Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5046
Tipo: Dissertação
Título: Uso isolado ou combinado de etidronato, risedronato, pravastatina e ipriflavona no tratamento da osteoporose induzida por ovariectomia em ratas
Título(s) alternativo(s): Isolated or combined use of etidronate, risedronate, pravastatin and ipriflavone in osteoporosis induced by ovariectomy in rats
Autor(es): Amaral, Gláucia Guimarães
Primeiro Orientador: Pinto, Aloísio da Silva
Primeiro coorientador: Carlo, Ricardo Junqueira Del
Segundo coorientador: Fonseca, Cláudio César
Primeiro avaliador: Valadares, Rilene Ferreira Diniz
Segundo avaliador: Louzada, Mario Jefferson Quirino
Terceiro avaliador: Oliveira, Tânia Toledo de
Abstract: Este trabalho constituiu em um ensaio biológico com o objetivo de estudar o possível tratamento da osteoporose induzida por ovariectomia, por meio do uso isolado e combinado, utilizando, neste caso, metade das doses dos compostos isolados etidronato, risedronato, pravastatina e ipriflavona, que são agentes que demonstraram efeitos positivos sobre o metabolismo ósseo. Ratas Wistar, adultas, pesando em média 250g foram utilizadas. O processo da indução da osteoporose foi feito por intervenção cirúrgica quando os animais completaram 5 meses de idade, por incisão retroumbilical, dando acesso a cavidade abdominal, sob anestesia geral, utilizando da associação de quetamina e xilazina nas doses de 50 e 5 mg/Kg, respectivamente, à exceção dos animais que constituiu o grupo controle (G1). Após 12 semanas, deu-se início ao tratamento farmacológico. Os animais foram distribuídos aleatoriamente em 11 grupos experimentais, sendo os grupos constituídos de 6 animais. O grupo 1 (G1), controle, foi constituído de animais que não foram submetidos a cirurgia ou ao tratamento. No grupo 2 (G2) houve somente a cirurgia. Os demais grupos, além do processo cirúrgico, foram tratados com os medicamentos; o grupo 3 (G3) recebeu etidronato (6 mg/kg), o grupo 4 (G4) risedronato (0,07 mg/kg), o grupo 5 (G5) pravastatina (0,6 mg/kg), o grupo 6 (G6) ipriflavona (100 mg/kg), o grupo 7 (G7) etidronato e pravastatina (3 mg/kg e 0,3 mg/kg), o grupo 8 (G8) etidronato e ipriflavona (3 mg/kg e 50 mg/kg), o grupo 9 (G9) risedronato e pravastatina (0,035 mg/kg e 0,3 mg/kg), o grupo 10 (G10) risedronato e ipriflavona (0,035 mg/kg e 50 mg/kg) e o grupo 11 (G11) pravastatina e ipriflavona (0,3 mg/ kg e 50 mg/kg). Todas as substâncias foram administradas por via oral, diariamente, durante 30 dias. Imediatamente antes dos animais serem eutanasiados, aos 35 dias, após o tratamento, foram coletados sangue para dosagens de cálcio, fósforo, albumina e proteínas totais, analisados no equipamento multiparamétrico de bioquímica Alizé e fosfatase alcalina óssea analisado no equipamento de quimioluminescência Access Immunoassay System da Beckman Coulter. A seguir, através de dissecção do tecido muscular, as tíbias direitas foram coletadas e congeladas para estudo densitométrico, utilizando densitômetro ósseo de Raio-X com Smart Scan modelo DPX-ALPHA, com software especial para pequenos animais e as tíbias esquerdas foram coletadas, depois de fixadas, foram descalcificadas e processadas rotineiramente para estudo histomorfométrico, os cortes foram corados com hematoxilina e eosina e para avaliação da densidade trabecular óssea foi aplicado o método de cálculo planimétrico por contagem de pontos. O ensaio biológico foi realizado segundo delineamento inteiramente casualizado, com 11 tratamentos em 6 repetições. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de variância. Os grupos controles (G1 e G2) foram comparados entre si por meio do teste F (p<0,05). Os grupos tratados (G3 a G11) foram comparados entre si, através do teste de comparação múltipla Tukey, à 5% de probabilidade. As comparações também foram realizadas entre os grupos tratados e os controles G1 e G2, sendo que, para o mesmo, foi aplicado o teste de Dunnett à 5% de probabilidade. Os resultados não mostraram significativos entre o grupo controle (G1) e o grupo osteoporótico (G2), bem como, entre os grupos tratados (G3 a G11) quanto aos valores séricos de cálcio, fósforo, albumina, proteínas totais e fosfatase alcalina óssea. Através da densitometria e histomorfometria foi possível constatar a indução da osteoporose por meio da ovariectomia. Quando comparado grupos tratados ao grupo osteoporótico G2, todos os tratamentos apresentaram diferenças estatisticamente significativas, tanto para densitometria quanto para histomorfometria. Assim, os fármacos etidronato, risedronato, pravastatina e ipriflavona, usados isoladamente ou combinados, apresentaram efeitos positivos sobre o metabolismo ósseo, sendo eficazes em restaurar o tecido ósseo nas condições experimentais. Considerando que a associação dos medicamentos constituiu-se da metade das doses usadas isoladamente, a possibilidade de redução de efeitos colaterais com a associação torna-se uma alternativa promissora na terapêutica da osteoporose.
