Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/6475
Tipo: Dissertação
Título: A negociação de categorias de pertencimento em interação intercultural na sala de aula de português como Língua Estrangeira
Título(s) alternativo(s): Negotiating membership categories through intercultural interaction in classes of Portuguese as a foreign language
Autor(es): Sampaio, Glauber Heitor
Abstract: Ao considerarmos a sala de aula de língua estrangeira consistida de um intricado emaranhado de crenças, experiências e identidades culturais diversas, onde questões de ordem social, identitária, comunicativa e cultural estão em jogo a todo o tempo nas interações face-a-face, interessou-nos observar que tipos de fenômenos ocorreriam na conversa naturalística neste contexto específico. A partir da observação de dados empíricos coletados em aulas de português para estrangeiros, chamou nossa atenção o modo como as categorias de pertencimento emergem pelas ações dos participantes e são relativizadas no decorrer da interação. Baseados nessas observações, apresentamos nesta dissertação os resultados de uma pesquisa que teve como escopo principal a análise das categorias de pertencimento que emergem da fala-em-interação entre estudantes que não compartilham dos mesmos sistemas simbólicos e experiencias culturais. Através da análise de ações dos participantes e, consequentemente, do modo como tais participantes se caracterizam e caracterizam o outro, promovemos uma reflexão a respeito da comunicação intercultural na sala de aula de língua estrangeira em contexto multicultural. Para tanto, nos apoiamos principalmente no aporte teórico-metodológico referente aos estudos da Comunicação Intercultural (SORRELSS, 2013; PATEL, LI e SOOKNAMAN, 2011; RODRIGO, 2011; SPENSER-OATEY e FRANKLIN, 2009, SCHRODER, 2008, ZEGARAC, 2008), da Análise da Categorização de Pertencimento (SACKS, 1995; WATSON, 1997; SCHEGLOFF, 2007) e da Análise da Conversa Etnometodológica (GARCEZ, 2008; SACKS, 1995; SCHEGLOFF, 1991, 2002; COULON, 1987; SACKS, SCHEGLOFF e JEFFERSON, 1974; GARFINKEL, 1967). Este é um estudo de caso, autoetnográfico, de natureza qualitativa e de cunho interpretativo. Para sua realização, utilizamos dados gerados a partir da gravação de aulas em áudio. Os dados foram coletados na disciplina LET 483 - Português para Estrangeiros I -, durante o segundo semestre de 2012 e transcritos de acordo com o sistema Jefferson de transcrição (LODER, 2011). Como resultado, descrevemos os efeitos interacionais dos dispositivos de categorização dos sujeitos que emergem da comunicação intercultural entre professor e alunos. Além disso, apontamos implicações para o ensino e aprendizagem de Português como Língua Estrangeira em salas de aula multiculturais, bem como sugestões para futuras pesquisas.
Considering the foreign language classroom we analyzed consisted of an intricate web of beliefs, experiences and diverse cultural identities, in which social, communicative and cultural issues are at stake all the time in face-to-face interactions, it was of our interest to observe which phenomena could be noticed in naturalistic conversations in this particular context. By observing empirical data collected in Portuguese classes for speakers of other languages, it drew our attention to the way membership categories emerged from the actions of the participants and how they were relativized in the course of interaction. Therefore, based on these observations, we present in this dissertation the results of a survey whose aim was to analyze the membership categories that emerge from the talk-in- interaction of students and teacher who do not share the same symbolic systems of cultural experiences. Through the analysis of the actions of the interactants, and the way in which participants characterize themselves and characterize others, we promote a reflection on intercultural communication in the foreign language classroom in a multicultural context. For this purpose, we rely mainly on the theoretical and methodological support concerning the studies of Intercultural Communication (SORRELSS, 2013; PATEL, LI SOOKNAMAN, 2011; RODRIGO, 2011; OATEY-SPENSER & FRANKLIN, 2009, SCHRODER, 2008; ZEGARAC, 2008), the Membership Categorization Analysis (SACKS, 1995; WATSON, 1997; SCHEGLOFF, 2007) and the Ethnometodological Conversation Analysis (GARCEZ, 2008; SACKS, 1995; SCHEGLOFF, 1991, 2002; COULON, 1987; SACKS, SCHEGLOFF & JEFFERSON 1974; GARFINKEL, 1967). This is a case study, auto-ethnographic, qualitative and interpretative. For its development, we used data recorded in audio in the course LET 483 - Portuguese for Foreigners I during the second semester of 2012. The data was transcribed according to Jefferson transcription conventions (LODER, 2011). As a result, we describe the interactional effects of the membership categorization devices that emerge from intercultural communication between teacher and students. In addition, we point out implications for the teaching and learning of Portuguese as a Foreign Language in multicultural classrooms, as well as highlight some suggestions for future researches.
Palavras-chave: Análise do discurso
Comunicação intercultural
Etnometodologia
Interação social
CNPq: Lingüística
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: SAMPAIO, Glauber Heitor. A negociação de categorias de pertencimento em interação intercultural na sala de aula de português como Língua Estrangeira. 2015. 132f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2015.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/6475
Data do documento: 24-Abr-2015
Aparece nas coleções:Letras

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,59 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.