Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5825
Tipo: Dissertação
Título: Excreção urinária de derivados de purinas e de compostos nitrogenados de zebuínos em pastejo
Título(s) alternativo(s): Urinary excretion of purine derivatives and nitrogen compounds of zebu cattle grazing
Autor(es): Silva Júnior, Jarbas Miguel da
Primeiro Orientador: Rennó, Luciana Navajas
Primeiro coorientador: Valadares Filho, Sebastião de Campos
Segundo coorientador: Paulino, Mário Fonseca
Primeiro avaliador: Detmann, Edenio
Segundo avaliador: Valadares, Rilene Ferreira Diniz
Abstract: O presente trabalho foi desenvolvido com os objetivos de avaliar a excreção dos derivados de purinas e de compostos nitrogenados em zebuínos em pastejo, em diferentes dias e períodos dentro de dias. O experimento foi conduzido no setor de gado de corte da Universidade Federal de Viçosa/MG, utilizando-se cinco novilhas Nelore com peso corporal médio de 300 ± 15kg e 20 meses de idade, distribuídas em quadrado latino 5x5. Os tratamentos experimentais foram definidos para representar aqueles normalmente utilizados na época seca do ano, sendo eles: controle (sal mineral), concentrado com 20,31% de proteína bruta (PB) com base na matéria seca (MS) sendo oferecido (OF) em nível de 0,5 e 1% do peso corporal em jejum (PCJ), OF5 e OF10, respectivamente; e dois concentrados autorreguladores (AR) de consumo, um contendo 69,38% PB com base na MS (20% de ureia e 20% de sal) ofertado ad libitun (AR70) e outro concentrado contendo 39,73% PB com base na MS sendo ofertado ad libitum (AR40). Os períodos experimentais possuíram 18 dias, sendo o dia um para realização de jejum de 14 horas para pesagem e ajuste das quantidades fornecidas, 12 para adaptação dos animais às dietas experimentais e cinco para a coleta total de urina e amostral de fezes, nos horários das 0h00 às 4h00, 4h00 às 8h00, 8h00 às 12h00, 12h00 às 16h00, 16h00 às 20h00 e 20h00 às 24h00. Para a coleta total de urina utilizou-se sonda de Folley no26, acoplada a mangueira de polietileno que conduziu a urina até uma bolsa coletora de urina por sistema fechado, que foi esvaziada a cada duas horas no intervalo das 8h00 às 20h00, e a cada quatro horas no intervalo das 20h00 às 8h00, sendo posteriormente homogeneizadas e resfriadas. A amostragem da urina coletada foi realizada a cada 4 horas, medindo-se o volume e retirando-se duas amostras, uma diluída com solução H2SO4 0,036N e não diluida. Para determinação da excreção fecal, utilizou-se o dioxido de titânio, fornecido na quantidade total diária de 15g, entre os dias 9 e 18 de cada período. Para estimativa do consumo de pasto, utilizou-se a fibra indigestível em detergente neutro (FDNi), como indicador interno. Realizou-se coleta de pasto pela técnica do quadrado para determinação da matéria seca potencialmente digestível (MSpd) no terceiro dia de cada período experimental, e nos dias 14o e 18o realizou-se simulação de pastejo para estimar os consumos dos constituintes das dietas. Nas amostras de urina foram determinadas as concentrações de creatinina, nitrogênio total, ureia, acido úrico e alantoína. Para análise estatística utilizou-se o programa estatístico Proc Mixed do SAS. O consumo de MS foi superior (P<0,05) para o tratamento OF10 em relação aos tratamentos AR70, AR40 e controle, mas não diferiu (P>0,05) do tratamento OF5. O consumo de PB aumentou com a suplementação (P<0,05), que não causou efeito sobre o consumo de MS do pasto. As excreções de creatinina não sofreram efeito de tratamento, dia e período de coleta (P>0,05) e apresentaram média de 23,03 ± 0,30 mg/kgPC. As relações urinárias da alantoína (Al) e do ácido úrico (AU) com a creatinina não foram influenciadas (P>0,05) pelos tratamentos, dias de coleta e horários de coleta. As relações nitrogênio total:creatinina e nitrogênio ureico:creatinina na urina apresentaram interação (P<0,05) entre tratamento e período de coleta. A relação entre nitrogênio ureico:nitrogênio total foi influenciada (P<0,05) apenas pelo horário de coleta. O balanço de compostos nitrogenados (BN), em g/dia, não diferiu entre os tratamentos OF10, AR70 e AR40, contudo esses apresentaram maiores retenções de N (P<0,05) que os tratamentos OF5 e controle, que não foram diferentes. O BN, em g/ging, apresentou diferença (P<0,05) entre os tratamentos com concentrado, que não diferiram entre si (P>0,05), e tratamento controle, que apresentou o menor BN. A produção de compostos nitrogenados microbianos não foi alterada (P>0,05) pelos tratamentos. A eficiência microbiana, em gPBmic/kgMOD e gPBmic/kgNDT foi afetada (P<0,05) pela suplementação, sendo maior (P<0,05) para os tratamentos OF5, OF10 e AR70, que não diferiram entre si. Os tratamentos controle e OF5, apresentaram os menores valores e foram semelhantes entre si. A ausência de efeito de dia e do período de coleta sobre a relação alantoína e ácido úrico com a creatinina tem grande aplicação prática, possibilitando utilizar a amostra spot de urina para calcular a excreção de derivados de purinas em qualquer horário do dia ou da noite, e consequentemente a produção microbiana. Em função das variações observadas para as relações nitrogênio ureico e nitrogênio total com a creatinina ao longo do período de 24 horas não se recomenda o uso de uma única amostra spot de urina para determinação destes compostos nitrogenados.
