Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5452
Tipo: Dissertação
Título: Geotec II: proposição de um índice geográfico-tecnoógico para o setor agropecuário brasileiro
Título(s) alternativo(s): Geotec II: proposal of an geographic technology index for Brazilian agricultural sector
Autor(es): França, Michelle Milanez
Primeiro Orientador: Fontes, Maurício Paulo Ferreira
Primeiro coorientador: Fontes, Rosa Maria Olivera
Segundo coorientador: Fernandes Filho, Elpídio Inácio
Primeiro avaliador: Jucksch, Ivo
Segundo avaliador: Fernandes, Raphael Bragança Alves
Abstract: A agricultura é uma atividade econômica dependente, em grande parte, do meio físico. O aspecto ecológico confere fundamental importância ao processo de produção agropecuária. Um país ou região apresenta várias sub-regiões com distintas condições de solo e clima e, portanto, com distintas aptidões para produzir diferentes bens agrícolas. A interpretação dos levantamentos de solo constitui-se de importância significativa para a utilização racional desse recurso natural na agricultura e em outros setores que se utilizam do solo como um elemento integrante de suas atividades. Em se tratando de atividades agrícolas, estas interpretações podem auxiliar na classificação de terras de acordo com sua aptidão para as diversas culturas, sob diferentes condições de manejo e viabilidade de melhoramento através de novas tecnologias. Pode-se ainda considerar, na interpretação dos levantamentos de solo, as necessidades de fertilizantes e corretivos, que possibilitam a avaliação potencial dos insumos em função da área cultivada no país. O sistema de avaliação da aptidão agrícola, no Brasil, teve início na década de 1960 como esforço em classificar o potencial das terras para a agricultura tropical. Na busca do conhecimento da aptidão das terras do Brasil, o Sistema de Avaliação da Aptidão Agrícola das Terras (Ramalho Filho & Beek, 1995) tem sido o mais empregado por consistir num importante instrumento para conhecimento do potencial e da disponibilidade de terras, de acordo com diferentes níveis de tecnologia ou de manejo, sendo o método preconizado pela Embrapa. O Índice Geográfico e Tecnológico (GeoTec) foi elaborado a partir de três outros índices: o Índice de Aptidão Agrícola (IAG), o Índice Tecnológico (ITE) e o Índice Hídrico (IHI). Fontes et al (2008) testaram diferentes combinações entre os três sub-índices utilizados em seu trabalho e chegaram ao seguinte cálculo: GeoTec= (IAG * 40%) + (ITE * 40%) + (IHI * 20%). Para este trabalho foi construído o Índice Geográfico e Tecnológico II (GeoTec II), sendo este elaborado a partir de dois outros índices: o Índice de Aptidão Agrícola (IAG) e o Índice Tecnológico (ITE). A combinação proposta para este novo índice resulta no seguinte cálculo: GeoTec II= (IAG * 50%) + (ITE * 50%). Esses índices consistem da agregação de variáveis geográficas, ativas e passivas cuja relevância está pautada na análise dos determinantes de renda e de crescimento no contexto das potencialidades naturais, bem como na análise de variáveis econômicas e sociais. Como este trabalho se perpassou nas unidades de federação do território brasileiro, o recorte mesorregional foi o mais adequado, tendo-se trabalhado com o mapeamento “Delineamento Macroecológico do Brasil” produzido pela Embrapa (Serviço Nacional de Levantamento e Conservação dos Solos – SNLCS) entre os anos de 1992/93. Os objetivos do presente trabalho foram: construção dos índices de aptidão agrícola (IAG) e índice tecnológico (ITE) das mesorregiões brasileiras com finalidade de subsidiar iniciativas que permitam o desenvolvimento agrícola das regiões, além de identificar as tecnologias que apresentaram maior associação com a produção das diferentes culturas. Os maiores valores do ITE estão situados nas mesorregiões Araraquara/SP, Oeste Catarinense e Noroeste Rio Grandense ao passo que os menores valores do ITE localizam-se nas mesorregiões Marajó/PA, Norte Amazonense e Sudoeste Paraense. Para o IAG os maiores valores são encontrados nas regiões Sudeste e Sul e os menores na região Norte. Constatou-se que o controle de pragas e doenças é uma tecnologia que precisa ser mais difundida em todo o território, visto que apenas 30% das propriedades do país a utilizam, com maior concentração nos Estados de Goiás, São Paulo e Minas Gerais. A maior porcentagem de utilização de adubos e corretivos e preparo do solo está situada no eixo Centro-Sul do país, sendo esta última tecnologia pouco utilizada no Norte do país.
