Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/715
Tipo: Tese
Título: Desempenho de sistemas alagados construídos cultivados com Mentha aquatica no tratamento de esgoto sanitário
Título(s) alternativo(s): Performance of constructed wetland systems planted with Mentha aquatica in the treatment of sewage
Autor(es): Avelar, Fabiana Ferreira
Primeiro Orientador: Matos, Antonio Teixeira de
Primeiro coorientador: Borges, Alisson Carraro
Segundo coorientador: Demuner, Antônio Jacinto
Primeiro avaliador: Mounteer, Ann Honor
Segundo avaliador: Azevedo, Aristéa Alves
Terceiro avaliador: Monaco, Paola Alfonsa Vieira Lo
Quarto avaliador: Alves, Rosa de Belém das Neves
Abstract: Um dos processos de tratamento de águas residuárias domésticas de potencial uso em pequenas comunidades é o tratamento em sistemas alagados construídos (SACs). A espécie Mentha aquatica, conhecida como hortelã da água, pode ser útil na redução de poluentes presentes na água, principalmente micro-organismos. Neste estudo objetivou-se: avaliar o desempenho da espécie Mentha aquatica em Sistemas Alagados Construídos de Escoamento Horizontal Subsuperficial (SACs-EHSS), no que se refere à remoção de matéria orgânica, nutrientes e coliformes de esgoto sanitário; obter os parâmetros de ajuste do modelo de cinética de decaimento bacteriano ao longo do comprimento dos SACs-EHSS e determinar o teor e os constituintes majoritários presentes no óleo essencial extraído da espécie Mentha aquatica, quando cultivada sob diferentes cargas orgânicas. Para isso, quatro SACs-EHSS de 24,0 m x 1,0 m x 0,35 m foram construídos e preenchidos com brita # 0, como meio suporte, até a altura de 0,20 m. Em dois SACs-EHSS (1 e 4) foram cultivados a espécie Mentha aquatica, permanecendo os outros dois sem vegetação. O experimento foi realizado em duas etapas: na primeira, avaliaram-se os tempos de detenção hidráulica (TDH) de 6,0 e 4,5 dias, aplicando-se uma taxa de carregamento orgânico (TCO) de 40,35 kg ha-1 d-1 nos SACs-EHSS 1 e 2 e de 53,80 kg ha-1 d-1 nos SACs-EHSS 3 e 4, sendo estes sistemas denominados de SAC-EHSS 1A, SAC-EHSS 2A, SAC-EHSS 3A e SAC-EHSS 4A, respectivamente; na segunda etapa, avaliaram-se os TDH de 3,0 e 1,5 dias, aplicando-se TCO de 79,66 kg ha-1 d-1 nos SACs-EHSS 1 e 2, e 160,35 kg ha-1 d-1 nos SACs-EHSS 3 e 4, os quais foram denominados SAC-EHSS 1B, SAC-EHSS 2B, SAC-EHSS 3B e SAC-EHSS 4B, respectivamente. Para avaliação do desempenho dos sistemas, foram quantificadas as seguintes variáveis: demanda química de oxigênio (DQO), demanda bioquímica de oxigênio (DBO), nitrogênio total, fósforo, potássio, sódio, coliformes totais e Escherichia coli. As eficiências médias de remoção de DQO variaram de 71,3 a 91,4% e de 75,3 a 91,0% na DBO. Quanto aos nutrientes, foram obtidas remoções médias de 29,5 a 77,2% de N, 12,8 a 58,3% de P, 20,4 a 63,3% de K e 17,5 a 53,4% de Na. A redução na contagem de coliformes totais foi de 1,29 a 3,41 unidades logarítmicas e de 1,13 a 3,46 unidades logarítmicas na de E. coli. Maiores eficiências na remoção de nitrogênio, coliformes totais e E. coli foram observadas utilizando-se maiores TDH. O cultivo de Mentha aquatica em SAC-EHSS proporcionou aumento na remoção de nutrientes, coliformes totais e E. coli do esgoto sanitário. Os modelos matemáticos avaliados (Reed, 1995; Laber, 1999; Brasil et al., 2007 e Kadlec e Wallace, 2008) apresentaram bom ajuste aos dados médios de contagem de coliformes totais e E. coli, destacando-se, entre eles, o modelo proposto por Brasil et al. (2007). Nos sistemas cultivados sob maior TCO não se observaram diferenças no rendimento e composição do óleo essencial, tendo o limoneno, viridiflorol e o germacreno D como principais constituintes das folhas de menta cultivadas nos SACs-EHSS.
