Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/7114
Tipo: Dissertação
Título: Adequação do modelo formal da Associação Cartográfica Internacional e sua avaliação no desenvolvimento de infraestruturas de dados espaciais corporativas: estudo de caso IDE- Cemig
Adaptation of International Cartographic Association formal model and its evaluation in development of corporate spatial data infrastructure: IDE-Cemig case study
Autor(es): Oliveira, Italo Lopes
Abstract: A International Cartographic Association (ICA) propôs um modelo para a descrição de Infraestrutura de Dados Espaciais (IDE) através de três das cincos perspectivas do framework RM-ODP (Reference Model for Open Distributed Processing). Posteriormente, este modelo foi estendido por outros pesquisadores para descrever de maneira mais adequada os atores e políticas da IDE, além de descreverem o relacionamento hierárquico entre as IDEs e as interações relacionadas com as políticas que regem o funcionamento da mesma. Entretanto, existem diferenças semânticas e terminológicas entre os atores e políticas do modelo da ICA e suas extensões. Além disso, o modelo da ICA não foi validado para IDEs de nível corporativo. O objetivo desta dissertação foi verificar se o modelo proposto pela ICA seria adequado para descrever IDEs de nível corporativo, utilizando como estudo de caso a IDE-Cemig. Inicialmente, os atores e políticas propostos pela ICA e pelos demais pesquisadores foram unificados, permitindo que os mesmos sejam utilizados por outros projetistas, sem que haja diferenças semânticas ou terminológicas entre eles. O modelo da ICA adaptado se mostrou adequado para descrever a IDE-Cemig, cujas diferenças apresentadas se devem às peculiaridades da IDE. Apesar de um único trabalho não ser capaz de validar o modelo da ICA para todo um nível de IDE, esta dissertação mostra que é possível utilizar o modelo da ICA para descrever IDEs corporativas. Outro resultado importante desta pesquisa é o próprio estudo de caso servir de exemplo para a especificação e implantação de novas IDEs, contribuindo principalmente para o fortalecimento da Infraestrutura Nacional de Dados Espaciais (INDE), uma vez que IDEs corporativas começam a ser implantadas e integradas à INDE.
The International Cartographic Association (ICA) has proposed a model to describe Spatial Data Infrastructure (SDI) through three of five viewpoints of the framework Reference Model for Open Distributed Processing (RM-ODP). Later, this model was extended by other researchers to describe more adequately the SDI’s actors and policies, as well as describe the hierarchical relationship between the SDIs and the interactions related to policies governing the operation of it. However, exist semantic and terminological differences between the actors and policies of the ICA model and its extensions. Further, the ICA model wasn’t validated for corporate SDIs. This dissertation objective was verify whether the model proposed by the ICA was adequate to describe corporate SDI, using as a study case the IDE-Cemig. Initially, the actors and policies proposed by the ICA and the other researchers were unified, allowing that them can be used by others designers, without semantic or terminological differences between them. The ICA model adapted was adequate to describe the IDE-Cemig, whose differences appear due to SDI’s peculiarities. Although a single work is not capable of validate the ICA model for an entire SDI level, this dissertation shows that is possible use the ICA model to describe corporate SDIs. Another important result from this research is the study case can be used as an example of the new SDIs specification and implantation, contributing mainly to the Infraestrutura Nacional de Dados Espaciais (INDE) strengthening, as corporate IDEs begin to be deployed and integrated into INDE.
Palavras-chave: Informática
Linguagem de programação (computadores) - Semântica
Representação do conhecimento (Teoria da informação)
Cartografia - Semântica
Cartografia - Terminologia
CNPq: Ciência da Computação
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: OLIVEIRA, Italo Lopes. Adequação do modelo formal da Associação Cartográfica Internacional e sua avaliação no desenvolvimento de infraestruturas de dados espaciais corporativas: estudo de caso IDE- Cemig. 2015. 102 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2015.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/7114
Data do documento: 31-Ago-2015
Aparece nas coleções:Ciência da Computação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdfTexto completo3,41 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.