Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4406
Tipo: Dissertação
Título: Avaliação de meios semi-seletivos e técnicas moleculares para detecção de Xanthomonas campestris pv. campestris
Título(s) alternativo(s): Assessment of semiselective media and molecular tools for detection of Xanthomonas campestris pv. campestris
Autor(es): Amaral, Lívio da Silva
Primeiro Orientador: Oliveira, José Rogério de
Primeiro coorientador: Cunha, Luis Claudio Vieira da
Segundo coorientador: Carvalho, Claudine Márcia
Primeiro avaliador: Moura, Andrea Bittencourt
Abstract: Avaliou-se a eficiência de meios de cultura semi-seletivos, de testes de patogenicidade e a especificidade de primers para a detecção de Xanthomonas campestris pv. campestris (Xcc). Para a execução dos experimentos, foram utilizados 29 isolados recebidos de diferentes regiões do Brasil. Para a confirmação da identidade dos isolados foram realizados os testes de produção de xantomonadinas e de utilização de asparagina, análise da região 16s do genoma bacteriano e testes de patogenicidade. Dos 29 isolados, 24 foram identificados como pertencentes ao gênero Xanthomonas. Nenhum dos isolados induziu HR nas plantas inoculadas e apenas 14 isolados induziram sintomas típicos da podridão negra em couve. O meio NSCAA foi o único capaz de suportar o crescimento de todos os isolados, enquanto os meios mCS20ABN, YTSA-CC e Xan-D permitiram o crescimento da maioria dos isolados. À exceção do isolado X03, os primers XCR/XCF e HrcCR2/HrcCF2 permitiram a amplificação e visualização das bandas de tamanhos esperados para Xcc.
It was aimed to evaluate the efficiency of semi-selective media, for pathogenicity tests and primers specificity for detection of Xanthomonas campestris pv. campestris (Xcc). For execution of experiments, we used 29 strains received from different regions in Brazil. For confirmation of the identity of the strains we carried out xanthomonadins production test, asparagine utilization, analysis of the 16S rDNA genes region of bacterial genome and pathogenicity tests. Of the 29 strains, 24 were identified as belonging to Xanthomonas genus. None of the strains induced hypersensitivity reaction (HR) in inoculated plants and only 14 strains induced typical symptoms of black rot in collard. The NSCAA medium was the uniquely to support the growth of all strains, whereas mCS20ABN, YTSA-CC and Xan-D media allowed the growth of most of strains. Except of X03 strain, the XCR/XCF and HrcCR2/HrcCF2 primers allowed the amplification and visualization of bands of expected size to Xcc.
Palavras-chave: Detecção
Podridão negra
Brássicas
Semi-seletivos
PCR
Primers
Xanthomonas campestris pv. campestris
HR
Couve
Patogenicidade
Detection
Black rot
Brassica
Semi-selective
PCR
Primers
Xanthomonas campestris pv. campestris
HR
Cabbage
Pathogenicity
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOSSANIDADE::FITOPATOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Etiologia; Epidemiologia; Controle
Programa: Mestrado em Fitopatologia
Citação: AMARAL, Lívio da Silva. Assessment of semiselective media and molecular tools for detection of Xanthomonas campestris pv. campestris. 2012. 46 f. Dissertação (Mestrado em Etiologia; Epidemiologia; Controle) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4406
Data do documento: 13-Fev-2012
Aparece nas coleções:Fitopatologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,08 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.