Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3940
Tipo: Dissertação
Título: Screening fungal isolates for biological control of culicid vectors based on formation of appressoria
Título(s) alternativo(s): Rastreamento de isolados fúngicos para o controle biológico de culicídeos vetores baseado na formação de apressório
Autor(es): Faria, Priscilla Lara
Primeiro Orientador: Elliot, Simon Luke
Primeiro coorientador: Martins, Gustavo Ferreira
Segundo coorientador: Pallini Filho, ângelo
Primeiro avaliador: Guarneri, Alessandra Aparecida
Resumo: The control of diseases transmitted by insect vectors may be performed by control of the etiological agent of the disease or by vector control. However due to difficulties with vaccine production, limited effectiveness of repellent compounds and the problems with synthetic insecticides, alternative means of vector control are of interest. Among these, biological control using entomopathogenic fungi has generated interest, whether for vector population control due to mortality, or through sublethal effects that can influence vectorial capacity. The host specificity of entomopathogenic fungi is likely to occur through recognition processes linked to the composition of the epicuticle of the insect target, showing different responses to different hosts. Here, we studied a technique for isolate screening of Beauveria bassiana and Metarhizium anisopliae using the wing cuticle of the mosquito vectors Aedes aegypti and Anopheles aquasalis. This technique consists of inoculating a suspension of 1x105 conidia/ml-1 on the wings of mosquitoes and determining, after 30 hours, conidial germination and appressorium development (this being necessary for infection), with the aim of selecting isolates that formed appressoria in both mosquito species. Confirming the functionality of the technique, we found that of 83 isolates tested in Ae. aegypti, 3 did not germinate, while 67 germinated and formed appressoria. In An. aquasalis, 40 isolates was tested and all germinated; of these, 32 germinated and formed appressoria. Of 40 isolates tested in both mosquitoes, 32 formed appressoria in both, in line with studies that report the selectivity of the fungi and the influence of cuticular compounds in recognition of the host. These selected fungi are being investigated for biological control of mosquitoes.
Abstract: O controle de doenças transmitidas por insetos vetores pode ser realizado através do controle do agente etiológico da doença ou do controle do vetor da doença. Entretanto, devido às dificuldades na produção de vacinas, à baixa eficácia dos compostos repelentes e aos problemas com inseticidas sintéticos, formas alternativas no combate aos vetores vêm sendo divulgadas. Entre as alternativas, o controle biológico com uso de fungos entomopatogênicos vem se destacando, seja visando o rápido extermínio do vetor, controlando diretamente sua população, ou ocasionando efeitos subletais que podem influenciar na capacidade vetorial destes insetos. A especificidade destes entomopatógenos aos seus hospedeiros ocorre, provavelmente, através de processos de reconhecimento que podem estar ligados à composição da epicutícula de seu inseto-alvo, demonstrando uma resposta diferente a determinados hospedeiros. No presente trabalho estudou-se uma técnica de rastreamento de isolados dos fungos Beauveria bassiana e Metarhizium anisopliae utilizando a cutícula das asas dos mosquitos vetores Aedes aegypti e Anopheles aquasalis. Essa técnica consistiu em inocular uma suspensão de 1x105 conídios ml-1 nas asas dos mosquitos e verificar, após 30 horas, a germinação e desenvolvimento de apressórios, buscando selecionar isolados que formassem esta estrutura de infecção em ambos os mosquitos. Confirmando a funcionalidade da técnica, nós verificamos que de 83 isolados testados em Ae. aegypti, 3 não germinaram e 67 germinaram e formaram apressórios. Em An. aquasalis, de 40 isolados testados, todos germinaram e destes, 32 germinaram e formaram apressórios. De 40 isolados testados em Ae. aegypti e An. aquasalis, 32 formaram apressórios em ambos, corroborando com estudos que relatam a seletividade dos fungos e a influência de compostos cuticulares no reconhecimento do hospedeiro. Estes fungos selecionados serão investigados para o controle biológico de mosquitos.
Palavras-chave: Aedes aegypti
Anopheles aquasalis
Biological control
Entomopathogenic fungi
Cuticle
Aedes aegypti
Anopheles aquasalis
Controle biológico
Fungos entomopatogênicos
Cutícula
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::PARASITOLOGIA::ENTOMOLOGIA E MALACOLOGIA DE PARASITOS E VETORES
Idioma: eng
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Ciência entomológica; Tecnologia entomológica
Programa: Mestrado em Entomologia
Citação: FARIA, Priscilla Lara. Rastreamento de isolados fúngicos para o controle biológico de culicídeos vetores baseado na formação de apressório. 2011. 65 f. Dissertação (Mestrado em Ciência entomológica; Tecnologia entomológica) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2011.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3940
Data do documento: 27-Jul-2011
Aparece nas coleções:Entomologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf429,8 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.