Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/6312
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributorAntongeovanni, Lídia Lúcia
dc.contributor.advisorStephan, Ítalo Itamar Caixeiro
dc.contributor.authorFigueiredo, Roberto de Melo
dc.date.accessioned2015-10-19T12:46:36Z
dc.date.available2015-10-19T1http://locus.ufv.br/handle/123456789/6313?show=full2:46:36Z
dc.date.issued2014-07-15
dc.identifier.citationFIGUEIREDO, Roberto de Melo. Processos de Territorialização da atividade mineradora no município de Itamarati de Minas. 2014. 129 f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2014.pt-BR
dc.identifier.urihttp://www.locus.ufv.br/handle/123456789/6312
dc.description.abstractEste trabalho tem por objetivo compreender as dinâmicas espaciais associadas à exploração, beneficiamento e a transformação da bauxita em alumínio por empresa mineradora, a partir de uma base territorial: o município. Tais reflexões se orientaram por entender as transformações espaciais a partir do uso do território pela Companhia Brasileira de Alumínio (CBA) em Itamarati de Minas, cuja base territorial viu imprimir um conjunto de objetos técnicos (minas, estrada e restaurantes) e um conjunto de sistemas de ação (normas, meios comunicacionais) para que se tenha o acontecer mineral e se atenda a lógica de consumo por parte da empresa mineradora. A fim de se delinear e ter um entendimento do processo territorial impresso pela CBA, apoiou-se em uma sistematização histórica de uso do território de Itamarati de Minas por parte da CBA sustentado em documentos tais como os Estudos de Impactos Ambientais (EIA) e Relatórios de Impactos Ambientais (RIMA) de maneira a compreender a configuração territorial produtiva do alumínio. Para o entendimento relacional entre a estrutura produtiva da CBA com o Município de Itamarati de Minas apoiou-se em entrevistas e documentos como reportagens de jornais que evidenciassem as modificações constituídas junto ao município. Assim, buscou- se discorrer sobre a inserção da área minerada de bauxita de Itamarati de Minas dentro de uma lógica produtiva do alumínio, sendo um lugar indispensável a uma produção distante indutora e induzida para o consumo. Por fim, o processo territorial mineral, alavancado pelas empresas mineradoras, promovem profundas transformações nos territórios.pt-BR
dc.description.abstractThis work has as an objective to understand the spatial dynamics related to the explaration,processing and the transformation of the bauxite in aluminum by an mining company from a territorial basis: the city. Such reflections were oriented to understand the spatial transformations by the use of territory by the Brazilian Aluminum Company (BAC) in Itamarati de Minas, whose territorial basis saw print a set of technical objects (mines, roads and restaurants) and a set of action systems (rules, communicational ways) In order to have it happen mineral and meets the logic of consumption by the mining company. in order to delineate and have an understanding of the territorial process printed by BAC, sustained in a historical systematization of the use of the territory of Itamarati de Minas by the BAC sustained in documents such as the Environmental Impact Studies (EIS) and the Reports of Environmental Impacts (REI) in a way to understand the productive territorial configuration of aluminum. To a relational understanding between the structure productive of the BAC with the city of Itamarati de Minas sustained in interviews and documents such as newspaper reports that give evidence to the changes constituted along the city. Thus, we sought to discuss the inclusion of the mined area of bauxite in Itamarati de Minas production within a logic of aluminum, which is crucial to a distant place and inducing production induced for consumption. Finally, the mineral territorial process, driven by mining companies, promote profound changes in the territories. .en
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superiorpt-BR
dc.language.isoporpt-BR
dc.publisherUniversidade Federal de Viçosapt-BR
dc.rightsAcesso Abertopt-BR
dc.subjectBauxita - Minas e mineração, Itamarati de Minaspt-BR
dc.subjectAlumínio - Indústriapt-BR
dc.subjectMinas e mineração - Aspectos sociaispt-BR
dc.subjectMinas e mineração - Aspectos ambientaispt-BR
dc.titleProcessos de Territorialização da atividade mineradora no município de Itamarati de Minaspt-BR
dc.titleProcess of territorialization of the mining activity in the city of Itamarati de Minasen
dc.typeDissertaçãopt-BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/2253161675645218pt-BR
dc.subject.cnpqArquitetura e Urbanismopt-BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal de Viçosapt-BR
dc.degree.departmentDepartamento de Arquitetura e Urbanismopt-BR
dc.degree.programMestre em Arquitetura e Urbanismopt-BR
dc.degree.localViçoa - MGpt-BR
dc.degree.date2014-07-15
dc.degree.levelMestradopt-BR
Aparece nas coleções:Arquitetura e Urbanismo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,36 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.