Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5795
Tipo: Dissertação
Título: Desenvolvimento de novilhas leiteiras submetidas a diferentes relações proteína metabolizável: energia metabolizável na dieta
Título(s) alternativo(s): Development of dairy heifers fed to increasing levels of relationship metabolizable protein: metabolizable energy on diet
Autor(es): Albino, Ronan Lopes
Primeiro Orientador: Marcondes, Marcos Inácio
Primeiro coorientador: Carvalho, Bruno Campos de
Segundo coorientador: Valadares Filho, Sebastião de Campos
Primeiro avaliador: Machado, Fernanda Samarini
Segundo avaliador: Detmann, Edenio
Abstract: Este trabalho foi conduzido para avaliar o desenvolvimento da glândula mamária e o crescimento corporal de novilhas da raça Holandês submetidas a diferentes relações proteína metabolizável: energia metabolizável dietética (RPMEM). Vinte e cinco novilhas holandesas com peso médio inicial (213,4 ± 13,5 kg) foram divididas em 5 tratamentos. Os tratamentos foram formados pela RPMEM, sendo estes 33, 38, 43, 48 e 53 gramas de proteína metabolizável (PM) por Mcal de energia metabolizável (EM). O experimento foi conduzido em delineamento em blocos casualizados, considerando o peso inicial como fator de controle local. As RPMEM observadas nas dietas experimentais foram 36,2; 40,2; 46,2; 47,1 e 50,8 g de PM/Mcal de EM. Os consumos de PB, EE, CNF apresentaram comportamento linear (P < 0,05) de acordo com o aumento das RPMEM. Não houve diferença (P > 0,05) para os CMS e CFDN tanto em Kg/dia quanto em g/ Kg de peso corporal (PC). Quanto às análises de digestibilidade, apenas a PB foi afetada (P < 0,05) pelos tratamentos. Com o aumento da RPMEM houve uma redução (P < 0,05) da relação nitrogênio microbiano: nitrogênio ingerido (Nmic:N-Ing) e um aumento (P < 0,05) do nitrogênio total excretado na urina (N-urina) e da concentração de nitrogênio ureico na urina (NU- urina). A RPMEM não influenciou (P > 0,05) os ganhos de peso (GP), largura de garupa (LG), comprimento corporal (CC) e perímetro torácico (PT). No entanto, houve efeito quadrático (P < 0,05) das variáveis altura de cernelha (AC) e altura de garupa (AG) em relação aos tratamentos. No tocante às avaliações hormonais e da glândula mamária, somente os níveis séricos de IGF-1 aumentaram linearmente de acordo com os tratamentos (P < 0,05). De maneira geral, o aumento da RPMEM levou a uma maior perda de nitrogênio na urina. O GP não foi influenciado pela RPMEM, mas os ganhos de AC e AG apresentaram um comportamento quadrático. A intensidade do brilho das imagens da glândula mamária, medida através da média de pixels, não foi influenciada pela RPMEM na dieta de novilhas submetidas a crescimento acelerado.
This work was conducted to evaluate the mammary gland development and the body growth of Holstein heifers fed to a fast growth under different metabolizable protein and metabolizable energy ratios (MPMER). Twenty five Holstein heifers (weighing 213 ± 67 Kg) were assigned to one of five treatments. The treatments were composed of metabolizable protein and metabolizable energy ratios (MPMER), with 33, 38, 43, 48, 53 grams of metabolizable protein per Mcal of metabolizable energy (ME) to each treatment. All diets were isoenergetic (2.6 Mcal of ME/ Kg DM). The experimental design was randomized blocks, being the weigh at beginning used as factor to local control. The MPMER obtained on the experiment were 36.2, 40.2, 46.2, 47.1 and 50.8 g PM per Mcal of ME. The intakes of CP, EE and NSC were affected (P < 0.05) by treatments. However, there were not (P > 0.05) differences to DMI and NDFI in Kg/day and g/ Kg of body weight (BW). In relation to the digestibility analyses, only CP was affected (P < 0.05) by treatment. There was a reduction (P < 0.05) of the nitrogen microbial and nitrogen intake ratio (Nmic: N-int) and an increase (P < 0.05) of daily excretions of total nitrogen (urinary-N) and of urinary urea nitrogen (UU-N). The MPMER did not affect (P > 0.05) weight gain, hip width, body length, and heart girth. However, the variables wither height and hip height shown a quadratic effect (P < 0.05). Regarding the hormonal and mammary gland evaluations, just the content of IGF-1 on the serum was affected by treatments. Overall, the increase of MPMER led to greater loss of urinary nitrogen. The weight gain was not affected by MPMER, but the gains of wither height and hip height, showed a quadratic response. The brightness of mammary gland images, shown here through of mean of pixels, was not influenced by MPMER in diet of heifers submitted to fast growth.
Palavras-chave: Glândula mamária
Balanço de nitrogênio
Desempenho
Mammary Gland
Nitrogen balance
Performance
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Mestrado em Zootecnia
Citação: ALBINO, Ronan Lopes. Development of dairy heifers fed to increasing levels of relationship metabolizable protein: metabolizable energy on diet. 2013. 43 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5795
Data do documento: 22-Jul-2013
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,21 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.