Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/7108
Tipo: Dissertação
Título: Imunização experimental de bovinos com o peptídeo recombinante rBbo23290 para o controle de Babesia bovis (Babes 1888, Starcovich 1893) : avaliação de parâmetros clínicos e imunológicos
Experimental immunization of cattle with recombinant peptide rBbo23290 for control of rBbo23290 bovis (Babes 1888 Starcovich, 1983): review of clinical and immunological parameters
Autor(es): Hernández Ortiz, Byron Abdel
Abstract: Tomando como base clones de Pichia pastoris transfretados com o gene desenhado a partir do peptídeo sintético SBbo23290, iniciou-se a produção do antígeno recombinante em leveduras Pichia pastoris. O material recuperado foi filtrado e concentrado em membranas de Amicon, com tamanho de filtro de 30 kDa e 3 kDa. Para garantir o máximo de proteína antigênica purificada, para ser usada em teste como candidato vacinal em Bovinos Bos taurus taurus com idade entre 8-12 meses, os quais receberam três imunizações subcutâneas com intervalo de 30 dias do peptídeo recombinante rBbo23290 mais saponina, 30 dias após da ultima imunização, os bovinos foram desafiados com amostra virulenta de B. bovis avaliando-se parâmetros clínicos como; hematócrito, parasitemia e temperatura, além do acompanhamento do desenvolvimento da resposta imune humoral, mediante quantificação de IgG total. Os parâmetros hematológicos e a temperatura foram analisados semanalmente durante o período de imunização, e diariamente a partir do 7o dia pós-desafio com o parasita. Os exames sorológicos foram realizados semanalmente durante todo o experimento, os resultados deste experimento demostraram que o peptídeo recombinante tem atividade imunogênica que foi comprovado com o incremento nos níveis de IgG total, mas na hora do desafio biológico evidenciou-se alguma possível falha na diluição do imunógeno ou uma alta dose na inoculação do parasita patogênico, o qual desenvolveu uma resposta diferente da esperada em alguns dos animais vacinados, mesmo assim conseguiu- se demostrar que o peptídeo recombinante possui atividade imunogênica, e pode ser considerado como um potente candidato vacinal para o controle da doença causada pela B. bovis. Precisam-se estudos adicionais para medir e quantificar o tipo de resposta produzida pela imunização, a dosificação ideal para obter a melhor resposta imune nos bovinos. Também, análise das variáveis físicas químicas e biológicas do peptídeo rBbo23290 para entender a influência do tipo e a intensidade da resposta imunológica dos animais no momento da inoculação e no desafio biológico.
Pichia pastoris clones expressing the synthetic peptide SBbo23290 were used to produce this recombinant antigen. The recombinant peptide rBbo 23290 with saponin was used to vaccinate bovines Bos taurus taurus. The animals were then challenged with virulent strain Babesia bovis. As clinical parameters were monitored: hematocrit, hemoglobine, parasitemy, and temperature. Furthermore, the IgG was quantified. Our results showed that some of the vaccinated animals presented an unexpected reaction. This could be due either to a mistake on the dilution of the peptide, or to an unproved higher inoculation of the pathogen strain. Nevertheless, it was demonstrated that our synthetic antigen was immunogenic, based on the increase total levels of IgG. Therefore, it could be considered as a candidate to control bovine babesiosis by B. bovis. Nonetheless, future research is needed to measure and quantify the response activated by the immunization. Furthermore, a suitable dose should be established, aiming to obtain an optimal immunological response. Moreover, it will be worthy to analyze physical, chemical, and biological parameters of this protein, which probably influence the immunological response of the animals.
Palavras-chave: Babesia bovis
Peptídeo
Vacinação
Bovino - Doenças
CNPq: Medicina Veterinária Preventiva
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: HERNÁNDEZ ORTIZ, Byron Abdel. Imunização experimental de bovinos com o peptídeo recombinante rBbo23290 para o controle de Babesia bovis (Babes 1888, Starcovich 1893): avaliação de parâmetros clínicos e imunológicos. 2014. 70f. Dissertação (Mestrado em Medicina Veterinária) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2014.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/7108
Data do documento: 19-Mar-2014
Aparece nas coleções:Medicina Veterinária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo935,85 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.