Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/6355
Tipo: Dissertação
Título: Eficiência técnica dos sistemas educacionais municipais do estado de Minas Gerais
Technical efficiency of municipal educational systems of the state of Minas Gerais
Autor(es): Rodrigues, Pedro Eni Lourenço
Abstract: As mudanças econômicas, políticas, sociais e culturais ocorridas no final do século XX transformaram o conteúdo e a forma de organização do trabalho e da produção, bem como as relações de poder e as relações sociais. Tais mudanças também transformaram a cultura educacional, criando uma nova relação entre educação e sociedade. Dentre as mudanças ocorridas nesse período destaca-se a reforma do sistema educacional mineiro, que em consonância com as transformações em nível nacional passaram a tratar da formação docente como uma das mudanças necessárias para melhoria da qualidade da educação no estado. Com o objetivo de determinar a eficiência técnica educacional dos municípios mineiros, propôs-se um estudo exploratório-descritivo, com uso de abordagem quantitativa e fonte de dados secundários para as 853 unidades tomadoras de decisão (DMUs). Como modelo analítico foi utilizado a Análise Envoltória de Dados com retorno variável de escala e orientação para produto. Em complementaridade ao modelo DEA adotou-se a Análise Fatorial Exploratória - AFE para construção de proxies que representem os componentes integracionais associados a qualidade da educação municipal. Como resultado da DEA obteve-se que apenas 18 (2,2%) municípios mineiros são eficientes no uso dos insumos para a produção máxima de produtos. Enquanto outros 818 (97,8%) são ineficientes na obtenção dos outputs. Ainda como resultado da DEA, tem-se que os municípios que se encontram sobre a fronteira de eficiência possuem, em média, 8,29 professores por escola, exercendo em média 3,17 funções docentes, com média 77% de formação superior. Estes municípios possuem em média 15 escolas, com 56 salas de aula, sendo que a média de salas de aula por escola é de 4,73. Já o número médio de alunos matriculados por escola é igual a 152,43, o que equivale a cerca de 30 alunos por sala de aula. A aplicação da DEA buscou não só obter a fronteira de eficiência, mas para, a partir dela, descobrir unidades que sirvam de referência (benchmark) e traçar metas de maximização da eficiência das políticas públicas (redução das folgas). Em conclusão o estudo identificou que, os municípios ineficientes de Minas Gerais se caracterizam como municípios com boa estrutura educacional, mas que não são eficientemente produtivos. Já os municípios eficientes apresentam estruturas menores e conseguem melhores resultados. Palavras-chave: Formação de professores; Análise Envoltória de Dados; Eficiência Municipal.
The economic, political, social and cultural changes in the late twentieth century have transformed the content and the form of work’s organization of production and the relations of power and social relations. Such changes also transformed the educational culture, creating a new relationship between education and society. Among the changes that occurred in this period there is the reform of the Minas Gerais educational system, in line with the changes at the national level began to address the teacher training as one of the necessary changes to improve the quality of education in the state. With the goal to determine the educational technical efficiency of Minas Gerais towns, proposed an exploratory-descriptive study, using a quantitative approach and a source of secondary data for the 853 decision making units (DMUs). As an analytical model was used the data envelopment analysis with variable returns to scale and product orientation. As a complement to the DEA model we adopted the Exploratory Factor Analysis - AFE for building proxies representing the integracionais components associated with the quality of municipal education. As the result of DEA was obtained only 18 (2.2%) Minas Gerais cities are efficient in the use of inputs for maximum production of products. While other 818 (97.8%) are inefficient in the attainment of outputs. Also as a result of the DEA, has been that the cities are over the efficient frontier have an average of 8.29 teachers per school, acting on average 3.17 teaching functions, averaging 77% of higher education. These cities have an average of 15 schools with 56 classrooms, and the average per school classrooms is 4.73. The average number of students enrolled in school is equal to 152.43, which is equivalent to about 30 students per classroom. The application of DEA tried not only get the efficient frontier, but, from there, find units that serve as a reference (benchmark) and trace maximization goals of efficiency of public policies (reduction of gaps). In conclusion, the study found that, inefficient cities of Minas Gerais are characterized as municipalities with good educational structure, but are not efficiently productive. Ever efficient municipalities present smaller structures and get better results. Key-words: Teacher training; Data Envelopment Analysis; Municipalities Efficiency.
Palavras-chave: Avaliação educacional
Sistemas de ensino
Formação de professores
Minas Gerais
CNPq: Administração Pública
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: RODRIGUES, Pedro Eni Lourenço. Eficiência técnica dos sistemas educacionais municipais do estado de Minas Gerais. 2015. 109 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2015.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/6355
Data do documento: 30-Mar-2015
Aparece nas coleções:Administração

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo2,62 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.