Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5757
Tipo: Dissertação
Título: Avaliação nutricional de dietas contendo torta de pinhão manso detoxificada para novilhas e de silagem de estilosantes Campo Grande para ovinos
Título(s) alternativo(s): Nutritional evaluation of dietary detoxified Jatropha Curcas seed cake for heifers and Stylosanthes Campo Grande silage for sheep
Autor(es): Silva, Leandro Diego da
Primeiro Orientador: Pereira, Odilon Gomes
Primeiro coorientador: Valadares Filho, Sebastião de Campos
Segundo coorientador: Ribeiro, Karina Guimarães
Primeiro avaliador: Valadares, Rilene Ferreira Diniz
Abstract: Este trabalho envolveu dois experimentos. No experimento I, avaliou-se o efeito da substituição do farelo de soja (FS) pela torta de pinhão manso, com casca, detoxificada com etanol (TPMDE), sobre os consumos, as digestibilidades totais dos nutrientes, o balanço dos compostos nitrogenados (BN), o pH, as concentrações de nitrogênio amoniacal no rúmen, os indicadores de função hepática e a cinética de degradação ruminal dos alimentos protéicos na dieta de novilhas. Foram utilizadas quatro novilhas, fistuladas no rúmen, com peso médio de 379±2,13 kg, distribuídas em quadrado latino 4x4. Cada período experimental teve duração de 15 dias, sendo oito de adaptação e sete dias para as coletas. Os animais receberam quatro dietas completas, contendo na base da matéria seca, 65% de silagem de milho e 35% de concentrado. Os tratamentos consistiram de quatro níveis de substituição do FS pela TPMDE + uréia/sulfato de amônio na dieta: 0, 33, 67 e 100%, na base da MS. A detoxificação da torta de pinhão manso com etanol retirou 99,33% dos ésteres presentes. A degradabilidade efetiva da MS da TPMDE foi 383,34 g/kg, sendo menor em relação ao FS. Houve redução linear (P<0,05) para os consumos de MS, MO, PB, EE, CNF e NDT, quando o FS foi substituído pela TPMDE. Quando expresso em relação ao peso corporal, os valores de CMS foram de 17,99, 16,24, 16,77 e 11,25 g/kg, para os níveis 0, 33, 67 e 100% de substituição, respectivamente. Não houve efeito (P>0,05) dos níveis de TPMDE sobre a digestibilidade dos nutrientes, apresentando média de 683,29, 705,49, 609,54 e 715,95 g/kg para as digestibilidades de MS, MO, PB e teor de NDT, respectivamente. Houve efeito (P<0,05) de dietas e de tempo sobre o pH ruminal, com aumento do pH com os níveis de substituição. Não houve efeito (P>0,05) de dietas sobre a concentração de N-NH3 ruminal, somente (P<0,05) de tempo de coleta, com ponto de mínimo de 6,62 mg/dL, 11,25 horas após a alimentação. A concentração de N-NH3 ruminal foi de 7,79 mg/dL. Quando expressos em g/dia, houve redução linear (P<0,05) para os valores de N-ingerido, N-absorvido e BN em função dos níveis de substituição do FS pela TPMDE. As excreções urinárias de uréia e N-uréico não foram afetadas (P>0,05) pelos níveis de TPMDE nas dietas. Os níveis séricos das enzimas AST e ALT não foram influenciados (P>0,05) pelas dietas. Dessa forma, pode-se concluir que apesar da redução dos ésteres de forbol, a detoxificação da torta com etanol não foi suficiente para promover um consumo adequado de nutrientes e assim não se recomenda o uso desse tratamento para a torta de pinhão manso. No experimento II, avaliou-se os consumos, as digestibilidades aparentes totais dos nutrientes, o balanço dos compostos nitrogenados, o pH e as concentrações de nitrogênio amoniacal no rúmen, em ovinos alimentados com dietas contendo silagem de estilosantes Campo Grande e de milho. Foram utilizados 12 ovinos machos inteiros, mestiços, com peso médio inicial de 32±1,26 kg, dos quais seis animais foram fistulados no rúmen. Os animais foram distribuídos em quatro quadrados latinos 3x3. Cada período experimental teve a duração de 16 dias, sendo 10 de adaptação e seis para as coletas. Os tratamentos consistiram de: 1 - silagem de estilosantes exclusiva (SSt), 2 - silagem de estilosantes e concentrado (SSt+C) e 3 - silagem de milho e concentrado (SM+C). O concentrado constituiu 500 g/kg de MS total das dietas 2 e 3. As dietas foram formuladas para serem isonitrogenadas de acordo com a quantidade de proteína bruta (PB) da silagem de estilosantes, 117 g/kg de MS. O menor consumo (P<0,05) de nutrientes foi observado na dieta SSt, exceto para a FDNcp. Foram observados consumos de MS de 528,35, 906,61 e 987,77 g/dia para SSt, SSt+C e SM+C, respectivamente. Nas dietas com concentrado o consumo de nutrientes foi semelhante (P>0,05), exceto para o de NDT, que foi maior (P<0,05) para SM+C. Observou-se menor digestibilidade aparente de MS, MO e PB, bem como menor teor de NDT, ED e EM para a dieta SSt. A SM+C apresentou o menor valor de pH ruminal, 6,21. Houve efeito (P<0,05) de tempo de coleta sobre o pH e N-NH3 ruminal. O maior valor de N-NH3 ruminal (21,10 mg/dL) foi observado 2,75 horas após alimentação. Foram registrados menores (P<0,05) valores de N-ingerido, N-fezes, N-total excretado, N-absorvido e N-retido para a dieta SSt. O BN foi similar (P>0,05) nas dietas contendo concentrado. Não houve diferença (P>0,05) nas excreções urinárias de creatinina, uréia e N-uréico. A dieta com silagem de estilosantes diminui a digestibilidade em relação a dieta com silagem de milho. Nas dietas com concentrado o padrão de fermentação ruminal e o balanço aparente de nitrogênio foi semelhante entre as silagens na dieta de ovinos.
