Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5800
Tipo: Dissertação
Título: Avaliação dos parâmetros de gestação de éguas da raça Mangalarga Marchador
Título(s) alternativo(s): Evaluation of pregnancy characteristics of Mangalarga Marchador mares
Autor(es): Matta, Manuela Pereira da
Primeiro Orientador: Carvalho, Giovanni Ribeiro de
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Torres, Ciro Alexandre Alves
metadata.dc.contributor.referee1: Costa, Eduardo Paulino da
metadata.dc.contributor.referee2: Guimarães, José Domingos
metadata.dc.contributor.referee3: Caiado, Jose Renato Costa
Abstract: O objetivo do presente estudo foi avaliar os parâmetros de gestação em éguas receptoras da raça Mangalarga Marchador (MM).Foram utilizadas 62 éguas receptoras, com idades entre 04 e 15 anos, mantidas em regime extensivo, sendo que 5 éguas acíclicas receberam progesterona exógena. Essas éguas acíclicas foram tratadas com 10 ml de Medroxiprogesterona (150 mg) semanalmente, até completarem 100 dias de gestação. Foram avaliados os aspectos reprodutivos, desde a seleção da receptora até o parto, por exames ultrassonográficos, palpação dos órgãos genitais e dos hormônios, progesterona e estradiol. Amostras sanguíneas foram coletadas nos dias DI=Dia da inovulação, D13, D21, D30, D37, D45, D60, D75, D90, D120, D150, D180, D210, D240, D270, D300 e D330, pós-ovulação. O estradiol foi mensurado entre os dias D60 e D180. As avaliações ultrassonográficas foram realizadas simultaneamente às coletas sanguíneas, com intuito de verificar características uterinas, ovarianas, embrionárias e placentárias. Os embriões foram avaliados e classificados quanto ao grau e estádio de desenvolvimento, antes de serem transferidos para a receptora. Quanto às avaliações ultrassonográficas, foram observadas alterações uterinas como presença de líquidos e cistos endometriais, número e tamanho de corpos lúteos, folículos ovulatórios ou anovulatórios, formação de corpos lúteos acessórios e espessura da junção útero-placentária (JUP). Em relação ao concepto, foi mensurada a vesícula embrionária, o comprimento crânio-caudal (CR-CD), o diâmetro torácico (DT) e o diâmetro da órbita ocular fetal (OC). Ainda foi observada a duração da gestação, a fixação das vesículas embrionárias ao corno uterino e a ocorrência de perdas gestacionais (mortalidades embrionárias precoces ou abortamentos). Todos os embriões foram coletados entre os dias 7 e 10, pós-ovulação. Dos embriões avaliados no dia da coleta, 80,5; 16,67 e 2,83% foram classificados quanto à qualidade, em grau I, II e III, respectivamente. Quanto ao estádio de desenvolvimento embrionário, foram verificados blastocistos em eclosão (2,77%), blastocistos expandidos (68,0%), blastocistos iniciais (20,80%) e mórulas compactas (8,4%). A vesícula embrionária apresentou crescimento linear (P<0,0001) e não foi observada diferença em relação ao sexo do embrião (P>0,05). O comprimento crânio-caudal, o diâmetro torácico e o diâmetro da órbita ocular dos fetos tiveram crescimento linear (P<0,0001). O número e a área de corpo lúteo (ACL) foram diferentes entre os períodos estudados (P<0,05). Houve diferença da ACL entre os dias 13 a 30 após a ovulação, em relação ao dia da inovulação do embrião (P<0,05). A progesterona (P4) não apresentou diferenças em relação ao dia da inovulação (P>0,05), entre éguas cíclicas e acíclicas, em que foi utilizada a suplementação de P4 exógena. Ao longo da gestação, observou-se diferenças nas concentrações de P4 (P<0,05). Houve correlação positiva entre a área de CL e a produção de P4 nos dias D13, D60, D75 e D90 (P<0,05). A área de CL apresentou correlação positiva (r=0,32) com a produção de P4,com as concentrações apresentando comportamento quadrático (p<0,001). Comparando- se éguas cíclicas com acíclicas, suplementadas com P4, só se observou diferença de progesterona no dia D30 (P<0,05). As concentrações de estradiol foram crescentes, entre os dias D60 a D180, dando diferença para os períodos de coletas (P<0,05). Perdas gestacionais ocorreram numa taxa de 12,9 %, sendo que 6,45% foi mortalidade embrionária precoce e 6,45% abortamentos. Todas as perdas ocorreram em éguas cíclicas. A duração média da gestação na raça foi de 334 dias. Das éguas avaliadas, 61% alternaram o corno uterino em gestações sucessivas independente da localização do corpo lúteo e 62,75% fixaram o embrião no corno uterino direito.
