Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5763
Tipo: Dissertação
Título: Uso da vitamina 1 alfa hidroxicolecalciferol e de fitase em dietas de frango de corte na fase inicial
Título(s) alternativo(s): Vitamin 1 alfa hidroxicolecalciferol and phytase in broiler diets during starter phase
Autor(es): Torres, David Enrique Sánchez
Primeiro Orientador: Rostagno, Horácio Santiago
Primeiro avaliador: Barreto, Sérgio Luiz de Toledo
Segundo avaliador: Silva, Marcelo Dias da
Terceiro avaliador: Albino, Luiz Fernando Teixeira
Abstract: A suplementação de Ca e P é de muita importância na hora de formular dietas para aves. O primeiro por ocupar muito espaço na dieta, enquanto o segundo, pelo alto custo, pelas reservas limitadas na natureza e pelo potencial poluente; esses nutrientes representam uma fonte de melhoramento para os nutricionistas na procura de maior eficiência. Neste trabalho, avaliou-se o uso de dois dos aditivos disponíveis na indústria com maior eficácia avaliada por diferentes autores na liberação e absorção de Ca e P. O primeiro corresponde à utilização de uma fitase de origem bacteriana (E. coli) com maior liberação de Ca e P disponível; e, o segundo, ao uso de um metabolito da vitamina D 1 alfa hidroxicolecalciferol (1&#945;OH-D3), que tem sido descrita por vários autores como de maior potência na absorção de Ca e P. Os dois aditivos foram usados, segundo as recomendações dos fabricantes. Para medir o efeito da combinação dos aditivos sobre o desempenho e a retenção mineral, foi montado um experimento usando pintinhos Cobb machos de um dia de idade distribuídos de maneira aleatória em seis tratamentos com 10 repetições cada. Utilizaram-se seis dietas que atingem os níveis nutricionais das tabelas brasileiras de 2011, exceto para Ca (0,55 e 0,64%) e P disponível (0,17 e 0,24%). Foram realizadas medições de ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar, cinzas de tíbias, Ca e P na tíbia. Os aditivos foram utilizados sozinhos e em combinação, o que evidenciou um efeito positivo no ganho de peso, no peso da tíbia e na retenção mineral. Encontraram-se diferenças estatísticas no peso final, ganho de peso, peso da tíbia e conteúdo de P na tíbia. Outros parâmetros como conversão alimentar (CA), conteúdo de Ca na tíbia e uniformidade apresentaram uma tendência positiva ao uso dos aditivos, mas não foi o suficiente para encontrar diferença estatística (p < 0,05%).
Calcium and Phosphorus supplementation are very important components of poultry diets. Calcium, because it takes up considerable space in the diet, and phosphorus, because of its high cost and potential negative environmental impact. The objective of this experiment was to combine two feed additives that work synergistically on calcium and phosphorus utilization. Published research has elucidated how bacterial (E. coli) phytase allows greater calcium and phosphorus release from phytate. Similarly several researchers have demonstrated that the vitamin D metabolite (1&#945;OH-D3) also shows an improvement in calcium and phosphorus utilization from phytate and that phytase and 1&#945;OH-D3 are additive. In order to measure the effect of both additives on broiler performance and bone mineral retention, an experiment was designed using day old Cobb males randomly distributed in floor pens among 6 treatments with 10 repetitions each. Six treatment diets were formulated based on Brazilian nutritional requirements, except for Ca (0.55% and 0.64%) and available P (0.17% and 0.25%). Both additives were used individually and in combination. Measurements of body weight gain, feed intake, gain:feed, tibia ash, and calcium and phosphorus from bone (tibia) was made. Addition of the additives showed a positive effect on broiler performance and mineral retention. Statistical differences (p < 0,05) were observed on final weight, weight gain, total tibia weight and P retention. Other parameters such as gain:feed, uniformity, tibia ash and Ca showed a numerical difference, but not enough to achieve statistical significance.
Palavras-chave: Vitamina D
Cálcio
Fósforo
Resistência óssea
Vitamin D
Calcium
Phosphorus
Bone strength
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMAL::AVALIACAO DE ALIMENTOS PARA ANIMAIS
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Mestrado em Zootecnia
Citação: TORRES, David Enrique Sánchez. Vitamin 1 alfa hidroxicolecalciferol and phytase in broiler diets during starter phase. 2012. 38 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5763
Data do documento: 7-Dez-2012
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf330 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.