Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/7288
Tipo: Dissertação
Título: As políticas de interiorização do ensino superior e perspectivas de trabalho para jovens rurais – estudo de caso em Matipó, Minas Gerais
The internalization policy of higher education and job prospects for young rural - case study in Matipó, Minas Gerais
Autor(es): Paula, Débora Brandão de
Abstract: O processo de interiorização do ensino superior que vivenciou sua primeira fase de expansão a partir do ano de 1964 até 1980 sendo retomado a partir de 1995 representou um marco na expansão da educação superior no Brasil dando espaço à elaboração de políticas públicas como o Fundo de Financiamento Estudantil – Fies, o Programa Universidade para Todos – Prouni, e o Programa de Apoio ao Plano de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais – Reuni, bem como a criação de novas instituições de ensino. No entanto, as implicações desse processo no meio rural revelam-se como um enigma frente à limitação de dados e informações equivalentes aos indivíduos que continuam os estudos após a conclusão do ensino médio. Dessa forma, a presente pesquisa analisou as políticas de interiorização do ensino superior e as perspectivas de trabalho entre jovens rurais da microrregião de Manhuaçu, Minas Gerais. Especificamente procurou-se mapear e analisar as escolhas dos cursos superiores por esses jovens rurais, identificando suas aspirações referentes à conclusão do mesmo, bem como o interesse em permanecer ou não nas comunidades rurais. Buscou-se também analisar a avaliação dos jovens quanto às oportunidades regionais para a concretização de seus projetos profissionais, observando assim as políticas públicas de acesso ao ensino superior utilizada por eles. A metodologia escolhida foi composta pela pesquisa bibliográfica, documental e pela pesquisa de campo que contou com a aplicação de questionários e a realização de entrevistas. A partir das análises constatamos que o processo de expansão do ensino superior tem beneficiado jovens rurais, no entanto, os mesmos encontram-se ainda inseridos em uma realidade que dificulta a continuidade dos estudos para além do ensino médio. Observamos que os mesmos almejam obter formação profissional e continuar residindo em suas comunidades rurais e municípios, o que levou-nos a constatar que a expansão do ensino superior associada à criação de oportunidades de trabalho para jovens rurais pode resultar na contenção da migração e no desenvolvimento regional. Dessa forma, destacamos a necessidade da compreensão do processo de interiorização do ensino superior para além da inserção acadêmica dos indivíduos, para que este seja acompanhado de outras políticas que assegurem oportunidades de trabalho e de participação política, resultando assim no desenvolvimento das liberdades e capacidades dos jovens rurais.
The process of internalization in higher education that has experienced its first expansion phase from 1964 until 1980 and taken over in 1995 representing a milestone in the expansion of higher education in Brazil giving way to elaboration of public policies as the Financing Fund student - Fies, the University for All Program - Prouni, and the Program of Support to the Plan of Restructuring and Expansion of Federal Universities - REUNI as well as the creation of new educational institutions. However, the implications of this process in rural areas are revealed as an enigma facing the limitation of data and information equivalent to those individuals who continue their education after completing high school. Thus, the present research analyzed the internalization of policies of higher education and job prospects of young people from rural microregion of Manhuaçu, Minas Gerais. Specifically it tried to map and analyze the choices of higher education courses for these young rural people by identifying their aspirations for the conclusion of these studies, as well as the interesr to stay or not in rural communities. It also sought to analyze the evaluation of young people As regards regional opportunities for the realization of their professional projects, thus observing the public policies of access to higher education used by them. The chosen methodology was composed by bibliographic research, documentary and for field research that included the use of questionnaires and interviews. From the analysis we found that the process of expansion of higher education has benefited young rural people, however, they are still inserted in a reality that makes it difficult to continue their studies beyond high school. We observe that they aspire to get professional education and continue living in their rural communities and municipal, which led us to realize that the expansion of higher education associated with creating job opportunities for young rural people can result in containing migration and development regional. Thus, there is the need to understand the process of internalization of higher education beyond the academic insertion of individuals, for this to be accompanied by other policies to ensure job opportunities and political participation, thus resulting in the development of freedoms and skills of young rural people.
Palavras-chave: Juventude rural - Emprego
Educação superior
CNPq: Extensão Rural
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: PAULA, Débora Brandão de. As políticas de interiorização do ensino superior e perspectivas de trabalho para jovens rurais – estudo de caso em Matipó, Minas Gerais . 2015. 146 f. Dissertação (Mestrado em Extensão Rural) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2015.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/7288
Data do documento: 29-Mai-2015
Aparece nas coleções:Extensão Rural

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,19 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.