Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4511
Tipo: Dissertação
Título: Soluções homeopáticas e resposta alelopática de Conyza bonariensis L.
Título(s) alternativo(s): Homeopathic remedies and allelopathic answer of Conyza bonariensis de Conyza bonariensis L.
Autor(es): Rodrigues, Camila Moreira
Primeiro Orientador: Casali, Vicente Wagner Dias
Primeiro coorientador: Cecon, Paulo Roberto
Segundo coorientador: Ferreira, Francisco Affonso
Primeiro avaliador: Duarte, Elen Sonia Maria
Segundo avaliador: Andrade, Fernanda Maria Coutinho de
Terceiro avaliador: Dôres, Rosana Gonçalves Rodrigues das
Abstract: O presente trabalho teve como objetivo avaliar os efeitos dos preparados homeopáticos de Conyza bonariensis em doze dinamizações nas duas escalas de diluição, centesimal e decimal. A planta Conyza bonariensis, considerada agronomicamente invasora de cultivos principalmente de soja no interior do sul do Brasil, tem biótipos resistentes aos defensivos agrícolas e foi verificada a atividade alelopática em experimentos laboratoriais. Sementes de alface da variedade Regina, sem defensivos, foram utilizadas nos testes alelopáticos de germinação e crescimento. O experimento seguiu o delineamento inteiramente casualizado com 4 repetições, água destilada como tratamento controle e 7 tratamentos: 10, 30, 50, 70, 90 e 100% do extrato aquoso de C. bonariensis. As parcelas foram condicionadas em BOD no período de sete dias, nas condições prescritas na Regra de Análise de Sementes (RAS). Após o período experimental, verificou-se pela análise de variância seguida de regressão que as altas concentrações do extrato aquoso de C. bonariensis interferiram na germinação e no crescimento das plântulas. A triagem fitoquímica preliminar do composto bruto de C. bonariensis indicou a presença de ácidos orgânicos e alcalóides. Esses metabólitos secundários podem estar envolvidos na atividade alelopática verificada na planta. A fim de analisar a presença do mesmo comportamento da planta, com ultradiluições foi obtida a tintura-mãe e os respectivos preparados homeopáticos de C. bonariensis de acordo com a Farmacopéia Brasileira Homeopática no Laboratório de Homeopatia da UFV. Em experimentos foram estudados os efeitos das homeopatias nas escalas centesimal e decimal. Plantas de alface “Regina” foram utilizadas como plantateste, sendo parte das plantas provenientes de sementes tratadas com o extrato bruto de C. bonariensis no período de pré-germinação de 3 horas e parte das plantas provenientes de sementes não tratadas. Os dois experimentos seguiram o delineamento em blocos ao acaso com 28 tratamentos e 4 repetições. As homeopatias foram aplicadas diariamente, 10 gotas/100mL de água deionizada em cada parcela/vaso. Os dados foram analisados por meio de análise de variância e as médias comparadas utilizando o critério de Scott-Knott adotando-se o nível de 5% de probabilidade. Considerando as plantas de alface organismos sadios, pode ser inferido que os dados quantificados caracterizam a patogenesia das dinamizações dos preparados homeopáticos. Cada preparado atuou conforme o princípio da similitude.
This study aimed to evaluate the effects of homeopathic preparations of Conyza bonariensis in twelve dinamizations of two dilution’s proximate scales, centezimal and decimal. The plant Conyza bonariensis, agronomically considered na invader, mainly of soybean crops, in the south of Brazil. It has resistant biotypes to agrochemicals and it’s allelopathic activity was observed in laboratory experiments. Lettuce seeds of Regina variety, without chemicals, were used in allelopathic tests of germination and growth. The experiment followed a completely randomized design with 4 replicates, distilled water as treatment of control and 7 treatments: 10, 30, 50, 70, 90 and 100% of the aqueous extract of C. bonariensis. The plots were conditioned in BOD in the period of seven days under the conditions prescribed in the Rule Analysis Seeds (RAS). After the trial period, it was found by variance analysis, followed by a regression that high concentrations of aqueous extract of C. bonariensis interfered in germination and seedlings’s growth. The preliminary phytochemical screening of crude compound of C. bonariensis indicated the presence of organic acids and alkaloids. These secondary metabolites may be involved in the allelopathic activity observed in the plant. In order to analyze the presence of the same behavior of the plant, with ultra high dilutions it was obtained to the mother-tincture and the homeopathic preparations of C. bonariensis, according to the Homeopathic Brazilian Pharmacopoeia in the Homeopathy Laboratory of UFV. The experiments studied the effects of homeopathy in the proximate and decimal scales. Lettuce Plants of "Regina" were used as the test-plant, being parts of the plants from seeds treated with the crude extract of C. bonariensis in the pre-germination of 3 hours and part of plants from seeds weren’t treated. Both experiments followed the design in randomized blocks with 28 treatments and 4 replicates. The homeopaths were applied daily, 10 drops/100mL of deionized water in each plot/pot. Data were analyzed through variance analysis and compared averages, using the using the criterion of Scott-Knott, taking up the level of 5% probability. Considering the lettuce plants healthy bodies, it can be inferred that the quantified data characterize the pathogenesis of homeopathic preparations’s dinamizations. Each preparation served according to the principle of similarity.
Palavras-chave: Homeopatia
Alelopatia
Plantas medicinais
Altas diluições
Homeopathy
Allelopathy
Medicinal plants
High dilutions
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de
Programa: Mestrado em Fitotecnia
Citação: RODRIGUES, Camila Moreira. Homeopathic remedies and allelopathic answer of Conyza bonariensis de Conyza bonariensis L.. 2009. 93 f. Dissertação (Mestrado em Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2009.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4511
Data do documento: 24-Jul-2009
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf837,92 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.