Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3772
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorCouto, Eduardo de Aguiar do
dc.date.accessioned2015-03-26T13:28:08Z-
dc.date.available2012-10-11
dc.date.available2015-03-26T13:28:08Z-
dc.date.issued2012-01-26
dc.identifier.citationCOUTO, Eduardo de Aguiar do. Greywater reuse in airport environments. 2012. 115 f. Dissertação (Mestrado em Geotecnia; Saneamento ambiental) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.por
dc.identifier.urihttp://locus.ufv.br/handle/123456789/3772-
dc.description.abstractAmbientes aeroportuários consomem grandes volumes de água para a manutenção de sua infraestrutura e rotina de operação, sendo que muitas das atividades exercidas não necessitam da água potável. As águas cinza, que são efluentes domésticos sem a contribuição de bacias sanitárias, podem representar alternativa importante a essa demanda não potável, uma vez que representam grande parte do volume do esgoto doméstico, e por outro lado, possuem menores concentrações de diversos poluentes. Esta pesquisa teve o objetivo de avaliar o potencial e a viabilidade para reuso de águas cinza em aeroportos para atender às demandas não potáveis, a partir de estudo realizado no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, Minas Gerais. Foi realizada a caracterização qualitativa das águas cinza segregadas, e os dados foram analisados com auxílio de estatística descritiva e multivariada. Além disso, procedeu-se o levantamento dos aspectos relacionados à produção desse efluente no aeroporto. Uma unidade de tratamento composta por filtro anaeróbio e dispositivo de desinfecção ultravioleta foi proposta e avaliada. Os resultados mostraram que não existem empecilhos para o reuso de águas cinza em ambiente aeroportuários. O volume produzido desse efluente pode suprir a demanda por água não potável, através de tratamento simplificado e de baixo custo. Portanto, o reuso de águas cinza em aeroportos deve ser fortemente incentivado, podendo propiciar grande economia de recursos financeiros e ambientais.pt_BR
dc.description.abstractAirport environments consume large amounts of water in order to maintain its infrastructure and routine operation, and most of the activities performed do not require potable water quality. Greywater, which is the domestic effluent without toilet contribution, can be an important alternative to meet the nonpotable demand in airports, once it represents most of the domestic sewage volume and presents low pollutant concentrations. The objective of this study was to assess the potential and feasibility of using greywater to meet nonpotable demands in airports, and it was carried out at the Tancredo Neves International Airport, in Confins, Minas Gerais. The quality assessment of greywater from different sources at the airport was performed and the data obtained was analyzed using descriptive multivariate statistics. Also, a survey was carried out to obtain information regarding greywater production. A treatment plant consisting of an anaerobic filter followed by ultraviolet disinfection was proposed and its efficiency was evaluated. The results showed that there are no impediments to greywater reuse in airport environments. The greywater volume produced can meet the non-potable demand after inexpensive and simplified treatment. Therefore, greywater reuse at airports should be strongly encouraged, as it can provide great savings in financial and environmental resources.eng
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Viçosapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectÁguas cinzapor
dc.subjectReusopor
dc.subjectAmbientes aeroportuáriospor
dc.subjectGray watereng
dc.subjectReuseeng
dc.subjectAirport environmentseng
dc.titleAvaliação do reuso de águas cinza em ambientes aeroportuáriospor
dc.title.alternativeGreywater reuse in airport environmentseng
dc.typeDissertaçãopor
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/6707163305986412por
dc.contributor.advisor-co1Azevedo, Mônica de Abreu
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4782410Z5por
dc.contributor.advisor-co2Marques, Eduardo Antônio Gomes
dc.contributor.advisor-co2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4784205H0por
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.departmentGeotecnia; Saneamento ambientalpor
dc.publisher.programMestrado em Engenharia Civilpor
dc.publisher.initialsUFVpor
dc.subject.cnpqCNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA SANITARIA::SANEAMENTO AMBIENTALpor
dc.contributor.advisor1Calijuri, Maria Lúcia
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4783663E6por
dc.contributor.referee1Calijuri, Maria do Carmo
dc.contributor.referee1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4780015P6por
Aparece nas coleções:Engenharia Civil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,16 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.