Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/6550
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorDias, Denise Cunha Fernandes dos Santos
dc.contributor.authorSekita, Marcelo Coelho
dc.date.accessioned2015-11-05T15:19:50Z
dc.date.available2015-11-05T15:19:50Z
dc.date.issued2013-08-21
dc.identifier.citationSEKITA, Marcelo Coelho. Efeito do nitroprussiato de sódio na germinação de sementes de ervilha (Pisum sativum L.). 2013. 66 f. Dissertação (Doutorado em Fisiologia Vegetal) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2013.pt-BR
dc.identifier.urihttp://www.locus.ufv.br/handle/123456789/6550
dc.description.abstractA aplicação de ON em sementes tem se mostrado promissora, uma vez que as sementes em contato com a solução de nitroprussiato de sódio (SNP), doador de ON, em geral, germinam mais e com maior velocidade, tolerando melhor tanto estresses abióticos como a deterioração natural ocasionada pelo armazenamento. Assim, na presente pesquisa, teve-se como objetivo avaliar as principais alterações que ocorrem na durante a germinação de sementes de ervilha devido à aplicação do ON. Para tanto, foram conduzidos dois experimentos. No primeiro experimento, três lotes de sementes de ervilha com diferentes níveis de qualidade fisiológica foram semeados em substrato umedecido com água (controle) ou com solução de SNP (50 μM). Adotou-se o delineamento inteiramente casualizado, com quatro repetições. Os dados foram submetidos à análise de variância e as médias foram analisadas pelo teste F a 5% de probabilidade. No segundo experimento, sementes de ervilha foram semeadas em substrato umedecido com água (controle), solução de polietilenoglicol [PEG 6000 (-0,15 MPa)] e solução de PEG 6000 + SNP (-0,15 MPa; 50 μM). O delineamento estatístico adotado foi inteiramente casualizado com quatro repetições. Os dados foram submetidos a análise de variância e as médias foram analisadas pelo teste Tukey a 5% de probabilidade. Conclui-se que o ON não aumenta a germinação das sementes de ervilha, entretanto há aumento no vigor. Sementes com menor potencial fisiológico respondem melhor à aplicação do ON. O estresse hídrico diminui a germinação e o vigor das sementes de ervilha e causa desbalanço das espécies reativas de oxigênio. A aplicação do SNP promoveu maior germinação e maior velocidade de germinação em sementes sob estresse hídrico. Houve maior atividade das amilases, das enzimas antioxidativas e menor conteúdo de H 2 O 2 , menor liberação de O 2- e menor peroxidação de lipídeos em sementes tratadas com doadores de ON.pt-BR
dc.description.abstractThe NO application in seeds has shown promising, because the seeds in contact with the sodium nitroprusside (SNP) solution, NO donor, usually germinates more and faster and are more tolerant to abiotic stresses such as natural deterioration caused by storage. Thus, it is interesting to know how the NO acts on the seeds germination to improve the early seedling development. Therefore, the research aimed to evaluate the main changes that occur during the germination of pea seeds due the NO application. Therefore, two experiments were conducted. In the first one, three lots of pea seeds with different physiological potential levels were sown in a substrate with water (control) or with SNP solution (50 μM). It was adopted the completely randomized design with four replications. The data were subjected to variance analysis and the means were analyzed by F test at 5% of probability. In the second experiment, pea seeds were sown in a substrate with water (control), polietilenoglicol [PEG 6000 solution (-0,15 MPa)] and PEG 6000 + SNP solution (-0,15 MPa; 50 μM). It was adopted the completely randomized design with four replications. The data were subjected to variance analysis and the means were analyzed by Tukey test at 5% of probability. To conclude, the NO does not increase the germination of pea seeds, but increase the seeds vigor. Seeds with lower physiological potential gives a better response to the NO application. Water stress decrease the germination and vigor of pea seeds and cause reactive oxygen species imbalance. The SNP application promoted a higher and faster germination in seeds under water stress. There were higher activity of the amylases, higher activity of the antioxidative enzymes, less H 2 O 2 content, less O 2- liberation and consequently less lipid peroxidation in seeds treated with NO.en
dc.language.isoporpt-BR
dc.publisherUniversidade Federal de Viçosapt-BR
dc.rightsAcesso Abertopt-BR
dc.subjectPisum sativum - Sementept-BR
dc.subjectGerminaçãopt-BR
dc.subjectSementes - Qualidadept-BR
dc.subjectSementes - Fisiologiapt-BR
dc.subjectErvilha - Sementept-BR
dc.subjectÓxido nítricopt-BR
dc.titleEfeito do nitroprussiato de sódio na germinação de sementes de ervilha (Pisum sativum L.)pt-BR
dc.titleSodium nitroprusside effects on the germination of pea (Pisum sativum L.) seedsen
dc.typeTesept-BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/4749351785755549pt-BR
dc.subject.cnpqFisiologia Vegetalpt-BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal de Viçosapt-BR
dc.degree.departmentDepartamento de Fitotecniapt-BR
dc.degree.programDoutor em Fisiologia Vegetalpt-BR
dc.degree.localViçosa - MGpt-BR
dc.degree.date2013-08-21
dc.degree.levelDoutoradopt-BR
Aparece nas coleções:Fisiologia Vegetal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdfTexto completo1,23 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.