Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5970
Tipo: Dissertação
Título: Avaliação in vitro de diferentes aditivos sobre a emissão de metano, a degradabilidade da matéria seca, a produção de gases, e as concentrações de amônia e ácidos graxos voláteis
Título(s) alternativo(s): In vitro evaluation of different additives on methane emission, the degradability of dry matter, production of gases, and the concentrations of ammonia and volatile fatty acids
Autor(es): Garcia, Liéber de Freitas
Primeiro Orientador: Valadares Filho, Sebastião de Campos
Primeiro coorientador: Franzolin Neto, Raul
Primeiro avaliador: Valadares, Rilene Ferreira Diniz
Abstract: O metano é um dos principais gases do efeito estufa. Sua emissão tem se intensificado nos últimos anos, tornando-se um dos objetos de estudos dos nutricionistas, uma vez que sua produção também se dá pela fermentação ruminal. Foi objetivo desta pesquisa avaliar in vitro o efeito de aditivos orgânicos e inorgânicos (monensina, monensina + Fator P, Fator P, Fator P em dose duplicada, Fator P em dose triplicada, AGE, levedura e farinha de algas) para mitigar CH4, bem como o efeito desses aditivos sobre as concentrações ruminais de nitrogênio amoniacal e de ácidos graxos voláteis e sobre a degradabilidade da matéria seca e matéria orgânica do feno de capim Tifton 85. As dosagens dos aditivos estudadas foram: 20 mg de monensina sódica/kg MS, 20 mg de monensina sódica/kg MS + 300 mg de Fator P®/kg MS; 300 mg de Fator P®/kg MS; 600 mg de Fator P®/kg MS; 900 mg de Fator P®/kg MS, 100 mg de óleo essencial/kg MS; 500 mg de leveduras/kg MS; e 5 g de farinha de algas/kg MS e caulim como tratamento controle. As medições das produções de gases foram realizadas nos tempos de 4, 8, 12, 18, 24, 30, 36, 48, 72 e 96 horas após a incubação in vitro; nos tempos de 4, 8, 12, 18 e 24 horas também foram coletados os gases para mensuração da produção de metano. Foram mensuradas também as concentrações de nitrogênio amoniacal (N-NH3), dos ácidos acético, propiônico e butírico e dos ácidos graxos voláteis totais (AGV) em 24 e 96 horas após a incubação. O uso de monensina, Fator P em dose duplicada e leveduras reduziu (P<0,05) a produção de metano. Não houve diferença (P>0,05) nas produções de AGV e N-NH3 em 24 e 96 horas após incubação. A degradação in vitro da matéria seca foi aumentada por todos os aditivos após 96 horas de incubação. Conclui-se que a monensina, o Fator P e as leveduras são eficientes para reduzir a produção in vitro de metano.
Methane is a major greenhouse gas. The issue has intensified in recent years, becoming one of the objects in the study of nutritionists, since its production is also given by fermentation ruminal. The objective of this research was to evaluate in vitro the effect of organic and inorganic additives (monensin, monensin + Fator P, Fator P, Fator P dose doubled, tripled dose Fator P, AGE, yeasts and algae meal) to mitigate CH4 and also evaluate the effect of these additives on ruminal concentrations of ammonia nitrogen and volatile fatty acids and on the degradability of dry matter and organic matter Tifton hay 85. The dosages of additives studied were 20 mg monensin/kg DM, 20 mg monensin/kg DM + 300 mg of Fator P ®/kg DM, 300 mg of Fator P ®/kg DM, 600 mg of Fator P ®/kg DM and 900 mg of Factor P ®/kg DM, 100 mg essential oil/kg DM, 500 mg yeast/kg DM and 5 g of algae meal/kg DM and Caulin as control treatment. Measurements of gas productions were performed at times 4, 8, 12, 18, 24, 30, 36, 48, 72 and 96 hours after in vitro incubation, and at times of 4, 8, 12, 18 and 24 hours also were collected for the measurement of methane production gases. Were also measured concentrations of ammonia nitrogen (NH3-N), acetic, propionic and butyric and total volatile fatty acids (VFA) at 24 and 96 hours after incubation. The use of monensin, Fator P dose duplicate and yeast reduced (P <0.05) methane production. There was no difference (P> 0.05) in the production of VFA and NH3-N at 24 and 96 hours after incubation. The in vitro degradation of dry matter was increased by every additives at 96 hours of incubation. Was concluded that monensin, Factor P dose doubled and yeasts are effective to reduce methane production in vitro.
Palavras-chave: Metano
Gases
Aditivos
Methane
Gases
Additives
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Mestrado Profissionalizante em Zootecnia
Citação: GARCIA, Liéber de Freitas. In vitro evaluation of different additives on methane emission, the degradability of dry matter, production of gases, and the concentrations of ammonia and volatile fatty acids. 2013. 45 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5970
Data do documento: 31-Jan-2013
Aparece nas coleções:Zootecnia - Mestrado Profissional

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf675,59 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.