Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4850
Tipo: Dissertação
Título: Metacognição e autonomia como aliadas do processo de ensino e aprendizagem de Língua Inglesa
Título(s) alternativo(s): Metacognition and autonomy as allies of English teaching and learning process
Autor(es): Thürck, ádini Leite Nunes
Primeiro Orientador: Barcelos, Ana Maria Ferreira
Primeiro avaliador: Bambirra, Maria Raquel de Andrade
Segundo avaliador: Coelho, Hilda Simone Henriques
Abstract: O conhecimento que os aprendizes possuem sobre o próprio processo de aprendizagem ou sobre o próprio conhecimento (WENDEN, 1999, 2001; RIBEIRO, 2003) é considerado um grande aliado na promoção da autonomia. Assim, ao lançar mão da metacognição, o aprendiz pode estabelecer metas, objetivos, escolher estratégias, planejar o estudo, controlar o próprio desempenho, se tornando mais autônomo, o que pode levar a uma aprendizagem mais efetiva e, consequentemente, a uma maior motivação (WENDEN, 1991; BENSON & VOLLER, 1997; SANTOS, 2002; DOMICIANO e SANTOS, 2003; PAIVA, 2005; BAMBIRRA, 2009). Este trabalho, realizado em uma escola particular de ensino fundamental, com alunos de 8º ano, teve como objetivos a) investigar, através de questionários abertos, entrevistas e um grupo focal, o que professor e aprendizes de Língua Inglesa sabem sobre a metacognição e autonomia e sua importância para o ensino e aprendizagem de línguas e, b) realizar um trabalho de intervenção que visasse conscientizar tanto professor como aprendizes sobre a necessidade de utilizar a metacognição e a importância da autonomia na aprendizagem. O trabalho de intervenção envolveu a aplicação de atividades aos aprendizes com foco metacognitivo e na autonomia e também reuniões de discussão acerca do tema com a professora-participante. Os resultados sugeriram indícios de mudança no conhecimento dos aprendizes sobre metacognição e autonomia e sobre como eles podem fazer para buscar variadas maneiras de aprender a aprender . Também foi possível perceber, após a aplicação das atividades de intervenção, uma maior conscientização desses aprendizes sobre o potencial da postura autônoma e ativa que eles podem assumir nesse processo. Em relação à professora, sinais sutis de conscientização em seu conhecimento sobre a metacognição e autonomia puderam ser detectados, apesar do reduzido número de reuniões de discussão. Com a realização desta pesquisa, busquei reforçar o quanto o trabalho consciente com a metacognição e autonomia na sala de aula de Língua Inglesa pode trazer uma contribuição para a aprendizagem dos alunos, oferecendo-lhes ferramentas para desempenhar um papel mais ativo na sua aprendizagem, gerenciando-a, avaliando-a e controlando-a de forma sistemática e consciente.
The knowledge learners have about their own knowledge and their own learning process is of great importance to the promotion of their autonomy in the learning process. Thus, by the use of metacognition the learner is able to set goals for learning, pick out the best strategies, plan their studies, control his/her own performance and thus, become more autonomous, which can lead to a more effective learning and also increase motivation (WENDEN, 1991; BENSON & VOLLER, 1997; SANTOS, 2002; DOMICIANO e SANTOS, 2003; PAIVA, 2005; BAMBIRRA, 2009). This study, conducted at a secondary private school, with 8th grade students, aimed at: a) investigating, through open-ended questionnaires, interviews and a focus group, what a teacher and English learners know about metacognition, autonomy and their importance to the learning process and, b) carrying out an intervention in order to show the teacher and the learners the importance of the use of metacognition to the language learning process as well as the importance of learner autonomy. This intervention consisted of several class activities related to metacognition and autonomy and also discussions between the teacher and the researcher on these topics. The results suggested signs of changes concerning the learner knowledge about metacognition and autonomy and also about what they can do in order to find new ways of learning to learn . After the intervention, it was also possible to notice that learners became more aware of the potential of autonomous attitudes and active role they can have in this process. Concerning the teacher s knowledge, subtle signs of awareness in her knowledge about metacognition and autonomy could be noticed, despite the reduced number of discussion meetings. Throughout this study, I aimed at reinforcing how much dealing with metacognition and autonomy in a conscious way in language classes can have a positive impact on the students learning, and also at offering them tools to take a more active role into their learning, managing it as well as taking responsibility for it, and evaluating their own progress in a systematic and conscious way.
Palavras-chave: Metacognição
Autonomia
Processo de ensino e aprendizagem de Língua Inglesa
Metacognition
Autonomy
English teaching and learning process.
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA EXPERIMENTAL::PROCESSOS COGNITIVOS E ATENCIONAIS
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Estudos Linguisticos e Estudos Literários
Programa: Mestrado em Letras
Citação: THÜRCK, ádini Leite Nunes. Metacognition and autonomy as allies of English teaching and learning process. 2012. 199 f. Dissertação (Mestrado em Estudos Linguisticos e Estudos Literários) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4850
Data do documento: 30-Mar-2012
Aparece nas coleções:Letras

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,32 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.