Agriculture is an economic activity depends, in large part, the physical environment. The ecological aspect confers fundamental importance to the process of agricultural production. A country or region has several sub-regions with different soil conditions and climate, and therefore with different skills to produce various agricultural goods. Interpretation of ground surveys is to be of significant importance for the use of this natural resource in agriculture and other sectors that use the soil as an integral element of their activities. When it comes to agricultural activities, these interpretations can help to classify land according to their suitability for different crops under different management conditions and feasibility of improvement through new technologies. It can still be considered in the interpretation of ground surveys, the needs for fertilizer and lime, which enable evaluation of potential inputs depending on the acreage in the country. The system of evaluation of land suitability in Brazil began in the 1960s as an effort to classify the potential of tropical lands for agriculture. In pursuit of knowledge of land suitability of Brazil, the Evaluation System of agricultural land suitability (Ramalho Filho and Beek, 1995) has been employed by more be a major tool for understanding the potential and the availability of land in accordance with different levels of technology or management, and the method recommended by Embrapa. Index Geographic and Technological Development (GEOTEC) was prepared from three other indices: the Fitness Index Fund (IAG), the Index Technology (SIT) and the Water Index (IHI). Fontes et al (2008) tested different combinations of the three sub-indices used in their work and reached the following calculation: Geotec = (IAG * 40%) + (ITE * 40%) + (IHI * 20%). For this work we built the index Geographic and Technological II (GEOTEC II), which is made from two other indices: the Fitness Index Fund (IAG) and Index Technology (ITE).The combination proposed for this new index results in the following calculation: Geotec II = (IAG * 50%) + (ITE * 50%). These indices consist of aggregation of geographical variables, assets and liabilities whose relevance is based in the analysis of the determinants of income and growth potential in the context of natural as well as the analysis of economic and social variables. As this work is pervaded units federation of Brazilian territory, the clipping mesorregional was the most appropriate, having been working with mapping "of Brazil macroecological Design" produced by Embrapa (National Survey and Soil Conservation - SNLCS) between the years 1992/93. The objectives of this study were: construction of indices of agricultural suitability (IAG) and technological index (ITE) of meso Brazilian-purpose support of initiatives that enable the development of agricultural regions, and identify the technologies that had the greatest association with the production of different cultures. The highest values of ITE are located in the regions Araraquara / SP, West of Santa Catarina and Rio Grande northwest while the lowest values of ITE located in the regions Marajó / PA, North and South Amazonas Pará. IAG for the highest values are found in Southeast and South and lowest in the North. It was found that the control of pests and diseases is a technology that needs to be more widespread throughout the territory, since only 30% of properties in the country to use, with greater concentration in the states of Goias and Minas Gerais. The highest percentage of use of fertilizer and lime, and tillage is located in the center-south axis of the country, the latter being little used technology in the north.
Palavras-chave: Aptidão agrícola
Censo agropecuário
Produtividade de grãos
Agricultural suitability
Agricultural census
Grain yield
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::CIENCIA DO SOLO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Fertilidade do solo e nutrição de plantas; Gênese, Morfologia e Classificação, Mineralogia, Química,
Programa: Mestrado em Solos e Nutrição de Plantas
Citação: FRANÇA, Michelle Milanez. Geotec II: proposal of an geographic technology index for Brazilian agricultural sector. 2010. 115 f. Dissertação (Mestrado em Fertilidade do solo e nutrição de plantas; Gênese, Morfologia e Classificação, Mineralogia, Química,) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5452
Data do documento: 22-Fev-2010
Aparece nas coleções:Solos e Nutrição de Plantas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf3,21 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.