Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5633
Tipo: Dissertação
Título: Desempenho produtivo de vacas lactantes alimentadas com farelo de mamona tratado com óxido de cálcio
Título(s) alternativo(s): Performance of dairy cows fed with castor meal treated with calcium oxide
Autor(es): Costa, Juliana Variz da
Primeiro Orientador: Campos, José Maurício de Souza
Primeiro coorientador: Detmann, Edenio
Segundo coorientador: Valadares Filho, Sebastião de Campos
Primeiro avaliador: Valadares, Rilene Ferreira Diniz
Segundo avaliador: Veloso, Cristina Mattos
Abstract: O crescimento da participação de biodiesel na matriz energética mundial aumentou o interesse no cultivo e processamento de oleaginosas, criando oportunidades para a produção de ruminantes pela possibilidade de utilização de co-produtos resultantes do processo de extração do óleo das sementes dessas oleaginosas. A mamona (Ricinus communis L.) é uma cultura tradicional do semi-árido brasileiro, e se destaca pelo potencial de exploração nessas regiões marginalizadas do processo de desenvolvimento econômico e pela maior intensidade no uso de mão-de-obra. Nesse sentido, avaliou-se o efeito da substituição do farelo de soja (FS) pelo farelo de mamona não decorticado, tratado com óxido de cálcio (FMT), nas proporções de 0; 1/3; 2/3 e 1, na base da matéria seca (MS), sobre o consumo, a digestibilidade, o desempenho produtivo e o metabolismo de compostos nitrogenados (N) em vacas de leite. A inativação (por desnaturação) da toxina ricina no farelo de mamona (FM) foi realizada utilizando-se solução de óxido de cálcio (micropulverizado, com 90% de óxido total), na dose de 60 gramas de cal/kg de FM, na base da matéria natural. Foram utilizadas 16vacas da raça Holandesa, distribuídas em quatro quadrados latinos 4 x 4, de acordo com o período de lactação, balanceados para efeito residual. Os animais receberam ração concentrada na proporção de 1 kg para cada 3 kg de leite produzido, na base da matéria natural, o que correspondeu ao fornecimento de dietas isonitrogenadas contendo 32,56% de concentrado (base da MS). Utilizou-se silagem de milho como fonte exclusiva de volumoso. Adotou-se o teste de Williams como procedimento de comparações de médias. O teor de ricina do FM foi reduzido em 92,6% com o tratamento alcalino (de 1004,6 para 73,9 mg de ricina/kg de MS de farelo). A substituição do FS pelo FMT aumentou em 32 e 18% as frações de N insolúveis em detergente neutro e ácido na dieta. Além disso, incrementou em 11 e 142% os teores de lignina e cutina, o que contribuiu para aumentar em 29% a fração indigestível da fibra em detergente neutro na dieta. O consumo de ricina aumentou a partir de 1/3 de substituição, com valor máximo de 0,31 mg de ricina/kg de peso corporal na dieta com o maior nível de substituição. Contudo, não foram verificados sintomas clínicos de intoxicação por ricina, bem como efeitos (P>0,05) sobre os níveis séricos das enzimas hepáticas gama glutamiltranspeptidase, alanina aminotransaminase e aspartato aminotransaminase. Os consumos de MS, PB e carboidratos não fibrosos (CNF) reduziram (P<0,05) a partir de 2/3 de substituição, enquanto o consumo de fibra em detergente neutro corrigida para cinzas e proteína (FDNcp) aumentou (P<0,05) a partir de 1/3 de substituição do FS pelo FMT. Apesar da digestibilidade de todos os componentes da dieta [exceto extrato etéreo, que aumentou (P<0,05)] ter reduzido a partir de 1/3 de substituição, os consumos dos componentes digestíveis (MS, matéria orgânica, PB, CNF, FDNcp) e nutrientes digestíveis totais (NDT) somente foram reduzidos (P<0,05) a partir de 2/3 de substituição. Devido à redução do consumo de energia digestível, a síntese de N microbiano ruminal reduziu (P<0,05) com a substituição total do FS pelo FMT. A produção de leite (PL), PL corrigida para 3,5% de gordura, os teores de PB e estrato seco desengordurado do leite, a variação diária de peso corporal e a eficiência de utilização dos nutrientes para síntese de N no leite reduziram (P<0,05) a partir de 2/3 de substituição do FS pelo FMT. Concluiu-se que o FMT pode substituir no máximo 1/3 do FS (5% de inclusão na MS da dieta ou 0,860 kg de MS/dia de FMT) para vacas de leite com produção média de 25 kg/dia de leite.
