Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4433
Tipo: Dissertação
Título: Etiologia da mancha de curvularia em gladíolo e aspectos da interação planta-patógeno
Título(s) alternativo(s): Etiology of curvularia leaf spot on gladiolus and and aspects of plant-pathogen interaction
Autor(es): Torres, Denise Pereira
Primeiro Orientador: Furtado, Gleiber Quintão
Primeiro avaliador: Kasuya, Maria Catarina Megumi
Segundo avaliador: Pereira, Olinto Liparini
Abstract: O mercado de flores e plantas ornamentais é um segmento promissor e encontra-se em expansão no Brasil. O gladíolo é reconhecido mundialmente devido à variedade de cores, tamanhos e forma das flores. Dentre as doenças relatadas para a cultura, a mancha de curvularia está entre as mais destrutivas. Os objetivos deste trabalho foram identificar o patógeno associado a essa doença no Brasil; avaliar a suscetibilidade dos principais materiais genéticos de gladíolo cultivado no país à mancha de curvularia e relacioná-la com o desenvolvimento de estruturas infectivas (porcentagem de germinação e de formação de apressórios) do patógeno; e elucidar o processo infeccioso do fungo em folhas de variedade suscetível e resistente de gladíolo. Plantas de Gladiolus grandiflorus variedades Amsterdam e T-704 apresentando sintomas de mancha de curvularia foram encontradas no Setor de Floricultura do Departamento de Fitotecnia / Universidade Federal de Viçosa. O patógeno foi identificado como Curvularia gladioli baseado em características morfométricas dos conídos e conidióforos e análises filogenéticas das regiões ITS e 28S do rDNA. Os genótipos Gladiolus callianthus e G. grandiflorus variedades Amsterdam, Red Beauty, Rose Friendship, T-704, Verônica e Yester Gold foram avaliadas quanto à suscetibilidade ao patógeno. Os materiais genéticos apresentaram diferentes níveis de suscetibilidade a C. gladioli, sendo G. grandiflorus variedades T-704 e Red Beauty os mais suscetíveis, seguidos da variedade Tradehorn e da espécie G. callianthus. Os demais materiais genéticos não diferenciaram entre si. Não houve diferença na porcentagem de germinação de conídios entre os materiais genéticos avaliados. Já quanto aos apressórios, foram observadas diferenças entre as porcentagens de formação desta estrutura entre G. callianthus e G. grandiflorus variedade Amsterdam e G. grandiflorus variedade T-704. O processo infeccioso de C. gladioli foi estudado em G. grandiflorus variedades T-704 e Verônica utilizando-se técnicas de microscopia de luz microscopia e de eletrônica de varredura. Não houve diferença na porcentagem de germinação de conídios e de formação de apressórios entre estas variedades. Em relação à colonização, foi observado um menor desenvolvimento de hifas nos tecidos da variedade resistente. Conidióforos foram observados emergindo através de tricomas e de aberturas estomáticas em ambas às variedades entre sete a oito dias após a inoculação. C. gladioli apresentou um desenvolvimento semelhante durante a pré- penetração em ambas as variedades e uma colonização e reprodução mais abundante na variedade suscetível. Essas informações são de grande importância para o entendimento da interação C. gladioli - gladíolo e contribuem para o desenvolvimento de estratégias de manejo da doença.
The flowers and ornamental market is a promising sector which is expanding in Brazil. The gladiolus is worldwide recognized due to the variety of colors, size and shape of its flowers. Among the diseases reported to gladiolus, the curvularia spot is one of the most destructive. The aims of this study were to identify the pathogen associated with this leaf spot in Brazil; evaluating the susceptibility of the main gladiolus genetic material, grown in this country, to curvularia spot and relating it with the development of pathogen infective structures (rate of germination and appressoria formation); and elucidate the fungus infection process in susceptible and resistant varieties of gladiolus leaves. Plants of Gladiolus grandiflorus varieties T-704 and Amsterdam showing curvularia spot were found in Crop science Department / Division of Floriculture of the Universidade Federal de Viçosa. The pathogen was identified as Curvularia gladioli based on conidia and conidiophores morphometric characteristics and phylogenetic analysis of ITS and 28S rDNA regions. The susceptibility to pathogen was evaluated on genotypes Gladiolus callianthus and G. grandiflorus varieties Amsterdam, Red Beauty, Rose Friendship, T-704, Verônica and Yester Gold. The genetic materials presented different level of susceptibility to C. gladioli. G. grandiflorus varieties T-704 and Red Beauty were the most susceptible followed by Tradehorn variety and Gladiolus callianthus. The remaining genetic materials did not differentiate between them. There was no difference in the germination rate between susceptible and resistant varieties. As for the appressorium, differences were observed between the percentages of formation of this structure between G. callianthus and G. grandiflorus variety Amsterdam and G. grandiflorus variety T-704. The infection process of C. gladioli was studied on G. grandiflorus varieties T-704 and Amsterdam using light and scanning electron microscopy techniques. There was no difference in the germination and appressorium formation rate between these varieties. Regarding the colonization, it was observed a lower hyphae development in the leaf tissues of resistant variety. Conidiophores were observed emerging through trichomes and stomatal openings in both the varieties from seven to eight days after inoculation. C. gladioli showed a similar development during pre-penetration in both varieties. The colonization and sporulation were more abundant in the susceptible variety. These information have a great importance to understand the C. gladioli - gladiolus interaction and contribute to development of strategies for the disease management.
Palavras-chave: Curvularia gladioli
Fungos fitopatogênicos
Gladiolo - Doenças e pragas
Plantas ornamentais
Curvularia gladioli
Pathogenic fungi
Gladiolo - Diseases and pests
Ornamental plants
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOSSANIDADE::FITOPATOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Etiologia; Epidemiologia; Controle
Programa: Mestrado em Fitopatologia
Citação: TORRES, Denise Pereira. Etiology of curvularia leaf spot on gladiolus and and aspects of plant-pathogen interaction. 2013. 54 f. Dissertação (Mestrado em Etiologia; Epidemiologia; Controle) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4433
Data do documento: 18-Fev-2013
Aparece nas coleções:Fitopatologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,26 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.