Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/7290
Tipo: Dissertação
Título: Efeitos do manejo de alho-semente (Allium sativum L.) sobre a dormência, crescimento e produção do cultivar 'Chonan'
Autor(es): Burba, José Luis
Abstract: Durante o período fevereiro-dezembro de 1982 foram realizados em Curitibanos (SC) cinco ensaios com o objetivo de avaliar os efeitos de quatro condições de armazenamento do alho-semente sobre a superação de dormência, e o papel desta, em cinco épocas de plantio, sobre o crescimento, precocidade e produção qualitativa e quantitativa do cultivar 'Chonan'. Os tratamentos foram: armazenamento em câmara de conservaçao a 14º C, câmara de conservaçao e lavagem em água corrente durante 24 horas antes do plantio, câmara de conservação e choque frio a 7ºC durante 30 dias antes do plantio e armazenamento em galpão à temperatura ambiente (testemunha). As épocas de plantio foram: fevereiro, março, abril, maio e junho. Ocorre superação de dormência, em relação à testemunha, quanto menor for o IVD (Indice Visual de Superação de Dormência), anulando-se as diferenças sete meses pós-colheita; e esses níveis de superação asseguram velocidade e uniformidade de emergência das plantas, permitindo plantio antecipado. Armazenar alho-semente à temperatura de 14º C, com ou sem lavagem posterior, provoca uma superação regular dos estados dormentes, regularizando também a velocidade de crescimento. Esta situação assegura um ciclo vegetativo mais curto e uma produção comercial mais alta, superando a testemunha em 300% para plantios durante o mês de maio. A relação inversa entre o Índice Visual de Superação de Dormência (IVD) e a duração do ciclo vegetativo permitiria predizer com certa aproximação a data de colheita quando se armazena alho-semente à temperatura constante de 14ºC. A lavagem pré-plantio promove máxima velocidade de crescimento, e seu efeito possui uma residualidade inferior a 30 dias. A indução com choque frio requer um estado fisiológico por parte do bulbilho (expresso em termos de 40% do IVD) e uma estação de crescimento muito restrita (plantio em abril, colheita em outubro para as condições do ensaio) para que o estímulo atue favoravelmente. A redução constante do ciclo vegetativo, quanto mais tardia for a época do plantio, demonstra a importância dos níveis de dormência no momento do plantio. O efeito é mais marcante sob frigorificação quando comparado com os efeitos de câmara de conservação, e estes com a testemunha. O desaparecimento do superbrotamento como desordem em plantio de maio e junho explicar-se-ia como resultado de uma alta velocidade de crescimento nesta época e a ocorrência de dias longos que anulariam este defeito do bulbo. Ajuste nas técnicas de armazenamento de alho-semente em temperatura controlada permite racionalizar as épocas de plantio e a colheita sem sacrificar significativamente a produção comercial.
Palavras-chave: Alho-semente
Dormência - Crescimento - Produção
Cultivar 'Chonan'
CNPq: Fitotecnia
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: BURBA, José Luis. Efeitos do manejo de alho-semente (Allium sativum L.) sobre a dormência, crescimento e produção do cultivar 'Chonan'. 1983. 132 f. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 1983.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/7290
Data do documento: 1-Dez-1983
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo23,43 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.