Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5278
Tipo: Dissertação
Título: Regionalização de vazões considerando a evapotranspiração real em seu processo de formação
Título(s) alternativo(s): Streamflow regionalization considering the actual evapotranspiration in its formation process
Autor(es): Rego, Fernando Silva
Primeiro Orientador: Pruski, Fernando Falco
Primeiro avaliador: Marcuzzo, Francisco Fernando Noronha
Segundo avaliador: Borges, Alisson Carraro
Abstract: A regionalização de vazões visa suprir a carência de informações hidrológicas em locais com pouca ou nenhuma disponibilidade de dados, sendo o conhecimento e o aprimoramento dessa técnica de grande importância para estimativas mais seguras das vazões. Esse trabalho teve como objetivo aperfeiçoar o procedimento de regionalização de vazões mínimas e média, considerando uma variável explicativa que representa a evapotranspiração real no processo de formação de vazões. O estudo foi realizado em duas bacias do rio São Francisco: uma sub- bacia do rio Paracatu, onde foram avaliados a vazão média de longa duração (Qmld), a vazão mínima com permanência de 95% do tempo (Q95) e a vazão mínima com sete dias de duração associada a um período de retorno de dez anos (Q7,10); e a bacia do rio Pará, na qual foi avaliado apenas a Q7,10. As variáveis independentes utilizadas foram a área de drenagem, a vazão equivalente ao volume precipitado (Peq), a vazão equivalente ao volume precipitado menos 750 mm (Peq750) e a vazão equivalente ao volume precipitado menos a média estimada da evapotranspiração real na bacia (PeqETR). Avaliou-se o desempenho da regionalização por meio de três análises: estatística, comportamento físico e risco. A PeqETR proporcionou os melhores ajustes estatísticos para as três vazões analisadas na sub-bacia do rio Paracatu, contudo, enquanto essa variável foi a que representou o melhor comportamento físico e estimativas mais seguras das vazões mínimas, a Peq750 foi a que teve estimativas mais representativas da vazão média. Para a bacia do rio Pará, o uso da PeqETR como variável explicativa gerou os melhores ajustes estatísticos e uma melhor representação do comportamento físico e de risco da variável dependente analisada. Assim, o uso da variável explicativa que considera a evapotranspiração real proporciou, nas bacias estudadas, os vmelhores ajustes estatísticos e, com exceção da vazão média, uma análise física mais representativa e segura.
Streamflow regionalization aims to supply the hydrological information lack in places where there are little or no data availability, and the knowledge and improvement of this technique is of great importance for a safer streamflow estimate. This study aimed to improve the procedure of low flow and average streamflow regionalization, considering an explanatory variable that represents the actual evapotranspiration in the process of streamflow formation. The study was performed for two basins of San Francisco river: a subbasin of Paracatu river, being evaluated the long-term average streamflow (Qmld), the minimum streamflow present 95 % of the time (Q95), and the minimum streamflow of seven days duration associated with a ten years return period (Q7,10); and the Pará basin, being evaluated just Q7,10. The independent variables were the drainage area (A), the streamflow equivalent to the rainfall volume (Peq), the streamflow equivalent to the rainfall volume minus 750 mm (Peq750) and streamflow equivalent to the rainfall volume minus the estimated average actual evapotranspiration in the basin (PeqETR). We evaluated regionalization performance through three analysis: statistics, physical behavior and risk. The PeqETR provided the best statistical adjustments for the three streamflows analyzed in the Paracatu subbasin, however, while this was the variable that best represented the physical behavior and safer estimatives for low flows, the Peq750 had more representative estimates to average streamflow. For Pará basin, the use of PeqETR as an explanatory variable created the best statistical adjustments and a better representation of the physical and risk behavior of the dependent variable analyzed. Thus, the use of the explanatory variable that represents the actual evapotranspiration provided, in the subbasins analysed, best statistical adjustments and, with the exception of average streamflow, a physical analysis more representative and reliable.
Palavras-chave: Climatologia
Hidroclimatologia
Vazões
Evapotranspiração
Climatology
Hydroclimatology
Flows
Evapotranspiration
CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::METEOROLOGIA::CLIMATOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Agrometeorologia; Climatologia; Micrometeorologia
Programa: Mestrado em Meteorologia Agrícola
Citação: REGO, Fernando Silva. Streamflow regionalization considering the actual evapotranspiration in its formation process. 2013. 62 f. Dissertação (Mestrado em Agrometeorologia; Climatologia; Micrometeorologia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5278
Data do documento: 27-Nov-2013
Aparece nas coleções:Meteorologia Agrícola

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,86 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.