brasileiros na última década. No que diz respeito ao tratamento terciário, pode-se considerar que a remoção de nitrogênio se dá por uma gama ampla de mecanismos físicos, químicos e biológicos. Com o objetivo de se aprofundar os conhecimentos nos mecanismos de remoção de nitrato em águas, procurou-se estudar na pesquisa em questão, os fenômenos de desnitrificação e de absorção pelas plantas, em SACs. Para tanto, aplicou-se nitrato como única fonte de nitrogênio, em diferentes SACs, operados em bateladas sequenciais. SACs não plantados e plantados com Typha latifolia (taboa) e Chrysopogon zizanioides (grama vetiver) receberam uma concentração afluente média de 52,8 g m-3 de N-NO3-, sendo que em um total de 6 unidades, 3 receberam 10 mL de etanol como fonte externa de carbono. O experimento foi constituído de diferentes fases, com tempo de ciclo (tc) de 3 dias (fase I) e de 1 dia (fase II). Houve também uma etapa final de análises (fase III), na qual foi realizado um estudo de decaimento de valores de concentração de solutos ao longo de um tc de 3 dias. Os resultados de eficiência de remoção de nitrato (fase I) foram de 11,7; 36,7 e 54,8% no SAC controle (SACC), cultivado com taboa (SACT) e cultivado com vetiver (SACV), respectivamente. Nos SACs que receberam fonte externa de carbono, a eficiência na remoção de nitrato foi de 98,0; 99,6 e 99,9%, para o SAC controle com adição de etanol (SACC*), cultivado com taboa com adição de etanol (SACT*) e cultivado com vetiver com adição de etanol (SACV*), respectivamente. Durante a fase II, a remoção de nitrato foi de 3,6; 14,4 e 15,7%, nos SACC, SACT e SACV, respectivamente e de 94,7; 95,5 e 97,5%, nos SACC*; SACT* e SACV*, respectivamente. Com o encerramento das atividades, realizou-se o corte da parte aérea das plantas para análise de nitrogênio foliar, com o propósito de se quantificar a proporção de nitrogênio que foi incorporado pelas plantas. Do total de 2,7 e 3,0 g m-2 d-1 de N-NO3- removidos na fase II, pelo SACT e SACV, respectivamente, apenas 0,26 e 0,23 g m-2 d-1 eram referentes à absorção pelas respectivas plantas. As maiores eficiências do SACT e SACV, se comparados à remoção de 0,7 g m-2 d-1 de N-NO3- pelo SACC, se devem principalmente a fonte de carbono, liberada pelas raízes das plantas, ocorrendo assim maior desnitrificação. Na fase II, a maior eficiência na remoção de nitrato devido à absorção pelas plantas foi de 13,3%, obtida no SACT e de 10,4% no SACV, sendo o restante atribuído à desnitrificação. Os sistemas que receberam fonte externa de carbono removeram praticamente todo o nitrogênio aplicado. Durante o experimento ainda foram analisadas outras variáveis importantes para melhor análise dos resultados de desnitrificação. São elas: demanda química de oxigênio (DQO), potencial hidrogeniônico (pH), potencial de oxidação e redução (Eh), alcalinidade, nitrito, temperatura e evapotranspiração. Também foi analisada a produção de biofilme no SACs, pela análise de sólidos voláteis totais (SVT), e análise de produção de matéria seca pelas plantas. Os sistemas foram eficientes na remoção de nitrato, com destaque para os sistemas plantados. Dentre os sistemas plantados, o cultivado com vetiver foi o que apresentou melhores resultados, tanto na remoção de nitrogênio, como também em termos de condições de equilíbrio do sistema. A adição de etanol proporcionou aumento na eficiência de desnitrificação, contudo deve-se atentar para o aumento na concentração de nitrito nos SACs.pt_BR
dc.description.abstractInvestigations related to the use of constructed wetlands (CWs) for secondary and tertiary treatment has been conducted in Brazilian research centers in the last decade. Regarding the tertiary treatment, it can be considered that removal of nitrogen takes place by a wide range of physical, chemical and biological mechanisms. With the aim of deepening the knowledge on the mechanisms of nitrate removal in water, tried to study the research in question, the phenomenon of denitrification and uptake by plants in CWs. In order to accomplish that, it was applied nitrate as sole nitrogen source, in different CWs were operated in sequencing batch. CWs are not planted and planted with Typha latifolia (cattail) and Chrysopogon zizanioides (vetiver grass) received an average influent