Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/6797
Tipo: Dissertação
Título: Heterose e capacidade de combinação em cruzamentos dialélicos de sorgo biomassa
Heterosis and combining ability in diallel crosses of biomass sorghum
Autor(es): Oliveira, Isadora Cristina Martins
Abstract: O Brasil passa atualmente por grande demanda energética, devido o surgimento de indústrias de grande porte para Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais, e estados do Nordeste, além da demanda do Estado de São Paulo, mais importante pólo industrial do País. Apesar de a matriz energética brasileira estar concentrada na geração de energia por hidrelétricas, muitas usinas termoelétricas estão sendo instaladas em todo o País, a fim de atender essas demandas energéticas crescentes. Contudo ainda há déficit de matéria prima para as termoelétricas, nesse contexto o sorgo biomassa entra como uma alternativa eficiente como fonte de energia através do vapor para industrialização ou cogeração de eletricidade. Outra vantagem do sorgo biomassa é o possível uso na produção de etanol de segunda geração ou etanol 2G, que vem ganhando espaço no setor dos biocombustíveis. Dessa forma, o objetivo deste trabalho foi estimar a capacidade combinatória de linhagens A e R de sorgo biomassa e estudar a expressão da heterose de híbridos de sorgo biomassa relativa a caracteres agronômicos e tecnológicos visando à cogeração de energia. O experimento foi conduzido em DBC, em Sete Lagoas e Nova Porteirinha, e foram avaliados 36 híbridos, resultantes do cruzamento dialélico parcial, seis linhagens R, seis linhagens A, e o híbrido comercial BRS716 como testemunha, totalizando 49 tratamentos. As características avaliadas foram: altura de plantas, massa de matéria verde (MMV), massa de matéria seca (MMS), porcentagem de massa seca (MS%), teor de fibra em detergente ácido (FDA), teor de fibra em detergente neutro (FDN), teor de lignina, teor de celulose e teor de hemicelulose. Foi realizado o desdobramento do efeito de linhagem/híbrido e da interação genótipos x ambiente de acordo com o dialelo parcial, a partir das médias fenotípicas. Para isso, adotou-se o modelo de Griffing (1965) adaptado a dialelos parciais para o cálculo da Heterose e o modelo proposto por Miranda Filho e Geraldi (1984), adaptado através do modelo de Gardner e Eberhart (1966), para o estudo da Capacidade de combinação em dialelos parciais envolvendo os genitores e F1 ́s. As análises estatísticas necessárias foram realizadas com auxílio do programa GENES (Cruz, 2013). Todas as características avaliadas neste trabalho apresentaram diferença significativa para tratamento nos dois locais e pela análise conjunta foi constatado presença de interação GxA em todos os caracteres, exceto para altura de plantas. Ainda constatou-se predomínio de efeito gênico não-aditivo para as características altura, MMV e MMS, e para as características MS%, FDA, FDN, lignina, celulose e hemicelulose houve predomínio de efeito não-aditivo em Sete Lagoas e efeito aditivo em Nova Porteirinha. Os efeitos de CGC, no geral, mostraram-se superiores nos progenitores do grupo II, evidenciando presença de maior variabilidade genética no mesmo. Pelo método de Griffing (1956) adaptado por Geraldi e Miranda Filho (1988) foram selecionados os híbridos H23 e H29 para a característica altura de plantas, H1 e H10 para MMV, H1 e H5 para MMS e H2 para teor de lignina. E pelo método de Gardner e Eberhart (1966) adaptado por Miranda Filho e Geraldi (1984), as combinações híbridas que mostraram superiores para Altura foram H2, H8, H10, H14, H20 e H28, e para MMV e MMS foram os híbridos H4, H8, H9, H10, H16, H22 e H34. Dessa forma, os híbridos H1, H5 e H10 foram os que apresentaram maior potencial para uso na cogeração de energia.
The Brazil is currently undergoing large energy demand due to large industries rise to Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Minas Gerais and Northeastern states, in addition to the demand of the State of São Paulo, the most important industrial center in the country. Although the Brazilian energy matrix is concentrated in power generation by hydroelectric, many thermoeletric plants are being installed across the country in order to meet these growing energy demands. However there is still deficit of raw materials for thermoelectric, in this context the sorghum biomass comes as an efficient alternative for energy generation through steam to industrialization or cogeneration of electricity. Another sorghum biomass advantage is the possible use in producing ethanol from second generation or 2G ethanol, which has been gaining ground in the sector of biofuels. The aim of this study was to estimate the combining ability of lines A and R of sorghum biomass and to study the expression of heterosis of sorghum biomass hybrids on agronomic and technological properties in order to cogeneration. The experiment was carried out in randomized blocks, in the cities Sete Lagoas and Nova Porteirinha, and were evaluated 36 hybrids resulting from partial diallel cross six strains R, six strains A, and the commercial hybrid BRS716 as a witness, totaling 49 treatments. The characteristics evaluated were: plant height, mass of green matter (MMG), dry matter (MMD), percentage of dry matter (DM%), acid detergent fiber (ADF), neutral detergent fiber (NDF), lignin, cellulose and hemicellulose. We performed the unfolding of the lineage effect / hydrid and genotype x environment according to the partial diallel, from the average phenotypic. For this, we adopted the model of Griffing (1965) adapted the partial diallels to calculate the heterosis and the model proposed by Miranda Filho and Geraldi (1984), adapted by Gardner and Eberhart model (1966), for the study combining capacity in diallels partial involving parents and F1's. The statistics analysis were performed using the GENES program (Cruz, 2013). All features evaluated in this study showed a significant difference to treatment in both locations and the joint analysis it was found the presence of GxE interaction for all characters, except for plant height. Also it was found a predominance of non-additive gene effect for MMV and MMS features, and the characteristic lignin content, no-additive effect of dominance in Sete Lagoas and additive effect in Nova Porteirinha. The CGC effects, overall, proved superior in group II parents, indicating the presence of greater genetic variability in the same. By the method of Griffing (1956) adapted by Geraldi and Miranda Filho (1988) the hybrid H23 and H29 were selected for the trait plant height, H1 and H10 for MMV, H1, H5 and H2 for MMS to lignin content. And the method of Gardner and Eberhart (1966) adapted by Miranda Filho and Geraldi (1984), the hybrids that showed higher for height were H2, H8, H10, H14, H20 and H28, and MMV and MMS were the H4 Hybrid , H8, H9, H10, H16, H22 and H34. Thus, the hybrid H1, H5 and H10 showed the greatest potential for use in energy cogeneration.
Palavras-chave: Sorghum bicolor
Sorgo - Melhoramento Genético
Heterose
Biomassa
Biocombustíveis
Energia - Fontes alternativas
CNPq: Genética e Melhoramento Florestal
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: OLIVEIRA, Isadora Cristina Martins. Heterose e capacidade de combinação em cruzamentos dialélicos de sorgo biomassa. 2015. 75 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2015.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/6797
Data do documento: 14-Jul-2015
Aparece nas coleções:Genética e Melhoramento

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,51 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.