Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4683
Tipo: Dissertação
Título: Fontes de resistência a Bemisia tabaci entre as sub-amostras de tomateiro do Banco de Germoplasma de Hortaliças da UFV
Título(s) alternativo(s): Sources of resistance to Bemisia tabaci between the tomato plants accessions Horticultural Germplasm Bank of UFV
Autor(es): Sena, Maria Elisa de
Primeiro Orientador: Silva, Derly José Henriques da
Primeiro coorientador: Picanço, Marcelo Coutinho
Segundo coorientador: Bacci, Leandro
Primeiro avaliador: Carneiro, Pedro Crescêncio Souza
Segundo avaliador: Pallini Filho, ângelo
Abstract: A mosca-branca Bemisia tabaci (Hemiptera: Aleyrodidae) é uma importante praga de Lycopersicon esculentum. Os danos causados pelos adultos e ninfas consistem na sucção de seiva, injeção de toxinas e transmissão de fitoviroses. O uso de variedades resistentes é uma alternativa no manejo dessa praga. No processo de obtenção dessas variedades é fundamental a seleção de fontes de resistência, o estudo dos mecanismos e causas da resistência. Assim, o objetivo deste trabalho foi selecionar fontes de resistência a B. tabaci dentre 103 subamostras de tomateiro do Banco de Germoplasma de Hortaliças da Universidade Federal de Viçosa (BGH-UFV). O experimento foi conduzido em casa de vegetação do DBA- UFV. As características avaliadas foram os números de adultos/planta, ovos/planta e ninfas/planta. Calcularam-se os números de ovos/adulto, ninfas/ovo e o índice de resistência das subamostras em relação ao padrão de suscetibilidade (cultivar Santa Clara). Realizou-se contagem do número de tricomas/0,04 cm2 do limbo foliar, a identificação e a quantificação dos compostos químicos encontrados na extração hexânica em cada subamostra de tomateiro. Verificou-se diferença nas densidades de adultos/planta, ovos/planta, ninfas/planta, ovos/adulto e ninfas/ovo. Foram identificados 20 picos nos cromatogramas dos extratos hexânicos das folhas de 104 subamostras de tomateiro do BGH-UFV. Observou-se correlação positiva e significativa (p<0,05) dos hidrocarbonetos undecano, tritecano, octadecano, hexacosano e nonacosano com adultos e ninfas de B. tabaci. Verificaram-se diferenças significativas na densidade de tricomas/0,04 cm2 e correlação positiva e significativa entre a densidade de tricomas e o número de ovos/planta. As subamostras BGH-225, BGH-327, BGH-630, BGH-813, BGH-985, BGH-2029, BGH-2030, BGH-2055, BGH- 2057, BGH-2060, BGH-2062 e BGH-2068 são fontes de resistência ao biótipo B de B. tabaci considerando todas as características avaliadas. Os mecanismos de resistência associados a estes BGHs foram antixenose e antibiose e as causas da resistência foram químicas e morfológicas.
Whitefly Bemisia tabaci (Hemiptera: Aleyrodidae) is an important pest of Lycopersicon esculentum. The injuries caused by adults and nymphs are sucking of sap, injection of toxins and transmission of fitoviroses. The use of resistants varieties is a alternative to managmant of this pest. In order to have these varieties is important the selection of sources of resistance, study of mechanisms and causes this resistance. Thus, this work aimed to select sources of resistance to B. tabaci of the 103 tomato plants accessions of the Horticultural Germplasm Bank of Federal University of Viçosa (HGB-UFV). The experiment was conducted in greenhouse of the DBA-UFV. The characteristics evaluated were number of adults/plant, eggs/plant and nymphs/plant. Were calculates the number of eggs/adult, nymphs/egg and the index resistance of the accessions compared with commercial cultivar Santa Clara. Were evaluated the number of trichome/0.04 cm2 of the leaf, the identification and the quantification of the chemical compounds from in the hexanic extraction in each tomato accessions. Differences were observed in the densities adults/plant, eggs/plant, nymphs/plant, eggs/adult and e nymphs/egg. 20 peaks were identified in the gas chromatogram from hexanic extracts of the leaves of 103 tomato plants accessions (HGB-UFV). Observed significant positive correlation (p<0.05) between hydrocarbons undecane, tritecane, octadecane, hexacosane and nonacosane with adults and nymphs B. tabaci. Significative differences were observed in the trichomes density/0.04 cm2 and significant positive correlation betweem the trichomes density and the number of eggs/plant. The accections HGB-225, HGB-327, HGB-630, HGB- 813, HGB-985, HGB-2029, HGB-2030, HGB-2055, HGB-2057, HGB- 2060, HGB-2062 e HGB-2068 were the more resistants to B. tabaci in all characteristics evaluated. The resistance mechanisms associated to these HGBs were antixenosis and antibiosis. The causes were chemical and morphological.
Palavras-chave: Fitoquímicos
Mosca branca
Tricomas
Phytochemicals
Whitefly
Trichome
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA::MELHORAMENTO VEGETAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me
Programa: Mestrado em Genética e Melhoramento
Citação: SENA, Maria Elisa de. Sources of resistance to Bemisia tabaci between the tomato plants accessions Horticultural Germplasm Bank of UFV. 2009. 53 f. Dissertação (Mestrado em Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2009.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4683
Data do documento: 16-Fev-2009
Aparece nas coleções:Genética e Melhoramento

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf238,68 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.