Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3786
Tipo: Dissertação
Título: Construção participativa de sistemas de tratamento de esgoto doméstico no Assentamento Rural Olga Benário-MG
Título(s) alternativo(s): Participatory development of wastewater treatment systems in the Rural Settlement Olga Benário-MG
Autor(es): Pires, Felipe Jacob
Primeiro Orientador: Rezende, Ana Augusta Passos
Primeiro coorientador: Borges, Alisson Carraro
Segundo coorientador: Mounteer, Ann Honor
Primeiro avaliador: Silva, Cláudio Mudado
Segundo avaliador: Ribeiro, Simone da Silva
Abstract: No Brasil, o saneamento básico em zonas rurais encontra-se ainda em situação precária, sobretudo em relação ao tratamento do esgoto domestico, expondo as famílias a focos de contaminação. A participação das comunidades rurais no processo decisório para a escolha das tecnologias de tratamento torna-se essencial para o acesso às informações e o sucesso dos sistemas a serem implantados. Neste contexto, este trabalho foi realizado com o objetivo de conceber e construir, de forma participativa com famílias do assentamento rural Olga Benário, MG, sistemas de tratamento de esgoto mais apropriados à realidade local. No que se refere ao tratamento de efluentes domésticos, destaca-se a gravidade da realidade das famílias, principalmente, nas zonas rurais, onde a situação de saneamento é precária, as quais ficam constantemente sujeitas e vulneráveis a focos de contaminação. A participação da comunidade no processo decisório para a escolha das tecnologias de tratamento é de suma importância para garantir o acesso às informações e a indissociabilidade entre o usuário e o produto. A metodologia com base na pesquisa-ação foi utilizada de forma a aproximar a pesquisa aos anseios da comunidade. O sistema de tratamento de esgoto domestico, composto de duas unidades: tanque de evapotranspiração e wetland construído, foi selecionado para o tratamento de águas negra e cinzas, respectivamente, e construído em três residências do assentamento pelos próprios moradores. A vegetação utilizada no tanque de evapotranspiração foi banana-nanica (Musa paradisiaca) e taioba (Xanthosoma sagittifolium (L.) Schott) e na unidade wetland construída foi lírio do brejo (Hedychium coronarium). Os sistemas foram monitorados em diversos parâmetros físicos, químicos e microbiológicos. As unidades de evapotranspiração alcançaram eficiências médias acima de 90%, em termos de remoção de turbidez, DQO, DBO5, SST, SSD, SSV e SSF, obtendo desenvolvimento foliar desejável e ausência de coliformes totais e E. coli em análises realizadas nas folhas e talos das taiobas. As unidades wetland construídos obtiveram bom desempenho no tratamento de águas cinzas com remoções médias de 86% e 88% para DQO e DBO5, respectivamente, e concentrações de sólidos suspensos totais no efluente variando de 19 e 37 mg.L-1 .
In Brazilian rural areas there is still a lack of basic sanitation, especially concerning to wastewater treatment, exposing the communitis to all sorts of contamination. The participation of rural communities in the decision making for choosing an adequate technology for wastewater treatment is essential to guarantee the access of information to the community and ultimately the success of the proposed treatment system. In this context, the present work aimed at the development and construction of wastewater treatment systems with fundamental participation of families of the Rural Settlement Olga Benário, Minas Gerais. The methodology based on research-action was used in order to approximate the research to the community needs. The wastewater treatment plants were composed of two units: evapo-transpirator tank and constructed wetland used for black and grey water treatment, respectively. The plants used for the evapo-transpiration tanks were banana-nanica (Musa paradisiaca) and taioba (Xanthosoma sagittifolium (L.) Schott). The plants used in the wetland units were lirio do brejo (Hedychium coronarium). They were built in three households, in a dynamic self-managed collective effort. The systems were monitored physical-chemical and microbiological analyses. The evapo-transpirator tanks achieved efficiencies above 90%, in terms of turbidity, COD, BOD5, TSS, VSS and FSS removals. The vegetation used in the evapotranspirator tank had a desirable development and absence of total coliforms and E. coli. in analyzes performed on the cocoyam´s leaves and stems. The constructed wetlands achieved a satisfactory performance in the grey water treatment, obtaining an organic matter removal average above 80%, reaching 86% and 88% for COD and BOD, respectively. In terms of suspended solids, the treated wastewater showed a concentration in a range of 19 and 37 mg.L-1.
Palavras-chave: Tanque de evapotranspiração
Wetland construída
Construção participativa
Evapo-transpirator tank
Constructed wetland
Participatory development
CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA SANITARIA::SANEAMENTO BASICO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Geotecnia; Saneamento ambiental
Programa: Mestrado em Engenharia Civil
Citação: PIRES, Felipe Jacob. Participatory development of wastewater treatment systems in the Rural Settlement Olga Benário-MG. 2012. 133 f. Dissertação (Mestrado em Geotecnia; Saneamento ambiental) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3786
Data do documento: 30-Nov-2012
Aparece nas coleções:Engenharia Civil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf5,14 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.