Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/6395
Tipo: Dissertação
Título: Ai de ti, Yorick Brown: a paródia do drama shakespeariano como evolução das histórias em quadrinhos
Alas, poor Yorick Brown: the Shakespearean drama parody as evolution of the comic book genre
Autor(es): Pereira, Leonardo Vinícius Macedo
Abstract: O impacto das peças do dramaturgo William Shakespeare na cultura mundial pode ser sentido pelas recorrentes revisitações à elas, seja na forma de adaptações das mesmas para diversos meios ou em obras que as referenciem ou retrabalhem de alguma forma. O mesmo pode ser dito das histórias em quadrinhos, que desde a infância do gênero se utilizou dos enredos de Shakespeare em transposições ilustradas e também na forma de citações e menções à sua obra e figura. Entretanto, o meio dos quadrinhos acabaria por se beneficiar de outra forma dessa relação com a literatura, quando na década de 1960 – após um período de perseguição aos gibis por seu suposto papel no desvirtuamento da juventude – a editora estadunidense Marvel Comics passa a publicar revistas com temáticas fortemente influenciadas pelas obras de Shakespeare, alterando definitivamente o mercado de quadrinhos e seu status dentro da comunicação de massa. Esse tipo de adaptação paródica da literatura, notadamente direcionada à obra de Shakespeare e conforme as noções de autores como Gerárd Genette, Linda Hutcheon, Julie Sanders e Marjorie Garber, pode ser percebida ainda nos dias de hoje, de forma ainda mais amadurecida e inovadora, em obras como Y: O Último Homem, de Brian K. Vaughan e Pia Guerra, entre outras referências da cultura de massa guarda uma relação temática e narrativa com diversos clássicos da literatura – principalmente o Hamlet de Shakespeare. Dada essa simbiose entre os meios, a análise das histórias em quadrinhos se configura como uma opção válida e repleta de possibilidades na pesquisa acadêmica no campo da literatura.
The impact of William Shakespeare’s plays on global culture can be noticed by their recurring revisitations, like in their adaptation for many media or in works that mention or rework them in some form. The same could be said about the comic book media, because since the early days of the genre Shakespeare’s plots were used in illustrated transpositions and in quotes and references to his work and persona. However, the comic book media would benefit in other ways from this relationship with literature, because in the 1960s – after a period of persecution of comics books for their supposedly role in the bad behavior of the youth – the American publisher Marvel Comics begins to produce comics with the strong influence of Shakespearean themes, forever changing its market and status in the mass media. This kind of parodic adaptation of the literature, mostly with Shakespeare’s works and in accordance with the writings by authors like Gerárd Genette, Linda Hutcheon, Julie Sanders e Marjorie Garber, can still be noticed nowadays, in more matured and innovative ways, in titles like Y: The Last Man, by Brian K. Vaughan and Pia Guerra, that among other media references shares a thematic and narrative relation with many literature classics – mainly with Shakespeare’s Hamlet. Because of this symbiosis among the media, the analysis of comic books can be a valid and full of possibilities option of scholar research in the literature field.
Palavras-chave: Literatura comparada
Literatura - Adaptação
Histórias em quadrinhos
Paródia
Shakespeare, William, 1564-1616
CNPq: Literatura comparada
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: PEREIRA, Leonardo Vinicius Macedo. Ai de ti, Yorick Brown: a paródia do drama shakespeariano como evolução das histórias em quadrinhos. 2015. 124 f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2015.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/6395
Data do documento: 13-Mar-2015
Aparece nas coleções:Letras

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdfTexto completo4,5 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.