The present study aimed to evaluate the pregnancy characteristics in recipient mares of Margalarga Marchador breed (MM).Sixty-two recipient mares aging 4 to 15 years were used. The animals were kept in an extensive pasture regimen, and five non-cyclic mares were treated with exogenous progesterone (P4) to receive embryos. The non-cyclic mares were treated with 10 ml of Medroxiprogesterone (150 mg) weekly until 100 days of pregnancy. Reproductive aspects were evaluated from the day of recipient mare selection to parturition through transrectal ultrasonography and palpation of reproductive system and by P4 and estradiol concentrations. Blood samples were collected on the following days: day of embryo transfer (DI) and on Days 13, 21, 30, 37, 45, 60, 75, 90, 120, 150, 180, 210, 240, 270, 300 and 330 after ovulation. Estradiol concentration was assayed only from Day 60 to Day 180. Transrectal ultrasonography was performed concomitant with the blood sampling to evaluate the characteristics of uterus, ovary, conceptus and placenta during pregnancy. The recipient mares were select based on the uterine tonus, cervical tonus, uterine echography, uterine edema, corpus luteum diameter, and dominant follicle diameter. Each recipient received a score in accordance with the reported characteristics. Embryos were evaluated and classified according the stage and quality of development before their transfer. In addition, during the ultrasonography evaluation uterine and ovary changes were detected and recorded. The characteristics evaluated were: presence of fluid and endometrial; number and size of corpora lutea; occurrence of ovulatory and anovulatory follicles; formation of accessory corpora lutea; and thickness of uterus-placenta junction (JUP). In regard the conceptus, was measured the size of embryonic vesicle, the crown-rump length (CR-CD); thoracic diameter (DT) and diameter of fetal eye socket (OC). The pregnancy length, day of embryo vesicle attachment in the uterus and occurrence of pregnancy loss (early or late conceptus death) were also evaluated. Embryos were collected between days 7 and 10 post- ovulation. Embryos were classified as grade I (80.5%), II (16.7%) and III (2.83%). For the development stage, embryos were classified as expanded blastocysts (68.0%), early blastocysts (20.80%) and compact morulas (8.43%). The growth of embryonic vesicle had a linear effect (P<0.0001), and was not affected by the embryo gender (P>0.05). The CR-CD, DT, and OC also had linear growth during pregnancy (P<0.0001). The number and area of corpora lutea (ACL) differed among the pregnancy periods evaluated (P<0.05). The ACL differed between days 13-30 postovulation and the day of embryo transfer (P<0.05). Concentration of P4 did not differ at the day of embryo transfer (P>0.05) in cyclic and non- cyclic mares, but differed during pregnancy among sampled days (P<0.05). A positive correlation was detected between ACL and P4 concentrations on Days 13, 60, 75 and 90 (P<0.05). The ACL also had a positive correlation (r = 0.32) with P4 concentration during pregnancy and a quadratic regression model was developed owing to predict the P4 level by ACL. For the comparison between cyclic and non-cyclic mares, P4 only differed between these two groups on Day 30 (P<0.05). Estradiol concentrations increased between Days 60 and 180 (P<0.05). All the pregnancy losses occurred in cyclic mares. The mean of pregnancy length was 334 days. In 61% of the mares, the pregnancy fixed in opposite uterine horn of the previous pregnancy regardless the corpus luteum side and 62.8 % of embryos fixed in the right uterine horn.
Palavras-chave: Gestação
Éguas
Mangalarga marchador
Gestation
Mares
Mangalarga marchador
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::REPRODUCAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
metadata.dc.publisher.department: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Zootecnia
Citação: MATTA, Manuela Pereira da. Evaluation of pregnancy characteristics of Mangalarga Marchador mares. 2013. 115 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5800
Data do documento: 11-Jun-2013
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf4,7 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.