concentration of 52.8 g m-3 N-NO3-, and in a total of 6 units, 3 received 10 mL of ethanol as external carbon source. The experiment consisted of different phases, with cycle time (tc) of 3 days (phase I) and 1 day (phase II). There was also a final stage of testing (phase III), in which a study of the decay of values of solute concentration over a tc of 3 days. The results of removal efficiency of nitrate (phase I) were 11.7, 36.7 and 54.8% in the CW control (SACC), grown with cattail (SACT) and planted with vetiver (SACV), respectively. In CWs received external carbon source, the nitrate removal efficiency was 98.0, 99.6 and 99.9% for the SAC control with addition of ethanol (CWC*), grown with cattail with the addition of ethanol (SACT*) and vetiver grown with the addition of ethanol (CWV*), respectively. During Phase II, the removal of nitrate was 3.6, 14.4 and 15.7% in the SACC, SACT and SACV, respectively and 94.7, 95.5 and 97.5% in the SACC*, SACT* and SACV* respectively. With the closure of the activities, there was the cutting of the shoots for analysis of leaf nitrogen, in order to quantify the proportion of nitrogen that was incorporated by the plants. The total of 2.7 and 3.0 g m-2 d-1 N-NO3- removed in phase II, by the SACT and SACV, respectively, only 0.26 and 0.23 g m-2 d-1 were related to their absorption by plants. The highest efficiencies of SACT and SACV, compared to the removal of 0.7 g m-2 d-1 N-NO3- by the SACC, are mainly the carbon source, released by plant roots, thus occurring higher denitrification. In phase II, the highest nitrate removal efficiency due to absorption by plants was 13.3%, obtained in SACT and 10.4% in the SACV and the remainder is attributed to denitrification. Systems that have received external source of carbon removed virtually all the nitrogen applied. During the experiment were also analyzed other important variables for better results of denitrification. They are: chemical oxygen demand (COD), hydrogen potential (pH), oxidation and reduction potential (Eh), alkalinity, nitrite, temperature and evapotranspiration. It was also analyzed the production of biofilm in CWs, the analysis of volatile solids (TVS) and analysis of dry matter production by plants. The systems were effective in removing nitrate, especially in systems planted. Among the systems planted, CWs cultivated with vetiver showed better results in nitrogen removal in terms of a balanced system as well. The addition of ethanol increased the efficiency of denitrification, but should be alert to the increased concentration of nitrite in the CWs.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Viçosapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectWetlandspor
dc.subjectTaboapor
dc.subjectVetiverpor
dc.subjectNitrogêniopor
dc.subjectLeitos cultivadospor
dc.subjectNitratopor
dc.subjectWetlandseng
dc.subjectCattaileng
dc.subjectVetivereng
dc.subjectnitrogeneng
dc.subjectNitrateeng
dc.titleCapacidade desnitrificante de sistemas alagados construídos operados em bateladas sequenciaispor
dc.title.alternativeDenitrification ability of sequencing batch constructed wetlandseng
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/4760795505537665por
dc.contributor.advisor-co1Matos, Antonio Teixeira de
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4783529H2por
dc.contributor.advisor-co2Mounteer, Ann Honor
dc.contributor.advisor-co2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4723208Y4por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentConstruções rurais e ambiência; Energia na agricultura; Mecanização agrícola; Processamento de produpor
dc.publisher.programMestrado em Engenharia Agrícolapor
dc.publisher.initialsUFVpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ENGENHARIA AGRICOLApor
dc.contributor.advisor1Borges, Alisson Carraro
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4706302U9por
dc.contributor.referee1Calijuri, Maria Lúcia
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4783663E6por
dc.contributor.referee2Moreira, Débora Astoni
dc.contributor.referee2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4770493U0por
Aparece nas coleções:Engenharia Agrícola

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf2,03 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.