Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5769
Tipo: Dissertação
Título: Digestibilidade do cálcio de fontes minerais avaliadas em suínos
Título(s) alternativo(s): Calcium digestibility in mineral sources for pigs
Autor(es): Santana, Ana Lúcia Almeida
Primeiro Orientador: Donzele, Juarez Lopes
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Teixeira, Alexandre de Oliveira
metadata.dc.contributor.referee1: Hannas, Melissa Izabel
metadata.dc.contributor.referee2: Ferreira, Vanusa Patrícia de Araújo
Abstract: Objetivou-se determinar os coeficientes de digestibilidade aparente e verdadeiro de cálcio em diferentes fontes minerais para suínos utilizando duas metodologias. Foram utilizados 42 suínos híbridos machos castrados, com peso inicial de 30kg ± 2,8kg, distribuídos em delineamento em blocos casualizados num arranjo fatorial (2 x 7), sendo duas metodologias e sete tratamentos, os quais compreenderam uma dieta basal (DB) e seis dietas contendo diferentes fontes de cálcio, com quatro repetições por tratamento e um suíno por unidade experimental. Os animais foram alojados em gaiolas de metabolismo por 12 dias para coleta de fezes e urina. Não houve interação entre os fatores estudados. Não houve diferença (P>0,05) entre as fontes de cálcio para os coeficientes de digestibilidade verdadeira pelo método de coleta total. Houve diferença entre as fontes de minerais para os coeficientes de digestibilidade aparente e verdadeira pelo método do indicador fecal (P<0,05). Os valores médios dos coeficientes de digestibilidade verdadeira, determinado pelo método de coleta total foram: calcário calcítico 81,89%; Fosfato bicálcio A 77,52%; Fosfato bicálcico B 85,08%; Fosfato microgranulado A 80,89%; Fosfato microgranulado B 83,52%; Fosfato microgranulado C 86,85% e pelo método do indicador fecal: calcário calcítico 83,06%; Fosfato bicálcio A 84,22%; Fosfato bicálcico B 86,23%; Fosfato microgranulado A 82,42%; Fosfato microgranulado B 84,78%; Fosfato microgranulado C 89,86%, respectivamente. Ambos os métodos de coleta fecal podem ser utilizados na determinação da digestibilidade do cálcio.
The purpose of this study was to determine the apparent total tract digestibility of Calcium and the true total tract digestibility of Calcium in different sources of minerals to pigs. A total of 42 barrows with average initial weight of 30 kg ± 2,8 kg were used. The pigs were divided into experimental design of randomized blocks in a factorial diagram (2X7) with two methodologies and seven treatments. The treatments were one basal diet and six diets containing different sources of Calcium, four replicates and one pig as experimental unit. The animals were allocated in metabolism cages by 12 days for feces and urine collection. Has had no interaction among study factors. Has had no difference (P>0,05) among the sources of Calcium for the true total tract digestibility by total collection of feces method. Has had difference (P<0,05) among mineral sources for the total tract digestibility and for the true total tract digestibility by fecal indicator method. The true total tract digestibility by total collection method was in percent (%): Limestone -81,89; Dicalcium phosphate A -77,52; Dicalcium phosphate B 85,08; Granulated phosphate A 80,89; Granulated phosphate B 83,52; Granulated phosphate C 86,85. The true total tract digestibility by fecal indicator method was in percent (%): Limestone 83,06; Dicalcium phosphate A 84,22; Dicalcium phosphate B 86,23; Granulated phosphate A 82,42; Granulated phosphate B 84,78; Granulated phosphate C 89,86. Both methods can be used to determine the digestibility of Calcium in diets to swine.
Palavras-chave: Metabolismo
Minerais
Crescimento
Metabolism
Minerals
Growth
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMAL::EXIGENCIAS NUTRICIONAIS DOS ANIMAIS
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
metadata.dc.publisher.department: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Zootecnia
Citação: SANTANA, Ana Lúcia Almeida. Calcium digestibility in mineral sources for pigs. 2013. 38 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5769
Data do documento: 1-Mar-2013
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf544,33 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.