This work was in an assay to study the possible treatment of osteoporosis induced by ovariectomy through the use of isolated and combined, using, in this case, half the doses of the compounds isolated etidronate, risedronate, pravastatin, and ipriflavone, which are agents that have shown positive effects on bone metabolism. Wistar rats, adult, weighing on average 250g were used. The process of induction of osteoporosis was made by surgery when the animals were 5 months old, for retroumbilical incision, giving access to the abdominal cavity under general anesthesia using the combination of ketamine and xylazine at doses of 50 and 5 mg / Kg , respectively, except for animals that constituted the control group (G1). After 12 weeks, was started to drug treatment. The animals were randomly divided into 11 experimental groups, with groups consisting of 6 animals. Group 1 (G1), control, consisted of animals that did not undergo surgery or treatment. In group 2 (G2) there was only surgery. The other groups, besides the surgical process, were treated with medication, group 3 (G3) received etidronate (6 mg / kg), group 4 (G4) risedronate (0.07 mg / kg), group 5 ( G5) pravastatin (0.6 mg / kg), group 6 (G6) ipriflavone (100 mg / kg), group 7 (G7) etidronate and pravastatin (3 mg / kg and 0.3 mg / kg), Group 8 (G8) etidronate and ipriflavone (3 mg / kg and 50 mg / kg), Group 9 (G9) risedronate and pravastatin (0.035 mg / kg and 0.3 mg / kg), group 10 (G10) risedronate and ipriflavone (0.035 mg / kg and 50 mg / kg) and Group 11 (G11) pravastatin and ipriflavone (0.3 mg / kg and 50 mg / kg). All substances were administered orally daily for 30 days. Immediately before the animals were euthanized at 35 days after treatment, blood was collected for serum calcium, phosphorus, albumin and total protein analyzed in the equipment Alizé multiparametric biochemistry and bone alkaline phosphatase analysis equipment Access Immunoassay System chemiluminescence of Beckman Coulter. Then, by the dissection of muscle tissue, the right tibias were collected and frozen for densitometric study using bone densitometry X-ray with Smart Scan DPX-ALPHA, with special software for small animals and the left tibias were collected after of fixed, decalcified and were routinely processed for histomorphometric study, the sections were stained with hematoxylin and eosin for evaluation of trabecular bone density was applied to the calculation method for planimetric point count. The assay was performed according to a randomized design with 11 treatments in six replicates. The results were subjected to analysis of variance. The control groups (G1 and G2) were compared using the F test (p <0.05). Treated groups (G3 to G11) were compared by the Tukey multiple comparison test, the 5% probability. Comparisons were also performed between treated groups and controls G1 and G2, applying Dunnett test at 5% probability. The results showed no significant between the control group (G1) and the osteoporotic group (G2), as well as between the treated groups (G3 to G11) for values of serum calcium, phosphorus, albumin, total protein and bone alkaline phosphatase. By densitometry, and histomorphometry was possible to observe the induction of osteoporosis by ovariectomy. Treated groups compared to the osteoporotic group G2, all treatments showed statistically significant differences, for density and histomorphometry. Thus, the drug etidronate, risedronate, pravastatin, and ipriflavone, used isolated or in combination, showed positive effects on bone metabolism and effective in restoring bone tissue in experimental conditions. Whereas the association of drugs constituted half of the doses used in isolation, the possibility of reduced side effects with the combination becomes a promising alternative for the treatment of osteoporosis.
Palavras-chave: Osteoporose
Dexametasona
Bisfofonato
Osteoporosis
Dexamethasone
Bisphosphonates
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::CLINICA E CIRURGIA ANIMAL::FARMACOLOGIA E TERAPEUTICA ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Biotecnologia, diagnóstico e controle de doenças; Epidemiologia e controle de qualidade de prod. de
Programa: Mestrado em Medicina Veterinária
Citação: AMARAL, Gláucia Guimarães. Isolated or combined use of etidronate, risedronate, pravastatin and ipriflavone in osteoporosis induced by ovariectomy in rats. 2010. 52 f. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia, diagnóstico e controle de doenças; Epidemiologia e controle de qualidade de prod. de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5046
Data do documento: 25-Nov-2010
Aparece nas coleções:Medicina Veterinária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf3,69 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.