Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4831
Tipo: Dissertação
Título: A configuração de gêneros multimodais: um estudo sobre a relação gênero-suporte nos gêneros discursivos tira cômica, cartum, charge e caricatura
Título(s) alternativo(s): The configuration of multimodal genres: a study on the relationship between gender-support in genres comic strip, cartoon, charge and caricature
Autor(es): Simões, Alex Caldas
Primeiro Orientador: Gomes, Maria Carmen Aires
Primeiro coorientador: Silva, Adriana da
Segundo coorientador: Melo, Mônica Santos de Souza
Primeiro avaliador: Vian Júnior, Orlando
Segundo avaliador: Ramos, Paulo Eduardo
Abstract: Como reconhecer, caracterizar e diferenciar os gêneros multimodais tira cômica, cartum, charge e caricatura? Como se estabelecem as relações gênero-suporte nesses gêneros? Pautados no aporte teórico-metodológico dos estudos de gêneros vinculada à Lingüística Sistêmico-Funcional – LSF – (HALLIDAY; HASAN, 1989) e aos quadrinhos (RAMOS, 2009; MCCLOUD, 1995; EISNER, 1999), procuramos refletir essas questões de forma a: (1) descrever a Estrutura Potencial do Gênero (EPG) dos gêneros multimodais tira cômica, cartum, charge e caricatura; (2) caracterizar o suporte dos gêneros multimodais em foco a partir da perspectiva da LSF; e (3) investigar a relação gênero-suporte nos gêneros supracitados. A fim de cumprirmos estes objetivos de pesquisa, procuramos, por meio da pesquisa qualitativa, a partir da análise de textos e imagens, estudar os seguintes suportes livro e seus gêneros: (a) Aline (I, II, III), de Adão Iturrusgarai (2007, 2009a, 2009b), com as tiras cômicas; (b) Assim Rasteja a Humanidade, de Allan Sieber (2006), com os cartuns; (c) Fatores de Risco, de Júlio Erthal (1998), com as charges; e (d) Caricaturas e Caricaturados, de Mário Mendez, com as caricaturas. De nossa pesquisa, concluímos que há dificuldade de se diferenciar os gêneros tira cômica, cartum, charge e caricatura, pois estes apresentam a mesma variável modo (escrito/multimodal) e relações (autor versus leitor) de registro; já a variável campo de registro ocorre de maneira diferente, o que, portanto, elege estágios de realização específicos para cada gênero, o que os diferencia. Quanto à relação gênero-suporte, podemos dizer que o suporte – como organização material da linguagem, inscrita no registro – elege elementos de realização material que o qualificam como suporte pretendido em uma dada cultura e o individualiza perante seus pares, a esses elementos chamamos de elementos gráficos que se realizam em função da relação autor versus editor(a).
How to recognize, characterize and differentiate the genders multimodal comic strip, cartoon, cartoons and caricature? How relationships are established genres such genre-support? Based on the theoretical and methodological studies of gender linked to Systemic-Functional Linguistics – SFL – (HALLIDAY; HASAN, 1989) and comics (RAMOS, 2009; MCCLOUD, 1995; EISNER, 1999), we tried to reflect these issues in order to: (1) describe the Generic Structure Potential (GSP) genres strip comics, cartoon, cartoon and caricature; (2) characterize the support of the genres in focus from the perspective of SFL, and (3) investigate the relationship between gender-holder in the genres mentioned above. In order to fulfill these research objectives, we, through qualitative research, from the analysis of texts and images, study the book and its supporters following genres: (a) Aline (I, II, III), by Adão Iturrusgarai ( 2007, 2009a, 2009b), with the comics strips, (b) So Crawls Humanity, by Allan Sieber (2006), with the cartoons, (c) Risk Factors, by Júlio Erthal (1998), with the cartoons, and (d) Caricatures and caricatured, by Mario Mendez, with the cartoons. From our research, we conclude that it is difficult to differentiate the genders comics strip, cartoon, cartoons and caricatures, because they present the same variable mode (written/ multimodal) and tenor (author versus reader) of registers, where as the variable field of register is respectful, which thus elects stages of completion for each specific genre, what sets them apart. As for the gender-support ratio, we can say that the support – as an organization of language material, entered in register – elects elements of realization that qualify as material support required in a given culture and individually with their peers, these elements we call grafic elements that take place according to the relationship author versus editor (a).
Palavras-chave: Gêneros discursivos
Lingüística Sistêmico-Funcional
Estrutura Potencial do Gênero (EPG)
Suporte
Discursive genres
Systemic-Functional Linguistics
Generic Structure Potential (GSP)
Support
CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Estudos Linguisticos e Estudos Literários
Programa: Mestrado em Letras
Citação: SIMÕES, Alex Caldas. The configuration of multimodal genres: a study on the relationship between gender-support in genres comic strip, cartoon, charge and caricature. 2010. 151 f. Dissertação (Mestrado em Estudos Linguisticos e Estudos Literários) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4831
Data do documento: 20-Dez-2010
Aparece nas coleções:Letras

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf5,39 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.