Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/44
Tipo: Dissertação
Título: Transmissão de preços na cadeia produtiva de suínos
Título(s) alternativo(s): Prices transmission in the swine production chain
Autor(es): Martins, Alexandra Pereira
Primeiro Orientador: Gomes, Marília Fernandes Maciel
Primeiro coorientador: Rosado, Patrícia Lopes
Segundo coorientador: Mattos, Leonardo Bornacki de
Primeiro avaliador: Arêdes, Alan Figueiredo de
Segundo avaliador: Braga, Marcelo José
Terceiro avaliador: Reis, Brício dos Santos
Abstract: A cadeia produtiva de suíno no Brasil passa por um processo de crescimento e modernização, principalmente no que se refere à ampliação da participação no mercado internacional de carne suína. No entanto, essa cadeia tem sofrido várias limitações, fatores que estão atrelados tanto à instabilidade de preços do setor de insumos (milho e soja) quanto àqueles do mercado internacional de carne suína, além do próprio mercado interno (baixo consumo). Tem-se, deste modo, um mercado que apresenta grande incerteza com relação a preços. Assim, neste trabalho buscou-se analisar as relações de transmissão dos preços entre os produtores de milho e soja e do preço internacional da carne suína sobre preços recebidos pelos produtores de suínos no Brasil, bem como analisar a integração do mercado internacional de carne suína no período de outubro de 2003 a abril de 2010. Para isso, o trabalho baseou-se na teoria da produção e da integração de preços entre mercados, no modelo teórico, e do Modelo de Autorregressão Vetorial com Correção de Erro (VEC), no modelo analítico. De acordo com os resultados foram constatadas relações independentes entre o preço recebido pelos suinocultores brasileiros e os preços recebidos por produtores brasileiros de soja, de milho e do preço internacional de carne suína, visto que um choque nos preços destes influenciou de forma significativa nos movimentos dos preços recebidos pelos suinocultores. No entanto, não foi verificada participação significativa dos preços recebidos pelos produtores de suíno do Brasil nos preços recebidos pelos produtores brasileiros de milho e de soja, bem como no preço internacional de carne suína. Assim, pode-se inferir que os preços recebidos pelos produtores brasileiros de soja e de milho e da carne suína no mercado internacional são relevantes para explicar o comportamento do preço recebido pelos produtores de suínos no Brasil. Porém, esse comportamento do preço não é harmônico, pois choques originados dos preços dos produtores brasileiros de suínos têm pouca influência sobre o preço recebido pelos produtores de milho, de soja e do preço internacional de carne suína. As funções de impulso-resposta evidenciaram que os preços dos produtores de suínos do Brasil sofrem por um longo período as interferências causadas pelos choques dos preços dos insumos e da carne suína no mercado internacional. No mercado internacional de carne suína, composto pelos principais exportadores de carne suína e dos principais importadores de carne suína do Brasil, observou-se que os preços de exportação de carne suína do Canadá e o de importação da Argentina foram os que mais influenciaram nas mudanças ocorridas nos preços da carne suína do Brasil; e que o preço da carne suína do Brasil influenciou de forma significativa os preços do mercado internacional de carne suína, dos Estados Unidos e do Canadá, além dos preços dos seus principais importadores de carne suína. Portanto, os preços pagos por Cingapura à carne suína brasileira foram altamente significativos nas mudanças de preços dos Estados Unidos, do Canadá, da União Europeia e do mercado internacional de carne suína. A única exceção verificada foi no preço da União Europeia, cujos preços mostraram-se mais vulneráveis aos preços dos Estados Unidos, da Argentina e de Cingapura e pequena relação com o preço da carne suína do Brasil, visto que este apresentou forte participação nos demais mercados de carne suína em análise. Pelo exposto, pode-se dizer que o mercado de carne suína do Brasil apresenta forte integração de preços no mercado mundial dessa carne.
The swine production chain in Brazil is undergoing a process of growth and modernization, particularly regarding the expansion of international market share of pork meat. However, this chain has suffered several limitations, arisen from factors that are linked to the price instability of industry inputs (corn and soybeans) and to the international pork meat market, adding up to the low consumption in the domestic market. There is, thus, a market with great uncertainty about prices. In this work, the objective was to analyze the transference relations occurred between the prices of corn and soybeans and the international price of pork meat, on the prices received by pork meat producers in Brazil, and also to analyze the integration of the pork meat international market within the period from October 2003 to April 2010. For this, the work was based on the theory of production and price integration between markets, the theoretical model, and Auto-regression Vector Model with Error Correction (VEC), the analytical model. According to the results, there had been found independent relationships between the price received by Brazilian pig farmers and the prices received by Brazilian producers of soybeans, corn and the international price of pork meat, since a price shock on these had a significant influence on the movements of prices received by pig farmers. However, there were not verified significant involvements of prices received by producers of pork meat from Brazil in the prices received by Brazilian producers of corn and soybean as well as the international price of pork meat. Thus, one can infer that prices received by Brazilian producers of soybeans, corn and pork meat, on the international market, are relevant to explain the behaviour of the price received by pork meat producers in Brazil. However, this price behaviour is not harmonic, since shocks originated in the prices of Brazilian pork producers have little influence on the price received by producers of corn, soybean and on the international price of pork. The impulseresponse functions showed that the prices of pork meat producers in Brazil for a long time have been suffering the interference caused by shocks in the prices of inputs and pork meat on the international market. In this market, composed of leading exporters of pork and major importer of pork from Brazil, it was observed that export prices of pork meat imported from Canada and Argentina are the ones that most influenced the changes in pork meat prices in Brazil, and the price of pork meat in Brazil had a significant influence on the international market prices, and also on the United States and Canada pork meat market prices, besides the prices of the main importers of pork. Therefore, the prices paid by Singapore to Brazilian pork meat were highly significant to the changes in the price of the United States, Canada, and the European Union and in the international market for pork meat. The only exception was found in the price of the European Union, whose prices were more vulnerable to price the United States, Argentina and Singapore, and small compared with the price of pork in Brazil, since it showed strong participation in other pork meat markets in the analysis. Consequently, it can only be said that the Brazilian pork meat market has a strong integration with the international pork meat market prices.
Palavras-chave: Transmissão de preços
Cointegração
Suínos
Soja e milho
Prices transmission
Cointegration
Pigs
Corn and soybean
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA::ECONOMIA INTERNACIONAL::RELACOES DO COMERCIO; POLITICA COMERCIAL; INTEGRACAO ECONOMICA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Economia e Gerenciamento do Agronegócio; Economia das Relações Internacionais; Economia dos Recursos
Programa: Mestrado em Economia Aplicada
Citação: MARTINS, Alexandra Pereira. Prices transmission in the swine production chain. 2010. 106 f. Dissertação (Mestrado em Economia e Gerenciamento do Agronegócio; Economia das Relações Internacionais; Economia dos Recursos) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/44
Data do documento: 20-Dez-2010
Aparece nas coleções:Economia Aplicada

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,87 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.