Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4990
Tipo: Dissertação
Título: Antígenos de larvas de Taenia crassiceps e Taenia solium em teste ELISA para diagnóstico da cisticercose bovina
Título(s) alternativo(s): Utilization of Taenia crassiceps and Taenia solium metacestodes antigens in ELISA test for the diagnosis of bovine cysticercosis
Autor(es): Monteiro, Lílian Lameck
Primeiro Orientador: Pinto, Paulo Sérgio de Arruda
Primeiro avaliador: Salcedo, Joaquín Hernán Patarroyo
Segundo avaliador: Bevilacqua, Paula Dias
Terceiro avaliador: Araújo, Jackson Victor de
Quarto avaliador: Santos, Wagner Luiz Moreira dos
Abstract: A cisticercose bovina é uma zoonose que tem o ser humano como único hospedeiro definitivo. Além de sua importância para a Saúde Pública, esta parasitose acarreta prejuízos econômicos em matadouros, ao levar as carcaças acometidas a julgamento. Este trabalho teve como objetivo o desenvolvimento de um teste de diagnóstico sorológico da cisticercose bovina pelo teste ELISA empregando dois antígenos de larvas de Taenia crassiceps e três de Taenia solium. Foram utilizados 20 soros de bovinos infectados experimentalmente com ovos de T. saginata, 60 de bovinos com infecção natural, diagnosticados em matadouros, cinco de bovinos negativos para cisticercose, criados sob isolamento, 55 de bovinos considerados negativos em matadouros e 10 de bovinos portadores de actinomicose (n=2), actinobacilose (n=1), fasciolose (n=1) diagnosticados em matadouro e de bovinos infectados experimentalmente com Anaplasma marginale (n=3), Babesia sp. (n=2) e infecção mista por Anaplasma marginale e Babesia bovis (n=1). Foram empregados os antígenos total e vesicular de larva de Taenia crassiceps e total, de escólex e de membrana de larva de Taenia solium no teste ELISA, após prévia caracterização em eletroforese em gel de poliacrilamida (SDS-PAGE) sob gradiente 5 a 20%. Após a realização de ensaios de avaliação do desempenho do teste em duas etapas, sempre considerando o critério da amplitude da diferença entre densidades ópticas de soros-controle positivos e negativos, foram obtidos os resultados que se seguem. A concentração de 1 µg de antígeno por orifício foi a que proporcionou, na maioria das vezes, a maior diferenciação entre soros positivos e negativos com todos os cinco antígenos estudados. As diluições 1:25 de soros e 1: 5.000 de conjugado também foram as que se destacaram, à exceção do antígeno de líquido vesicular de larva de T. crassiceps, que teve melhor desempenho quando o conjugado foi diluído a 1:2.500 vezes. O leite desnatado foi a melhor substância bloqueadora dos sítios reativos remanescentes da placa. Embora os antígenos de larva de T. solium tenham proporcionado valores mais elevados de sensibilidade, os antígenos de larva de T. crassiceps também mostraram bom desempenho no diagnóstico de cisticercose bovina. A escolha de diferentes grupos de soroscontrole para o cálculo do ponto de corte interferiu de forma expressiva no desempenho do teste ELISA. Pode-se concluir que o teste ELISA para detecção de anticorpos apresenta deficiências no diagnóstico de animais destinados ao abate, em virtude de sua baixa sensibilidade (5 a 32%) para diferentes antígenos, quando se consideram soros de animais com infecção natural, geralmente discreta. No entanto, no caso de animais infectados experimentalmente, a sensibilidade se mostrou elevada, 75 a 90%, para diferentes antígenos. O teste ainda pode ser considerado útil na diferenciação entre a cisticercose e outras doenças, devido às suas elevadas taxas de especificidade (81 a 100%).
This study was carried out with the purpose to develop an serological diagnosis protocol of bovine cysticercosis for the ELISA test using two metacestodes antigens of Taenia crassiceps and three of Taenia solium. There were used 20 sera of experimentally infected cattle with T. saginata eggs, 60 of cattle with natural infection, diagnosed at slaughterhouses, five of cattle negative for cisticercose, reared in isolation, 55 of negative bovine in slaughterhouses and 10 of bovine with actinomicosis (n=2), actinobacilosis (n=1), fasciolosis (n=1) diagnosed at slaughterhouse and of experimentally infected cattle with Anaplasma marginale (n=3), Babesia sp. (n=2) and concomitant infection for Anaplasma marginale and Babesia bovis (n=1). There were used the total and fluid cistic antigens of T. Crassiceps metacestodes and escólex and membrane antigens of T. solium metacestodes in ELISA test, after previous characterization in polyacrylamide gel electrophoresis (PAGE) in gradient 5 to 20%. The better antigen concentration was 1 µg and the better sera and conjugated dilutions were 1:25 and 1:5.000, respectively. Although the T. solium antigens have provided the most sensibility values, the T. crassiceps antigens also showed good performance to the bovine cysticercosis diagnosis. Different control serum groups employed for the cut-off calculation had changed the ELISA test results. We can concluded that the ELISA test for antibodies detection presents deficiencies in the diagnosis of naturally infected animals that showed low sensibility (5 to 32%) for different antigens. However, for experimentally infected cattle, the sensibility was high, 75 to 90% for different antigens. The test could still be considered useful in the differentiation between the cisticercose and other diseases, due to its high specificity rates (81 to 100%).
Palavras-chave: Cisticercose
Bovino
Parasito
Taenia crassiceps
Taenia solium
Taenia saginata
Teste imunoenzimático
Cysticercosis
Bovine
Parasite
Taenia crassiceps
Taenia solium
Taenia saginata
Enzyme-linked immunosorbent assay
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::INSPECAO DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Biotecnologia, diagnóstico e controle de doenças; Epidemiologia e controle de qualidade de prod. de
Programa: Mestrado em Medicina Veterinária
Citação: MONTEIRO, Lílian Lameck. Utilization of Taenia crassiceps and Taenia solium metacestodes antigens in ELISA test for the diagnosis of bovine cysticercosis. 2004. 92 f. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia, diagnóstico e controle de doenças; Epidemiologia e controle de qualidade de prod. de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2004.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4990
Data do documento: 14-Dez-2004
Aparece nas coleções:Medicina Veterinária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,46 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.