Two experiments were conducted. The experiment I, we evaluated the effect of replacing soybean meal (SM) for Jatropha Curcas seed cake with hulls, detoxified with ethanol (JCDE) on intake, total tract digestibility of nutrients, nitrogen compounds balance (NB), pH, ammonia nitrogen in the rumen, indicators of liver function and ruminal degradation kinetics of protein foods on diet heifers. There were four heifers cannulated in the rumen, with an average weight of 379±2.13 kg, distributed in 4x4 Latin square. Each experimental period lasted 15 days, eight of adaptation and seven days to the collections. The animals received four complete diets containing the dry matter basis, 65% corn silage and 35% concentrate. Treatments consisted of four levels of SM replaced by JCDE + urea/ammonium sulfate in the diet: 0, 33, 67 and 100%, DM basis. The detoxification of Jatropha cake with ethanol removed 99.33% of the esters of phorbol. Effective degradability of JCDE DM was 383.34 g/kg, was lower compared to FS. Linearly decreased (P<0.05) for DM, OM, CP, EE, NFC and TDN, when the SM was replaced by JCDE. When expressed on body weight CMS values were 17.99, 16.24, 16.77 and 11.25 g/kg to levels 0, 33, 67 and 100% substitution, respectively. There was no effect (P> 0.05) levels JCDE on nutrient digestibility, with an average of 683.29, 705.49, 609.54 and 715.95 g/kg for the digestibility of DM, OM, CP and TDN content, respectively. A significant effect (P<0.05) and time of diets on ruminal pH, with increased pH levels with replacement. There was no effect (P>0.05) of diet on concentration of ruminal NH3-N, only (P<0.05) of collection time, with minimum point of 6.62 mg/dL, 11.25 hours after feeding. The concentration of ruminal NH3-N was 7.79 mg/dL. When expressed in g / day, there was a linear decrease (P <0.05) for the values of ingested-N, absorbed-N and NB with the level of substitution of SM by JCDE. The urinary urea and urea-N were not affected (P> 0.05) by the diets of JCDE. The serum levels of AST and ALT were not affected (P> 0.05) by the diets. Thus, we can conclude that despite the reduction of phorbol esters, detoxification seed cake with ethanol was not enough to promote an adequate intake of nutrients and thus do not recommend this treatment for Jatropha Curcas seed cake. The experiment II, we assessed intake, digestibilities of nutrients, nitrogen compounds balance, pH and ammonia nitrogen in the rumen of sheep fed diets containing stylosanthes Campo Grande and corn silage. A total of 12 rams, crossbred with an average initial weight of 32±1.26 kg, of which six animals were cannulated in the rumen. The animals were divided into four 3x3 Latin square design. Each experimental period lasted 16 days with 10 and six adapting to the collections. Treatments consisted of: 1 - stylosanthes exclusive silage (SSt), 2 - stylosanthes silage and concentrate (SSt+C) and 3 - corn silage and concentrate (CS+C). The concentrate was 500 g/kg total DM diets 2 and 3. Diets were formulated to be isonitrogenous according to the amount of crude protein (CP) of stylosanthes silage, 117 g/kg DM. The lower consumption (P<0.05) was observed in nutrient diet SSt, except for NDF. Were observed for DM of 528.35, 906.61 and 987.77 g/day for SSt, SSt+C and CS+C, respectively. Concentrate diets with nutrient intake was similar (P>0.05) except for the TDN, which was higher (P<0.05) for CS+C. There was less apparent digestibility DM, OM and CP, as well as lower levels of TDN, DE and for diet SSt. The CS+C had the lowest ruminal pH, 6.21. A significant effect (P<0.05) of collection time on pH and ruminal NH3-N. The highest ruminal NH3-N (21.10 mg/dL) was observed after 2.75 hours supply. Were recorded lower (P<0.05) amounts of ingested-N, feces-N, excreted total N, absorbed-N and retained-N for diet SSt. The NB was similar (P>0.05) in concentrate diets. There was no difference (P>0.05) in the urinary excretion of creatinine, urea and urea nitrogen. The diet of silage digestibility decreases stylosanthes regarding diet with corn silage. In diets with concentrate the pattern of rumen fermentation and apparent nitrogen balance was similar between the silage in the diet of sheep.
Palavras-chave: Amônia ruminal
Balanço de Nitrogênio
Digestibilidade
Nitrogênio Amoniacal no Rúmen
Ruminal ammonia
Nitrogen balance
Digestibility
Ammonia nitrogen in the rumen
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::PASTAGEM E FORRAGICULTURA::AVALIACAO, PRODUCAO E CONSERVACAO DE FORRAGENS
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Mestrado em Zootecnia
Citação: SILVA, Leandro Diego da. Nutritional evaluation of dietary detoxified Jatropha Curcas seed cake for heifers and Stylosanthes Campo Grande silage for sheep. 2012. 63 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5757
Data do documento: 31-Ago-2012
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,22 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.