Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5595
Tipo: Dissertação
Título: Características morfogênicas e estruturais do capim-tanzânia sob doses de nitrogênio e densidades de plantas
Título(s) alternativo(s): Morphogenetic and structural characteristics of tanzaniagrass under nitrogen supplies and plant densities influence
Autor(es): Braz, Thiago Gomes dos Santos
Primeiro Orientador: Fonseca, Dilermando Miranda da
Primeiro coorientador: Martuscello, Janaina Azevedo
Segundo coorientador: Gomide, Carlos Augusto de Miranda
Primeiro avaliador: Cantarutti, Reinaldo Bertola
Segundo avaliador: Queiroz, Domingos Sávio
Abstract: Objetivou-se com este trabalho avaliar o efeito da adubação nitrogenada e da densidade de plantas nas características morfogênicas e estruturais do capim-tanzânia (Panicum maximum Jacq.) estabelecido. O experimento foi conduzido em área pertencente ao Setor Forragicultura do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Viçosa no período de novembro de 2007 a março de 2008. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos completos casualizados, com 12 tratamentos e duas repetições em esquema fatorial 4 × 3, com quatro doses de nitrogênio (ausência de aplicação, 80, 160 e 320 kg.ha-1.ano) e três densidades de plantas (9, 25 e 49 plantas.m-2). O corte das plantas foi realizado a 25 cm do solo quando o dossel interceptava 95% da luz incidente. Foram avaliados a taxa de aparecimento foliar, o filocrono, a taxa de alongamento foliar, a taxa de alongamento de pseudocolmo, a taxa de senescência foliar, o número de folhas vivas, a duração da vida das folhas e o número de perfilhos totais, basilares e aéreos por touceira. Na dinâmica de perfilhamento, foram avaliadas as taxas de aparecimento e mortalidade dos perfilhos totais, basilares e aéreos. As taxas de aparecimento foliar e alongamento de pseudocolmos foram influenciadas linear e positivamente pela adubação com nitrogênio, enquanto o filocrono e a duração da vida das folhas foram influenciados de forma linear negativa. A taxa de alongamento foliar apresentou resposta exponencial à adubação nitrogenada e resposta quadrática às densidades de planta, com maiores taxas sendo observadas na dose de 320 kg.ha-1 e na densidade de 49 plantas.m-2. A taxa de senescência foliar e o número de folhas vivas não foram influenciados pelos fatores avaliados e apresentaram valores médios de 4,7 folhas.perfilho-1 e 0,56 cm.dia-1, respectivamente. Os números de perfilhos totais, basilares e aéreos por touceira foram influenciados de forma exponencial pelas doses de nitrogênio e de forma quadrática pelas densidades de planta. O nitrogênio promoveu aumento no número de perfilhos de todas classes, enquanto a densidade influenciou negativamente essa variável, de modo que os menores números de perfilhos totais, basilares e aéreos foram observados nas densidades de 25 e 49 plantas.m-2. As doses de nitrogênio, a densidade de plantas e a interação entre esses fatores tiveram efeito sobre a dinâmica de perfilhamento. As taxas de aparecimento de perfilhos totais e basilares foram influenciadas quadraticamente pelas doses de nitrogênio, de modo que os maiores valores foram obtidos nas doses de 160 e 320 kg.ha-1. A densidade influenciou de forma quadrática o aparecimento de perfilhos totais, que foi maior na densidade de 25 plantas.m-2. A taxa de aparecimento de perfilhos aéreos, no entanto, não foi influenciada pelas doses de nitrogênio nem pelas densidades de plantas. A taxa de mortalidade de perfilhos totais foi influenciada de forma quadrática pelas doses de nitrogênio e pelas densidades de plantas e foi menor na densidade de 32 plantas.m-2 e maior na dose de 212 kg.ha-1 de nitrogênio. A taxa de mortalidade de perfilhos basilares, por sua vez, foi influenciada de forma quadrática pelas densidades de plantas, e foi menor na densidade de 32 plantas.m-2. As doses de nitrogênio tiveram efeito linear na taxa de mortalidade de perfilhos aéreos, que foi maior na dose de 320 kg.ha-1. A adubação nitrogenada aumenta a produção de folhas e perfilhos em capim-tanzânia submetido ao corte aos 95% de interceptação de luz, todavia, a influência da densidade de plantas sobre as características morfogênicas é pouco acentuada, pois os maiores efeitos foram observados somente sobre o número de perfilhos por touceira, que é reduzido sob altas densidades. Tanto a densidade de plantas como a adubação nitrogenada influenciam a dinâmica de perfilhamento do capim-tanzânia, uma vez que as taxas de aparecimento e mortalidade são estimuladas em altas doses desse nutriente. O aparecimento de perfilhos totais é favorecido em densidades intermediárias, enquanto a mortalidade reduz nas maiores densidades de plantas, assim, pastos implantados em densidades baixas e intermediárias apresentam padrão mais intenso de renovação de perfilhos.
