Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5118
Tipo: Dissertação
Título: Influência da somatotropina recombinante bovina (rbST) aplicada em receptoras de embriões bovinos, no dia do estro, sobre variáveis reprodutivas
Título(s) alternativo(s): Influence of recombinant bovine somatotropin (rbST) applied in bovine embryo recipients, at estrous day, upon reproductive variables
Autor(es): Marques, Paulo Alexandre Fernandes
Primeiro Orientador: Costa, Eduardo Paulino da
Primeiro coorientador: Fernandes, Carlos Antônio de Carvalho
Segundo coorientador: Torres, Ciro Alexandre Alves
Primeiro avaliador: Carvalho, Giovanni Ribeiro de
Segundo avaliador: Mâncio, Antonio Bento
Abstract: O objetivo do presente estudo foi avaliar o efeito da administração, no dia do estro, de 500 mg de rbST (somatotropina bovina recombinante) em receptoras inovuladas com embriões transferidos à fresco e de 250 e 500 mg de rbST em receptoras inovuladas com embriões descongelados, sobre a concentração sérica de progesterona (P4) no dia da inovulação e a taxa de gestação aos 30 dias. As amostras de sangue foram coletadas no dia das inovulações por punção da veia ou artéria coccígea para análise da concentração sérica de P4. Foram utilizadas 259 receptoras mestiças, avaliadas como aptas a reprodução e divididas em dois estudos. No primeiro estudo foram utilizadas 144 receptoras, inovuladas com embriões à fresco, distribuídas aleatoriamente entre os tratamentos. O controle (T1) foi constituído por 77 receptoras e o tratado (T2) por 67 receptoras que receberam a administração de 500 mg de rbST no momento do estro. Em um segundo estudo utilizou-se 115 receptoras inovuladas com embriões descongelados subdivididas em três tratamentos. O controle (T1) foi constituido por 53 receptoras, o tratado 2 (T2) por 22 receptoras submetidas a administração de 250 mg de rbST e o tratado 3 (T3) por 40 receptoras que receberam a administração de 500 mg de rbST. As fêmeas do primeiro estudo apresentaram taxas de gestações de 65,7% (44 receptoras gestantes) entre os animais do grupo T2 e 32,5% (25 receptoras gestantes) para os do grupo T1, o que demonstra o efeito positivo (P<0,01) do uso da rbST sobre a taxa de gestação. Entretanto, as concentrações médias de P4 sérica no dia da inovulação foram de 2,54±0,19 ng/mL para os animais do T1 e 2,27±0,20 ng/mL para os do T2, não sendo observada diferença (P>0,05). No segundo estudo as taxas de gestações encontradas foram de 45,3% (24 receptoras) para T1, 50% (11 receptoras) para T2 e 52,5% (21 receptoras) para T3. As concentrações médias de P4 sérica no dia da inovulação foram de T1 (controle) = 5,41±2,33 ng/mL, T2 (250 mg rbST) = 5,77±2,19 ng/mL e T3 (500 mg rbST) = 4,77±1,78 ng/mL. Os resultados obtidos neste segundo estudo demonstram a ausência de efeito (P>0,05) do uso da rbST sobre as taxas de gestações e as concentrações séricas de P4. Concluiu-se que a aplicação de 500 mg de rbST em receptoras inovuladas com embriões à fresco no momento do estro, foi capaz de melhorar a taxa de gestação, mas não a concentração sérica de progesterona. No entanto, ao serem administradas 250 ou 500 mg de rbST receptoras inovuladas com embriões descongelados conclui-se a ausência de efeito positivo nas taxas de gestações e nas concentrações séricas de progesterona.
The objective of the present study was to evaluate the effect of the administration, of 500 mg rbST (recombinant bovine somatotropin) in the moment of estrous of recipient heifers and cows inovulation with fresh embryos and 250 and 500 mg rbST in recipient inovulated with defrosted embryos, in progesterone serum concentration (P4) on the day of the inovulation and at the pregnancy rate at day 30. Blood samples were collected in the day of the inovulation by puncture of the coccygeal vein or artery for assaying of the serum P4 concentration. 259 crossbred recipients, appraised as able for reproduction, were used and divided in two studies. In the first study 144 recipient heifers received fresh embryos, randomly sorted among the experiments. The control (T1) was composed by 77 recipients, and the treated (T2) 67 recipients that received 500mg rbST at the moment of estrous. In a second study, it was used 115 recipients that receive defrosted embryos subdivided in 3 treatments. 53 recipient heifers composed the control (T1), the treated 2 (T2) was composed by 22 recipients that received 250 mg of rbST and the treated 3 (T3) was composed by 40 recipients that received 500 mg of rbST. The pregnancy rate of the first study was 65.7% (44 pregnant recipients) among the animals of T2 and 32.5% (25 pregnant recipients) at T1, which demonstrates the positive effect (P<0.01) from the use of rbST on pregnancy rate. However, the average concentrations of serum P4 in the day of the inovulation was 2.54±0.19 mg/ml for the animals of T1 and 2.27±0.20 mg/ml for the T2, there was no difference (P>0.05). The pregnancy rate of the second study recipients was 45.3% (24 recipients) among the animals of the group T1, 50.0% (11 recipient) for T2 and 52.5% (21 recipient) for T3. The average concentrations of serum P4 in the day of the inovulation were: T1 (control) = 5.41±2.33 mg/ml, T2 (250 mg rbST) = 5.77±2.19 mg/ml and T3 (treated - 500 mg rbST) = 4.77 ± 1.78 mg/ml. The results of the second study demonstrate the absence of effect (P>0.05) on the rbST use over the pregnancy rate and the serum P4 concentration. We can conclude that the administration of 500 mg rbST in recipient inovulation that receive fresh embryo at the moment of the estrous was able to improve the pregnancy rate, but not the concentration of progesterone serum P4. However, when administered 250 or 500 mg rbST in recipient inovulated that receive defrosted embryos, we are able to conclude that there was no positive effect on the pregnancy rate and on the progesterone serum concentration.
Palavras-chave: Somatotropina bovina
Taxa de gestação
Progesterona
Bovine somatotropin
Pregnancy rate
Progesterone
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::REPRODUCAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Biotecnologia, diagnóstico e controle de doenças; Epidemiologia e controle de qualidade de prod. de
Programa: Mestrado em Medicina Veterinária
Citação: MARQUES, Paulo Alexandre Fernandes. Influence of recombinant bovine somatotropin (rbST) applied in bovine embryo recipients, at estrous day, upon reproductive variables. 2006. 67 f. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia, diagnóstico e controle de doenças; Epidemiologia e controle de qualidade de prod. de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5118
Data do documento: 18-Dez-2006
Aparece nas coleções:Medicina Veterinária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf263,47 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.