This study aimed evaluating the excretion of purine derivatives and nitrogen compounds in zebu cattle grazing, on different days and times within days. The experiment was conducted in the cattle department of the Federal University of Viçosa / MG, using five Nelore heifers with an average body weight of 300 ± 15 kg and 20 months of age, in 5x5 Latin square design. The experimental treatments were defined to represent those commonly used in the dry season, as follows: control (mineral salt), concentrated with 20.31% crude protein (CP) on dry matter (DM) being offered (OF) level of 0.5 to 1% of body weight fasted (BWF) OF5 and OF10, respectively; and two concentrated self- regulating (SR) consumption, containing 69.38% CP on a DM basis (20% urea and 20% salt) offered ad libitun (SR70) and other concentrate containing 39.73% CP based on MS being offered ad libitum (SR40). The experimental periods was 18 days, with one day to perform 14 hours of fasting for weighing and adjustment of the quantities supplied, 12 days for adaptation to the experimental diets and five for total collection of urine and stool sample at the times of 0h00a.m. to 4h00a.m, 4h00a.m. to 8:00a.m., 8:00a.m. to 12:00p.m., 12:00p.m. to 4:00p.m., 4:00p.m. to 8:00p.m. and 20:00p.m. to 0:00a.m. For total collection of urine was used probe Folley number 26, coupled to polyethylene hose leading to a urine collection bag for urine closed system, which was emptied every two hours in the range of 8:00a.m. to 8:00p.m., and every four hours in the range from 8:00p.m. to 8:00a.m. and subsequently homogenized and cooled. The collected urine sampling was performed every four hours, measuring the volume, and withdrawing one sample were diluted in H 2 SO 4 at 0,036N and another don't diluted. To estimate fecal output, used the titanium dioxide, provided the total daily amount of 15g, between 9 th and 18 th day of each period. To estimate the intake of pasture, used the indigestible neutral detergent fiber (iNDF) as internal indicator. Was performed by collecting pasture technique for determining the square potentially digestible dry matter (PDDM) on the third day of each experimental period, and on days 14 th and 18 th was held grazing simulation to estimate the consumption of constituents of diets. In urine samples the concentrations of creatinine, total nitrogen, urea, uric acid and allantoin. For statistical analysis we used the statistical program SAS Proc Mixed. Dry matter intake 10was higher (P<0.05) for the treatment OF10 compared to SR70, SR40 and control treatments but was not different (P>0.05) treatment OF5. The CP intake increased by supplementation (P<0.05), which caused no effect on DM intake from pasture. Excretions of creatinine did not change treatment, day and sampling period (P>0.05) and had a mean of 23.03 ± 0.30 mg / kgPC. Urinary relations of allantoin (Al) and uric acid (UA) with creatinine were not affected (P>0.05) by treatments, collection days and times of collection. The total nitrogen relations:creatinine and urea nitrogen:creatinine in urine showed interaction (P<0.05) between treatment and sampling period. The relationship between urea nitrogen:total nitrogen was influenced (P<0.05) only at time of collection. The nitrogen balance (NB) in g/day did not differ between treatments OF10, SR70 and SR40, however these had higher retention of N (P<0.05) than treatments OF5 and control, which were not different. The NB, in g/ging, showed differences (P<0.05) between treatments with concentrated, which did not differ (P> 0.05), and control treatment, with the lowest NB. The production of microbial N was not affected (P>0.05) by treatments. The microbial efficiency gPBmic/kgMOD and gPBmic/kgNDT was affected (P<0.05) by supplementation, being higher (P<0.05) for OF5, OF10 and SR70 treatments, which did not differ. The control and OF5, treatments had the lowest values were similar. The lack of effect of day and the collection period on allantoin and uric acid compared with creatinine has wide practical application, enabling use spot urine sample to calculate the excretion of purine derivatives at any time of day or night, and consequently the microbial production. Depending on the variations observed for total nitrogen and urea nitrogen relations with creatinine over 24 hours is not recommended the use of a single spot urine sample for determination of these nitrogen compounds.
Palavras-chave: Zebu
Zebu - Urina - Análise
Derivados de Purina
Zebu
Zebu - Urine - Analysis
Purine derivatives
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Mestrado em Zootecnia
Citação: SILVA JÚNIOR, Jarbas Miguel da. Urinary excretion of purine derivatives and nitrogen compounds of zebu cattle grazing. 2014. 50 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2014.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5825
Data do documento: 21-Jul-2014
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf856,41 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.