Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/7371
Tipo: Dissertação
Título: Efeito do flavonóide naringina associado à fármaco sinvastatina no metabolismo lipídico de coelhos hipercolesterolêmicos
Evaluation of the narigin flavonoid effect associated with the drug simvastatin in the lipidic metabolism of hypercholesteraemic habits
Autor(es): Soares Júnior, Duílio Teixeiras
Abstract: A Hiperlipidemia é considerada uma dos mais importantes fatores no desenvolvimento da doença arterial coronariana, principal causa de morte de indivíduos adultos no mundo. A dislipidemia é um quadro clínico caracterizado por concentrações anormais de lipídios ou lipoproteínas no sangue, que é determinada por fatores genéticos e ambientais. A Sinvastatina é um fármaco com potencial ação hipocolesterolêmica. Estudos demonstraram que a Naringina possui ação antiinflamatória, impede a oxidação da LDL-c e previne formação de placa aterosclerótica. O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito do flavonóide Naringina associado ao fármaco Sinvastatina, em diferentes concentrações, no metabolismo lipídico de coelhos hipercolesterolêmicos. A hiperlipidemia nos coelhos foi alcançada suplementando a dieta com 20 ml diários de gordura animal via oral. Os níveis de colesterol e triacilglicerol aumentaram consideravelmente quando comparados ao grupo que recebeu apenas ração, 86,52% e 83,96% respectivamente. Os tratamentos com naringina 25mg associada a sinvastatina 1,2 mg foi a formulação que apresentou os melhores resultados, diminuindo em 60,08% os níveis de colesterol e 65,35% os níveis de triacilglicerol com 28 dias de tratamento. Contudo, apenas no grupo dos animais tratados com 5 mg de Naringina e 0,3 mg de sinvastatina tiveram os valores de Hdl-c aumentados. Os resultados de glicose, ureia e creatinina sofreram poucas variações ao longo do experimento. Já os valores de AST e ALT tiveram uma redução de seus níveis plasmáticos em todos os grupos. De maneira geral os compostos associados de naringina e sinvastatina apresentam ação farmacológicasinérgica no metabolismo lipídico de coelhos hipercolesterolêmicos, contudo não se pode afirmar que os tratamentos utilizados e resultados obtidos de ureia, creatinina, AST e ALT foram capazes de causar nefrotoxicidade e ou hepatotoxicidade nos animais. Testes para avaliação toxicológicas e avaliação de cortes histológicos seriam necessários para avaliar qualquer dano hepático e ou renal nos animais em teste.
Dyslipidaemia is a clinical condition characterized by the abnormal concentrations of lipids or lipoproteins in the blood, which is determined by genetic and environmental factors. Simvastatin is a pharmaceutical drug with hypocholesterolemic action. Studies have shown that the naringin has an anti-flammatory action, which stops the oxidation of the LDL-c and prevents the formation of the atherosclerotic board. The aim of the present study was to evaluate the effect of the flavonoid Naringin associated with the drug Simvastatin in different concentrations, on the lipid metabolism of hypercholesteraemic habits. The hyperlipidaemia on habits was achieved by supplementing their diet with 20ml of daily oral doses of animal fat. The cholesterol levels and triglycerides considerably increased when compared with the group that was only fed, showing the percentages of 86,52% and 83,96% respectively. The treatments with naringin 25 mg associated with simvastatin 1.2 mg was the formula that presented the best results, decreasing in 60,08 % the levels of cholesterol and 65.35% the levels of triacylglycerol with 28 days of treatment. However, only the group of the animals treated with 5mg of Naringin and 03.mg of simvastatin had the values of Hdl-c raised. The results of glycose, urea and creatine suffered low variations along the experiment. Nonetheless, for the AST and ALT values, a reduction was observed on the plasmatic levels of all groups. In general, the associated compounds of Narigin and Simvastatin showed a synergistic pharmacological action in the lipid metabolism of hypercholesteraemic habits, yet it cannot be stated that the chosen treatments and found results of urea, creatinine, AST and ALT were capable of causing nephrotoxicity and or hepatotoxicity on the animals. Further tests for toxicological evaluations of histological cuts could be necessary to assess any possible hepatic or nephric damage on the tested animals.
Palavras-chave: Flavonoides
Lipidios - Metabolismo
Coelho
Colesterol no sangue
CNPq: Metabolismo e Bioenergética
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: SOARES JÚNIOR, Duílio Teixeira. Efeito do flavonóide naringina associado à fármaco sinvastatina no metabolismo lipídico de coelhos hipercolesterolêmicos. 2015. 116f. Dissertação (Mestrado em Bioquímica Aplicada) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2015.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/7371
Data do documento: 30-Jul-2015
Aparece nas coleções:Bioquímica Aplicada

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,1 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.