Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3761
Tipo: Dissertação
Título: Desenvolvimento de uma metodologia para delimitação automática de áreas de preservação permanente utilizando sistema de informação geográfica
Título(s) alternativo(s): Development of a methodology for automatic delimitation of permanent preservation areas using geographic information system
Autor(es): Machado, Kelison Jubini
Primeiro Orientador: Vieira, Carlos Antonio Oliveira
Primeiro coorientador: Gripp Junior, Joel
Segundo coorientador: Fernandes Filho, Elpídio Inácio
Primeiro avaliador: Calijuri, Maria Lúcia
Segundo avaliador: Medeiros, Nilcilene das Graças
Abstract: Para proteger o meio ambiente das agressões humanas, foram criadas áreas de preservação permanente para delimitar áreas impróprias para o uso da terra, a fim de se manter ou preservar a cobertura vegetal original nestes locais. Embora a legislação ambiental brasileira seja considerada ampla, alguns fatores têm contribuído para torná-la pouco ágil. Dentre esses, destaca-se a deficiência em meios e materiais para apurar com vigor as agressões ao meio ambiente, ligadas principalmente às bacias hidrográficas. A funcionalidade e eficácia de procedimentos integrada às informações produzidas por tecnologias do geoprocessamento podem produzir diagnósticos e fornecer subsídios capazes de identificar e mensurar áreas de preservação permanente, fortalecendo as ações ambientais de monitoramento como suporte para os instrumentos jurídicos de controle e fiscalização desses ambientes. Dentre as vantagens de se adotarem processos automáticos, destacam-se a confiabilidade e a replicabilidade dos resultados, que podem então ser organizados e facilmente acessados sob a forma de bases de dados digitais. Desta forma, apesar de já existirem algumas metodologias capazes de realizar as delimitações das áreas de preservação permanente de forma automática, essas metodologias não se encontram disponíveis para a comunidade científica, ou por estarem em processo de patente, ou mesmo por serem proprietários, ou ainda por necessitar de pessoal altamente qualificado para executar uma série de rotinas complexas. Nesta pesquisa desenvolveu-se uma metodologia para delimitação automática de áreas de preservação permanente, com base nos condicionantes estabelecidos pela Resolução nº 303 do CONAMA, de domínio público, com interfaces amigáveis e rotinas mais intuitivas para o analista. As vantagens na automação em relação aos procedimentos manuais são o aumento da eficiência dos processos, a obtenção de resultados rápidos e a possibilidade de armazenamento e compartilhamento dos dados digitais com a comunidade científica. Assim, é oportuno mencionar que utilizou-se o software ArcGIS como base para implementação dos procedimentos metodológicos, aliado aos dados de altimetria para geração do Modelo Digital de Elevação Hidrograficamente Condicionado, além dos dados da hidrografia, correspondentes à área de estudo de 5.510 ha. Com esta metodologia adotando a tecnologia do geoprocessamento foram delimitados de forma automática 2.154,09 ha de APP cerca de (39,09 %) da área total de estudo, sendo as APPs de terço superior da bacia ao longo das linhas de cumeada a categoria com maior representação na área de estudo, somando aproximadamente (52,53 %), enquanto que as áreas com declividades superiores a 45o apresentaram a menor participação dentre as categorias mapeadas, apenas 0,04 % do total de APPs. Ao término desta pesquisa, obteve-se uma metodologia viável, que facilmente pode ser adaptada para novas situações e bacias, a qual não requer um longo treinamento de operação por parte dos usuários. A metodologia desenvolvida, além de utilizar uma plataforma simples, possibilita interface com outras bases de dados existentes e de domínio público e pode ser utilizada, de forma personalizada para atender às necessidades específicas de instituições públicas, como por exemplo, do Instituto Estadual de Florestas (IEF), em Minas Gerais, entre outras.
Aiming at protecting the environment in its natural form from the actions, permanent preservation areas were created in order to outline unsuitable areas for land use, in order to maintain or preserve the original vegetation found at these locations. Although the Brazilian environmental law is considered to be quite satisfactory, some issues have contributed to make it somewhat slow-moving. Among such issues one may mention the deficiency on the means and materials to energetically investigate the belligerence against the environment, especially the ones related to the river basins. The functionality and effectiveness of the procedures integrated with the information generated by geoprocessing technologies may yield diagnoses and provide subsides able to to identify identify and measure areas of permanent preservation, strengthening the environmental monitoring actions as a way to support the legal instruments for controlling and monitoring these environments. Among the advantages of adopting automated processes, we highlight the reliability and repeatability of results which can then be organized and easily accessed from the digital databases. Therefore, although there are some methods which are able to automatically outline the permanent preservation areas, such methodologies are not available to the scientific community, as they are under patent processes or even for already having owners, or for the necessity of highly qualified personnel to perform a series of complex procedures. In our study, we developed a methodology for automatic outlining permanent preservation areas based on the conditions established by Resolution 303 of CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente - National Council for the Environment, public domain, with friendly interfaces and more intuitive procedures for the analyst. The advantages of automation compared to manual procedures are the increased efficiency of the procedures, fast achievement of results, and the possibility of storing and sharing digital data with the scientific community. It is also worth mentioning that for carrying out this project, the ArcGIS software was used as the basis for implementing the methodological procedures. The software was coupled with the altimetry data, for generating the Digital Elevation Model Watershed Conditioning, hydrographic data, and the map land use, regarding the area of study, which contains an area of 5510 ha. With this methodology adopting the geoprocessing technology, 2154.09 ha of APP were automatically outlined, around 39.09% of the area of study, being the the APP of the upper third of the basin along the ridge lines the category with the highest representation in the study area, totaling about 52.53% of protected areas. Conversely, the areas with slopes greater than the 45º had the lowest share among the categories surveyed, only 0.04% of total APPs. Upon completion of this research, a feasible methodology that can be easily adapted to new situations and basins, having a friendly interface, which does not require a long training operation by users, was achieved. Besides using a simple platform, this methodology will allow interface with other existing databases which will be into the public domain, being able to be customized to meet specific needs of public institutions such as the IEF (Instituto Estadual de Florestas - State Forestry Institute) of the State of Minas Gerais, among others.
Palavras-chave: Sistemas de informações geográficas
Área de preservação permanente
Modelagem computacional
Geographic information system
Permanent preservation area
Computational modeling
CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA CIVIL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Geotecnia; Saneamento ambiental
Programa: Mestrado em Engenharia Civil
Citação: MACHADO, Kelison Jubini. Development of a methodology for automatic delimitation of permanent preservation areas using geographic information system. 2010. 83 f. Dissertação (Mestrado em Geotecnia; Saneamento ambiental) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3761
Data do documento: 12-Nov-2010
Aparece nas coleções:Engenharia Civil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf4,52 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.