Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/6622
Tipo: Dissertação
Título: Análise do Retorno Salarial à Educação no Brasil no Período bianual de 1999 a 2011
Analysis of Wage Return to Education in Brazil in the biennial period 1999-2011
Autor(es): Uceli, Amanda Ferrari
Abstract: A educação é considerada como o mecanismo central de desenvolvimento social e crescimento econômico, além de ser o meio mais eficaz de superação às desigualdades sociais e regionais no país. Por essa razão, na última década observou-se no Brasil um esforço crescente para que os investimentos em educação sejam suficientes para que as deficiências seculares desse setor possam ser superadas. Apesar disso, são escassos os estudos que determinem o ganho, mensurado pelos retornos salariais, desse investimento nos anos recentes para o Brasil. Mais que isso, poucos estudos consideraram que, sendo o Brasil um país em desenvolvimento, esse retorno é melhor mensurado a partir de uma análise longitudinal. O presente estudo propôs então a formação de uma base de dados com esse perfil, que capte o efeito da educação sobre a renda salarial ao longo do tempo. A partir dos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), é construída uma amostra de pseudo-painel, que agrupa os dados de cross-sections repetidas. O período considerado vai de 1999 à 2011, e se divide em intervalos bianuais. Essa base de dados foi desenvolvida seguindo os trabalhos de Deaton (1985), Moffitt (1993), Collado (1997), Mckenzie (2004) e Verbeck e Vella (2005). As coortes, que são a unidade de análise nesse estudo, foram determinadas por gênero, raça, região de residência e período de nascimento. A hipótese feita foi de que o retorno salarial à educação quando medida em uma amostra longitudinal é menor do que aquele medido para dados de cross-section. Partindo de um modelo de Efeitos Fixos para dados em pseudo-painel, e contrapondo seus resultados àqueles obtidos pelo método de MQO, essa hipótese foi verificada. Os retornos para a escolaridade foram definidos em três formatos distintos: escolaridade contínua, por grupo de escolaridade e por diploma. Além disso, esses retornos foram diferenciados por gênero e raça. O retorno médio estimado para a educação, em sua medida contínua, foi de 0,06%. Já os resultados por grupos educacionais, mostrou que o retorno por ano adicional de educação não é homogêneo entre os ciclos educacionais. No grupo com 5 à 8 anos de escolaridade o retorno à renda de um ano adicional de educação é de 0,18%, já no ciclo de 11 anos ou mais de escolaridade esse mesmo aumento de escolaridade eleva a renda em 0,83%. O retorno por diploma mostrou-se persistente em remunerar melhor os diplomas de maior escolaridade relativa. A obtenção do título de graduação representa, na amostra considerada, um ganho salarial de 1,42% em relação ao diploma do ensino fundamental de quatro anos.
Education is regarded as the central mechanism of social development and economic growth, in addition to being the most effective way of overcoming social and regional inequalities in the country. For this reason, in the last decade has been observed in Brazil a growing effort done in investments in education sufficient to overcome secular deficiencies of this sector. Despite this, studies that determine the gain, measured by salary, investment returns in recent years for Brazil are scarce. More than that, few studies considered that, being the Brazil a developing country, this return is better measured from a longitudinal analysis. This study proposed the formation of a database with this profile, which captures the effect of education on wage income over time. From the data of the Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), is constructed a sample of pseudo-panel, which groups data from repeated cross-sections. The period considered going from 1999 to 2011, and is divided into twice-yearly intervals. This database was developed following the work of Deaton (1985), Moffitt (1993), Collado (1997), Mckenzie (2004) and Verbeeck and Vella (2005). The cohorts, that are the unit of analysis in this study, were determined by the gender, race, region of residence and period of birth. The hypothesis made was that the return on salary for education if measured in a longitudinal sample is smaller than that measured for cross-section data. Starting with a Fixed Effects model for data on pseudo-painel, and opposed its results to those obtained by the MQO method, this hypothesis was verified. The returns to schooling were set in three different formats: continuous education, group of years of schooling and diploma. Moreover, these returns have been differentiated by gender and race. The estimated average return for education, in its continuous measure, was 0.06%. Furthermore, the results by educational groups, showed that the return for additional year of education is not homogeneous between educational cycles. In the group with 5 to 8 years of schooling the income return of an additional year of education is 0.18%, additionally, in cycle of 11 years or more of schooling that same increase in schooling raises the rent in 0.83%. The return by diploma was persistent in remunerate better higher school diplomas. The graduation title represents, in the sample considered, a wage gain of 1.42% in relation to the diploma of basic education of four years.
Palavras-chave: Educação
Pseudo-painel
Pesquisa Nacional de Amostra de Domicílio
CNPq: Ciências Sociais Aplicadas
Economia
Economia dos Recursos Humanos
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: UCELI, Amanda Ferrari. Análise do Retorno Salarial à Educação no Brasil no Período bianual de 1999 a 2011. 2014. 86f. Dissertação (Mestrado em Economia Aplicada) - Universidade Federal de Viçosa. Viçosa. 2014.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/6622
Data do documento: 17-Fev-2014
Aparece nas coleções:Economia Aplicada

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo834,8 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.