Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4779
Tipo: Dissertação
Título: Uso de marcadores microssatélites na confirmação de autofecundação em cana-de-açúcar
Título(s) alternativo(s): Microsatellites DNA markers for the confirmation of selfing in sugarcane
Autor(es): Costa, Paulo Mafra de Almeida
Primeiro Orientador: Barbosa, Marcio Henrique Pereira
Primeiro coorientador: Motoike, Sérgio Yoshimitsu
Segundo coorientador: Bhering, Leonardo Lopes
Primeiro avaliador: Silva, Felipe Lopes da
Abstract: Indivíduos endógamos superiores selecionados em famílias S1 podem integrar um programa de seleção recorrente recíproca em cana-de-açúcar, eliminando a carga genética da população e explorando combinações híbridas superiores. A identificação confiável dos indivíduos verdadeiramente provenientes de autofecundação nas populações S1 pode ser realizada por meio de marcadores moleculares. O objetivo desse estudo foi empregar marcadores microssatélites na confirmação de progênies resultantes de autofecundação em cana-de-açúcar. Oito locos selecionados produziram 62 alelos em oito cultivares testadas, com número de alelos por marcador variando de 6 a 15 e média de 7 alelos por loco. Três locos foram altamente informativos e utilizados no acesso dos níveis de autofecundação em cinco famílias S1. As proporções de autofecundação encontradas variaram de 20 a 58,1%, embora acredita-se que haja uma subestimação dos valores, devido ao número de amostras eliminadas da análise final. Os locos microssatélites possibilitam uma identificação confiável de indivíduos S1 em cruzamentos de cana-de-açúcar e podem ser empregados em estratégias de seleção em um programa de melhoramento de cana-de-açúcar.
Superior inbred clones selected in S1 families can integrate a reciprocal recurrent selection program of sugarcane by eliminating the genetic load of the population and explorating superior hybrid combinations. Molecular markers can be used for reliable identification of true selfing-derived clones in S1 populations. The objective of this study was to confirm true selfs in sugarcane families using microsatellite markers. The eight SSR primers chosen generated a total of 62 polymorphic markers, with the number of alleles recorded per SSR marker across the 8 cultivars tested ranged between 6 and 15 with an average of 7. Three loci were found to reveal highly informative bands and were used to assess the level of selfing in five S1 families. Levels ranged from 20 to 58,1 % which would be as a result of subestimated values due to a limited number of samples in the final analysis. The SSR loci provide a reliable and accurate identification of S1 progenies in sugarcane crossings and can be used as a tool to assist selection strategies in sugarcane breeding programs.
Palavras-chave: Saccharum spp.
Endogamia
Marcadores moleculares
Melhoramento vegetal
Saccharum spp.
Inbreeding
Molecular markers
Plant breeding
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA::MELHORAMENTO VEGETAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me
Programa: Mestrado em Genética e Melhoramento
Citação: COSTA, Paulo Mafra de Almeida. Microsatellites DNA markers for the confirmation of selfing in sugarcane. 2011. 43 f. Dissertação (Mestrado em Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2011.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4779
Data do documento: 26-Jul-2011
Aparece nas coleções:Genética e Melhoramento

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf623,06 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.