Biodiesel production growth fostered the interest in cultivation and processing of oil producing plants, opening opportunities to the use of the sub-products of the extraction of oils from the seeds of these plants in the breeding of ruminants. Castor oil plants (Ricinus communis) is a traditional plantation of semi-arid regions of Brazil and is very important in these regions, marginalized from the economic development and that still have strong use of human hand work. The objective of this work was to evaluate the effect of substitution of soy beans meal (SBM) by unstripped castor seeds meal treated with calcium oxide (CSMT) on ratios 0; 1/3; 2/3 e 1 on dry matter base (DM), over the intake, the digestibility, the performance and metabolism of nitrogen compounds (N) in dairy cows. The inactivation of the ricina toxin (by desnaturation) in the castor seed meal (CSM) was performed using a calcium oxid solution (micro powdered, containing 90% of total oxid), on dose 60 grams of calcium/kg of CSM, based on natural matter. It were used 16 holstein frison, distributed in 4 latin squares 4 x 4, according to the lactation period, balanced by the residual effect. The animals received concentrated feed at a ratio of 1 kg for 3 kg of produced milk, based on natural matter. This corresponded to diets isonitrogened, containing 32,56% of concentrated feed (based on DM). It used corn silage as the unique source of forage. It was used the Williams test to compare the means. The alcalin treatment reduced by 92, 6% the toxin in the CSM (from 1004,6 to 73,59 mg toxin/kg of meal MS). The substitution of SBM by CSMT increased by 32% and 18% respectively, the fractions of undissolvable N in neutral and acid detergents of the diet and increased by 11% and 142% respectively the levels of lignine and cutine. This contributed to increase by 29% the undigestible fraction of the fiber in neutral detergent of the diet. The intake of ricina increased starting from 1/3 of replacement of SBM by CSMT, reaching a maximum level of 0,31 mg of toxin/kg body weight in the diet containing the maximum level of replacement. Despite this, no ricin intoxication clinical symptoms were observed, nor effects (P>0,05) on levels of the hepatic enzymes gamma- glutamialpeptidase, alanine amminotransaminase and aspartate amminotransferase in the serum. The intake of DM, crude protein (CP) and non fibrous carbohydrates (NFC) reduced (P<0,05) beginning at 2/3 replacement of SBM by CSM. The intake of neutral deterged fibers corrected by ashes and protein (NDFap) increased (P<0,05) starting from 1/3 replacement of SBM with CSMT. Despite of the digestibility of all components of the diet [with the exception of etereous extract, that increased (P<0,05)] decreased starting from 1/3 replacement, the intake of digestible components, DM, organic matter, CP, NFC, NDFap and total digestible nutrients (TDN) only were reduced starting from 2/3 replacement. Because of the reduction of digestible energy, the synthesis of microbian N reduced (P<0,05) with total replacement of SBM by CSM. The milk production (PL), PL corrected by 3,5% fat, the levels of CP and dry unfatted extract of milk, the daily variation of body weight and the efficiency of utilization of the nutrients for the synthesis of N in milk reduced (P<0,05) starting from 2/3 replacement of SBM by CSMT. The CSMT can replace maximum 1/3 of SBM (5% of diet DM or 0,860 kg of DM/day of CSMT) in dairy cows producing mean 25 kg milk a day.
Palavras-chave: Co-produtos do Biodiesel
Ricina
Produção de leite
Torta de mamona
Sub-products of Biodiesel
Ricin
Milk production
Castor bean
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Mestrado em Zootecnia
Citação: COSTA, Juliana Variz da. Performance of dairy cows fed with castor meal treated with calcium oxide. 2010. 43 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5633
Data do documento: 5-Mar-2010
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf236,18 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.