Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4484
Tipo: Dissertação
Título: Adubação molíbdica na cultura do feijão nos sistemas de plantio direto e convencional
Título(s) alternativo(s): Molybdenum fertilization on bean crop in no-tillage and conventional systems
Autor(es): Rocha, Paulo Roberto Ribeiro
Primeiro Orientador: Araújo, Geraldo Antônio de Andrade
Primeiro coorientador: Carneiro, José Eustáquio de Souza
Segundo coorientador: Cecon, Paulo Roberto
Primeiro avaliador: Ferreira, Lino Roberto
Segundo avaliador: Berger, Paulo Geraldo
Abstract: Com o objetivo de estudar o efeito de doses de molibdênio na cultura do feijoeiro nos sistemas de plantio direto e convencional sobre os componentes de produção e teores de nutrientes nas folhas e nos grãos, elaborou-se este trabalho. Foram conduzidos dois experimentos em campo: um no período de inverno-primavera (época de inverno), com semeadura em julho de 2006; e o outro no período de verão- outono (época da seca), sendo a semeadura realizada em março de 2007. O estudo foi conduzido na estação experimental da Universidade Federal de Viçosa, localizada no município de Coimbra, Minas Gerais, cujas coordenadas geográficas são 20°50 30 de latitude sul e 42º48 30 longitude oeste e altitude de 715 metros. Os experimentos foram conduzidos no delineamento de blocos ao acaso, com quatro de repetições, no esquema de parcela subdivididas. As parcelas foram constituídas pelos sistemas de plantio (direto e convencional) e as subparcelas, pelos níveis de Mo (0, 40, 80, 160, 320 g ha-1). A adubação de plantio se constituiu de 350 kg ha-1 do formulado 8-28-16, não tendo sido feita adubação em cobertura com nitrogênio. A cultivar utilizada foi a Ouro Vermelho. O Mo foi aplicado via foliar, aos 25 dias após a emergência das plântulas, utilizando como fonte o molibdato de sódio. Avaliou-se o número de grãos por vagem, o número de vagens por m2, a massa de 100 grãos, a produtividade de grãos, o estande final e os teores dos nutrientes nas folhas e nos grãos. O número de vagens por m2 e a produtividade dos grãos aumentou em resposta a aplicação foliar de molibdênio. A produtividade de grãos, no sistema de plantio direto foi maior que plantio convencional. Na época de plantio de inverno, a produtividade e os componentes de produção foram maiores que na época da seca. Os teores de Mo nas folhas do feijoeiro aumentaram em resposta à sua aplicação. Os teores de foliares de N (total e orgânico) do feijoeiro aumentam em resposta a adubação à aplicação de Mo, em ambos os sistemas de plantio.
The objective of this work was to study the effects of molybdenum doses, applied on bean crop under the conventional and no-tillage systems, on the production components and nutrient rates in leaves and grains. Two experiments were carried out in the field: one during winter- spring (winter season), with sowing in July 2006, and the other one during summer-fall (dry season), with sowing in March 2007. The study was carried out in the Experimental Station at the Federal University of Viçosa, Coimbra County, Minas Gerais State, Brazil, 20°50 30 South Latitude and 42º48 30 West Longitude, 715m High. The experiments were carried out in randomized block design with four repetitions and subdivided plots. The plots were represented by the soil management system (conventional or no-tillage), and the subplots were represented by the molybdenum doses (0, 40, 80, 160 and 320 g ha-1). The crop fertilization included 350 kg ha-1 of the 8-28-16 (NPK) formulation. Nitrogen fertilization was not simultaneously performed to the Mo fertilization. Ouro Vermelho variety crops were used. Mo was foliarly applied 25 days after the seedlings had sprouted, using sodium mobybdate as a source of Mo. The number of grain per pods, the number of pods per square meter, the weight of 100 grains, grain productivity, number of plants per plot, and nutrient rates in the leaves and grains were evaluated. The number of pods per square meter and grain productivity were increased by Mo doses. Grain productivity under the no-tillage system was higher than the conventional one. Productivity and production components were higher in the winter season when compared to the dry season. Mo rates in the bean leaves increased in response to its application. Mo leaf fertilization increased N (total and organic) rates in bean crops under both plantation systems.
Palavras-chave: Feijão
Molibdênio
Sistema de plantio
Beans
Molybdenum
Planting system
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de
Programa: Mestrado em Fitotecnia
Citação: ROCHA, Paulo Roberto Ribeiro. Molybdenum fertilization on bean crop in no-tillage and conventional systems. 2008. 56 f. Dissertação (Mestrado em Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4484
Data do documento: 8-Mai-2008
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf325,02 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.