Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3999
Tipo: Dissertação
Título: Distribuição longitudinal de adultos de Odonata em riachos no Cerrado: uma hipótese ecofisiológica
Título(s) alternativo(s): Longitudinal distribution of adult Odonata in Cerrado streams: an ecophysiologic hypothesis
Autor(es): Batista, Joana Darc
Primeiro Orientador: Marco Junior, Paulo de
Primeiro coorientador: Cabette, Helena Soares Ramos
Segundo coorientador: Nessimian, Jorge Luiz
Primeiro avaliador: Resende, Daniela Chaves
Segundo avaliador: Sperber, Carlos Frankl
Abstract: A distribuição longitudinal de Odonata adultos foi avaliada em riachos de diferentes larguras na Bacia do Rio Pindaíba nos municípios de Barra do Garças e Nova Xavantina-MT. O objetivo geral foi avaliar a existência de gradientes ambientais influenciando a distribuição longitudinal de Odonata, estabelecendo predições testáveis para o grupo predador sobre o Conceito de Continuum fluvial. Foram testadas duas hipóteses: (1) o aumento da largura do canal longitudinalmente na bacia causa um aumento da entrada de luz e, assumindo restrições e habilidades distintas, haveria uma diminuição da riqueza de espécies de Zygoptera e aumento da riqueza de Anisoptera. (2) as libélulas respondem ao gradiente gerado pelo mecanismo do continuum fluvial, aumentando de riqueza nos riachos de tamanho intermediário. Foram amostrados 19 trechos em oito rios e riachos de 1a a 6a ordem, sendo que em cada um dos trechos foram efetuadas duas coletas, uma na estação seca e outra na estação chuvosa. A amostragem quantitativa foi feita pelo método de varredura com áreas fixas que consistiu na contagem visual do número de adultos em 100 metros do corpo d água, divididos em 20 segmentos de cinco metros. As medidas de largura e profundidade do canal foram tomadas no início, meio e final de cada segmento de 20 metros. Um total de 549 indivíduos foi coletado, pertencentes a uma família, 13 gêneros e 17 espécies de Anisoptera, e seis famílias, 15 gêneros e 30 espécies de Zygoptera. A abundância e a proporção de espécies de Zygoptera diminuem enquanto as de Anisoptera aumentam em relação à largura e a profundidade média dos rios e riachos. A largura foi considerada o melhor preditor da distribuição de espécies de Odonata. A distribuição de Odonata, considerando agregadamente Zygoptera e Anisoptera, não corrobora a hipótese de maior riqueza nos trechos médios dos riachos. Os resultados desse estudo suportaram a hipótese de termorregulação como fator determinante da distribuição das espécies de Odonata no sistema.
The longitudinal distribution of adult Odonata was examined in streams of different channel width in the Pindaíba River Basin, in the municipalities of Barra do Garças and Nova Xavantina. The general purpose was to evaluate the existence of environmental gradients that affect the longitudinal distribution of Odonata, and to establish testable predictions to this predator group regarding the River Continuum Concept. Two hypotheses were tested: (1) increasing channel width longitudinally along the basin causes an increase of light input, and, assuming restraints and distinct abilities, there would be a decrease of Zygoptera and increase of Anisoptera species richness. (2) Dragonflies are affected by the gradient generated through river continuum mechanisms, increasing species richness in medium-sized streams. I sampled 19 sites in rivers and streams from 1st to 6th orders, and in each site I sample once in the dry and once in the rainy seasons. Quantitative survey was conducted through scan method in fixed areas, counting visually on Odonata adults along 100 meters of the waterbody, divided into 20 stretches of 5 meters each. Channel width and depth measures were taken at the beginning, middle, and end of each 20-meter region. A total of 549 individuals were collected, distributed in one family, 13 genera and 17 species of Anisoptera, and six families, 15 genera and 30 species of Zygoptera. The abundance and proportion of Zygoptera species decrease while Anisoptera increase with channel width and mean depth of rivers and streams. The channel width was considered the best predictor of Odonata species distribution. The distribution of Odonata, species richness, did not corroborate the hypotheses of higher species richness in the middle courses of streams. The results obtained in this study confirm the thermoregulation hypothesis as a determining factor in the distribution of Odonata species in the system.
Palavras-chave: Odonata
Termorregulação
Riqueza de espécies
Continuum fluvial
Largura do canal
Mato Grosso
Ecologia dos rios
Libélula
Odonata
Thermoregulation
Species richness
River continuum
Channel width
Mato Grosso
River ecology
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA::ZOOLOGIA APLICADA::CONSERVACAO DAS ESPECIES ANIMAIS
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Ciência entomológica; Tecnologia entomológica
Programa: Mestrado em Entomologia
Citação: BATISTA, Joana Darc. Longitudinal distribution of adult Odonata in Cerrado streams: an ecophysiologic hypothesis. 2006. 51 f. Dissertação (Mestrado em Ciência entomológica; Tecnologia entomológica) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3999
Data do documento: 6-Jul-2006
Aparece nas coleções:Entomologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf963,69 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.