The trail was conducted with the aim to evaluate the nitrogen and plant density influence on the morphogenetic and structural characteristics of established tanzaniagrass (Panicum maximum Jacq.) plots. The experiment was conducted in the Forage Sector of Animal Science Department of Universidade Federal de Viçosa, from November 2007 to March 2008. The used design was in complete randomized blocks with two replications in a factorial arrangement with four nitrogen supplies (0, 80, 160, 320 kg.ha-1 N) and three plant densities (9, 25 e 49 plant.m-2). The plots were cut at 25 cm from soil level when the canopy reached 95 % of light interception. The response variables evaluated were the leaf appearance rate, phyllochron, leaf elongation rate, stem elongation rate, senescence rate, number of live leafs, leaf life duration and number of total, basilar and aerial tillers per clump. In the tillering dynamics, were evaluated the appearance and mortality rates of total, basilar and aerial tillers. The leaf appearance and stem elongation rate were influenced linear and positively by the nitrogen levels, while the phyllochron and life leaf duration varied linear and negatively. The leaf elongation rate showed exponential response to nitrogen fertilization and quadratic response to plant densities, with bigger rates being observed in the 320 kg.ha-1 N dose and 49 plant.m-2 density. The senescense rate and number of live leafs were not influenced by the factors evaluated, presenting 4.7 leafs.tiller-1 and 0.56 cm.day-1, respectively. The number of total, basilar and aerial tillers per clump showed exponential response to the nitrogen dose and quadratic response to plants density. The nitrogen increased the number in all tiller classes, while the plant density influenced negatively, with less tillers in the 25 and 49 plants.m-2 densities. The tillering dynamics were influenced quadratically by nitrogen, plant density, and by the interaction between these factors. The total and basilar tiller appearance were influenced quadratically by nitrogen dose, with bigger values had been observed on the 160 and 320 kg.ha-1 N doses. The plant density influenced quadratically the total tiller appearance, which was higher in the 25 plant.m-2 density. On the other hand, the aerial tiller appearance rate was not influenced by the nitrogen doses and plant densities. The total tiller mortality rate was influenced quadratically by the nitrogen doses and plant densities, in a way that it was estimated less mortality in 32 plant.m-2 density and highest mortality in 212 kg.ha-1 N dose. In addition, the basilar tiller mortality rate was influenced quadratically by the plant densities, with less mortality observed in 32 plant.m-2 density. The aerial tiller mortality rate was influenced linearly by the nitrogen doses, with highest mortality in the 320 kg.ha-1dose. The nitrogen fertilization increases, in this way, leafs and tiller production in established tanzaniagrass cut on the 95 % canopy light interception. Nevertheless, the density influence on the morphogenetic characteristics is little outstanding, with its main effects on the number of tillers per clump, which decreases under high densities. Either the plant density or the nitrogen supply influence the tiller dynamics of tanzaniagrass. The appearance and mortality rates are increased under high nitrogen levels. The tiller appearance rate is bigger in intermediary densities, while the mortality rate decreases under high plant densities. Thus, pastures established under low and intermediary densities show more intense tiller renovation.
Palavras-chave: Panicum maximum
Morfogênese
Manejo
Adubação
Panicum maximum
Morphogenesis
Fertilization
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::PASTAGEM E FORRAGICULTURA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Mestrado em Zootecnia
Citação: BRAZ, Thiago Gomes dos Santos. Morphogenetic and structural characteristics of tanzaniagrass under nitrogen supplies and plant densities influence. 2008. 81 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5595
Data do documento: 29-Jul-2008
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,01 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.