A process for treating domestic waste water for potential use in small communities is treatment in constructed wetlands (CWs). The Mentha aquatica, called Water Mint, may be useful in the reduction of pollutants in water, especially microorganisms. This study aimed to: evaluate the performance of Mentha aquatica in constructed wetlands of subsurface horizontal flow (CWs-SSHF), with regard to removal of organic matter, nutrients and coliforms in sewage; adjust parameters of bacterial decay kinetic models along the length of CWs-SSHF and determine the yield and major constituents present in the essential oil extracted from Mentha aquatica when grown under different organic loading rates. For this, four CWs-SSHF measuring 24,0m x 1,0m x 0,35m were built and filled with a 0,20 m high layer gravel # 0, as a support medium. Mentha aquatica was planted in two CWs-SSHF (1 and 4), the other two remained without vegetation. The experiment was conducted in two stages: in the first, hydraulic retention times (HRT) of 6,0 and 4,5 days, corresponding to organic loading rate (TCO) of 40,35 kg ha-1 d-1(CW-SSHF 1 and 2) and 53,80 kg ha-1 d-1 (CW-SSHF 3 and 4) were evaluated. These systems were designated SAC-EHSS 1A, EHSS-SAC 2A, SAC-EHSS 3A and SAC-EHSS 4A, respectively. In the second stage, HRT of 3,0 and 1,5 days, corresponding to TCO of 79,66 kg ha-1 d-1 (CW-SSHF 1 and 2) and 160,35 kg ha-1 d-1 (CW-SSHF 3 and 4) were evaluated. These systems were designated SAC-EHSS 1B, EHSS-SAC 2B, SAC-EHSS 3B and SAC-EHSS 4B, respectively. To evaluate systems performance, the following variables were quantified: chemical oxygen demand (COD), biochemical oxygen demand (BOD), total nitrogen, phosphorus, potassium, sodium, total coliforms and Escherichia coli. The average removal efficiencies of COD ranged from 71,3 to 91,4% and 75,3 to 91,0% in BOD. With respect to nutrients, average removals ranged from 29,5 to 77,2% N, 12,8 to 58,3% P, 20,4 to 63,3% K and 17,5 to 53,4% Na. Reduction in the total coliforms was 1,29 to 3,41 log units and 1,13 to 3,46 log units in E. coli. Improved efficiencies in removal of nitrogen, total coliforms and E. coli were viii observed at higher HRT. The presence of Mentha aquatica in CW-SSHF increased removal of nutrients, total coliforms and E. coli from sewage. Mathematical models evaluated (Reed, 1995; Laber, 1999; Brasil et al., 2007 e Kadlec e Wallace, 2008) showed good fit to average total coliforms and E. coli reductions, highlighting, among them the model proposed by Brazil et al. (2007). No differences in yield and essential oil composition were observed implanted systems at higher TCO. Limonene, germacrene D and viridiflorol were the main constituents of mint leaves grown in CWs-SSHF.
Palavras-chave: Esgoto
Sistema alagado construído
Mentha aquatica
Sewage
Constructed wetland systems
Mentha aquatica
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ENGENHARIA AGRICOLA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Construções rurais e ambiência; Energia na agricultura; Mecanização agrícola; Processamento de produ
Programa: Doutorado em Engenharia Agrícola
Citação: AVELAR, Fabiana Ferreira. Performance of constructed wetland systems planted with Mentha aquatica in the treatment of sewage. 2012. 80 f. Tese (Doutorado em Construções rurais e ambiência; Energia na agricultura; Mecanização agrícola; Processamento de produ) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/715
Data do documento: 19-Mar-2012
Aparece nas coleções:Engenharia Agrícola

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf2,02 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.