Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5744
Tipo: Dissertação
Título: Efeito do resfriamento e da associação de crioprotetores, penetrantes, não penetrante e ácido ascórbico na qualidade de folículos pré-antrais bovinos vitrificados
Título(s) alternativo(s): Cooling effects and association of penetrant, non-penetrant cryoprotectors and ascorbic acid on the quality of vitrified bovine preantral follicles
Autor(es): Triana, Erly Luisana Carrascal
Primeiro Orientador: Torres, Ciro Alexandre Alves
Primeiro coorientador: Carvalho, Giovanni Ribeiro de
Segundo coorientador: Costa, Eduardo Paulino da
Primeiro avaliador: Espeschit, Claudio José Borela
Segundo avaliador: Guimarães, José Domingos
Abstract: O presente trabalho teve por objetivo avaliar o efeito do resfriamento e da associação de crioprotetores penetrantes e não penetrante acrescido de ácido ascórbico na qualidade de folículos pré-antrais (FOPAs) bovinos vitrificados. Para isso, foram realizados dois experimentos. No experimento I, foi estudada a morfologia dos FOPAs após resfriamento seguido de vitrificação. Ovários (n=10) foram coletados de cinco novilhas mestiças de 14 a 16 meses de idade. No laboratório, 22 fragmentos ovarianos foram retirados da região cortical, os quais foram distribuídos: dois para controle fresco (zero hora), sendo imediatamente fixados para análise histológica, e 20 fragmentos resfriados à 4 ºC por quatro e 24 horas em meio TCM-199+HEPES e antibióticos. Dos 20 fragmentos resfriados, quatro foram fixados como controle 4 e 24 horas (dois fragmentos cada) e os 16 restantes foram distribuídos em quatro tratamentos de vitrificação para cada tempo de resfriamento, respectivamente: Tratamentos V4a e V24a: TCM-199 + Etilenoglicol (EG) 1,5M + Dimetilsulfoxido (DMSO) 1,5M; Tratamentos V4b e V24b: TCM-199 + DMSO 1,5M + EG 1,5M + sacarose (SAC) 0,5M; Tratamentos V4c e V24c: TCM-199 + DMSO 1,5M + EG 1,5M + Ácido Ascórbico (AA) 0,1 mM/L e tratamentos V4d e V24d: TCM-199 + DMSO 1,5M + EG 1,5M + SAC 0,5M + AA 0,1mM/L. Após a vitrificação, os fragmentos permaneceram armazenados em Nitrogênio Líquido por três dias, e posteriormente aquecidos em soluções decrescentes de SAC e fixados para histologia clássica. No experimento II, foi estudada a viabilidade dos FOPAs após resfriamento seguido de vitrificação pela coloração Azul de Trypan (AT). Ovários bovinos (n=10) foram coletados, fragmentados e distribuídos nos quatros tratamentos conforme descrito no experimento I, os quais foram posteriormente submetidos ao isolamento folicular mecânico para análise da viabilidade. A variável morfologia foi avaliada pelo Teste SNK e a viabilidade foi analisada pelo teste Qui-quadrado com nível de significância de 5%, ou pelo Teste Exato de Fisher quando o número de repetições foi menor que 30 folículos. Não houve diferença na percentagem de folículos morfologicamente normais entre o grupo controle fresco e o grupo controle 4 h (99,3% e 96,0% respectivamente; P>0,05). Entretanto, houve redução da integridade morfológica dos FOPAs após 24 h de resfriamento (controle 24 h: 86%; P<0,05). Após a vitrificação, houve uma redução da integridade morfológica e viabilidade folicular em todos os tratamentos em relação aos controles resfriados (P<0,05). No entanto, o tratamento V4c manteve a viabilidade folicular semelhante ao controle 24 h (P > 0.05). Este mesmo tratamento (V4c) mostrou maior capacidade de preservação em relação aos demais tratamentos de vitrificação (P<0,05). Em conclusão, FOPAs inclusos no tecido ovariano bovino conservam a morfologia eficientemente quando são resfriados a 4 ºC por até quatro horas em meio TCM-199+HEPES+Antibióticos. Além disso, a associação dos agentes crioprotetores penetrantes DMSO / EG, com o agente antioxidante AA melhora as taxas de sobrevivência e mantêm a integridade morfológica durante a vitrificação.
The present study aimed to evaluate the cooling effects and association of penetrant, non-penetrant cryoprotectors and ascorbic acid on the quality of vitrified bovine preantral follicles (FOPAs). Two experiments were conducted. In experiment I, the morphology of FOPAs after cooling followed by vitrification was studied. Ovaries were collected (n=10) from five crossbred heifers aged of 14 to 16 months. At the laboratory 22 ovarian fragments were taken from the cortical region and distributed as followed: two fragments for fresh control (zero hour) submitted to histological analysis and 20 fragments cooled at 4 ºC for four and 24 hours in TCM-199+HEPES+Antibiotics medium. From the 20 fragments cooled, four were fixed as control 4 and 24 hours (two piece each) and the remaining 16 fragments were distributed in four vitrification treatments for each cooling time, respectively: Treatments V4a and V24a: TCM-199 + dimethyl sulfoxide (DMSO) 1.5M + Ethylene glycol (EG) 1.5M; Treatments V4b and V24b: TCM-199 + DMSO 1.5M + EG 1.5M + sucrose (SUC) 0.5M; Treatments V4c and V24c: TCM-199 + DMSO 1.5M + EG 1.5M + Ascorbic Acid (AA) 0.1 mM/L and treatments V4d and V24d: TCM-199 + DMSO 1.5M + EG 1.5M + SUC 0.5M + AA 0.1mM/L. After being vitrified, fragments were stored in liquid nitrogen for three days. Fragments were then heated in solution of decreasing SUC and fixed for histology. In experiment II, the viability of FOPAs after cooling followed by vitrification by Trypan Blue staining (AT) was studied. Bovine ovaries (n = 10) were collected, fragmented and distributed as described in the first experiment, subsequently submitted to mechanical follicular isolation for analysis of viability. The morphology variable was evaluated by SNK test and viability was analyzed by Chi-square Test at 5% probability or the Fisher Exact Test when the number of repetitions was less than 30 follicles. There was no difference in percentage of morphologically normal follicles between fresh control group and control group cooled for 4 h (99.3% and 96.0% respectively; P>0.05), nevertheless, there was reduction of FOPAs morphological integrity of control cooled for 24 h (86%; P<0.05). After vitrification, there was reduction (P<0.05) of normal morphology in all treatments when compared with cooled control groups. On the other hand, the viability analysis showed that V4c treatment were not significantly different when compared with control 24h treatment and, together V24c treatment, showed higher capacity of morphological preservation of FOPAs than other treatments (P<0.05), indicating that AA can reduce the toxic and osmotic damages caused by cryopreservation procedure. In conclusion, FOPAs included in the ovarian bovine tissue conserve the morphology efficiently when cooled to 4 °C for 4 hours in TCM-199 + HEPES + Antibiotics and, the association of permeable cryoprotectants DMSO and EG with the antioxidant AA improves survival rates and maintain the morphologic integrity during the vitrification.
Palavras-chave: Ovário
Folículos pré-antrais
Criopreservação
Resfriamento
Ovary
Preantral follicles
Cryopreservation
Cooling
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::PRODUCAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Mestrado em Zootecnia
Citação: TRIANA, Erly Luisana Carrascal. Cooling effects and association of penetrant, non-penetrant cryoprotectors and ascorbic acid on the quality of vitrified bovine preantral follicles. 2012. 69 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5744
Data do documento: 25-Jul-2012
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,46 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.