Locus  

Assentamentos rurais no Vale do Araguaia mato-grossense: adaptação e permanência

Show simple item record

dc.contributor.advisor Ferreira Neto, José Ambrósio
dc.creator Ferreira, Gabriel Caymmi Vilela
dc.date.accessioned 2016-04-28T13:23:36Z
dc.date.available 2016-04-28T13:23:36Z
dc.date.issued 2015-06-25
dc.identifier.citation FERREIRA, Gabriel Caymmi Vilela. Assentamentos Rurais no Vale do Araguaia mato-grossense: adaptação e permanência. 2015. 118 f. Dissertação (Mestrado em Extensão Rural) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2015. pt-BR
dc.identifier.uri http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/7574
dc.description.abstract O presente trabalho analisa as características que determinam o perfil dos beneficiários da política brasileira que permanecem em assentamentos rurais, e que persistem nos projetos, mesmo possuindo graves problemas, como infraestrutura deficitária, falta de apoio do Estado e falta de crédito financeiro. Em meio a uma parcela significativa de beneficiários que se evadem destes projetos, os motivos da permanência precisam ser mais bem esclarecidos. O trabalho foi realizado nos assentamentos Santa Emília, Volta Grande, Ilha do Coco e Martins I, localizados na região do Vale do Araguaia mato-grossense. Houve aplicação de questionários estruturados nesses assentamentos durante o período de agosto, setembro e outubro de 2014. As características da permanência estão associadas à pluriatividade dos beneficiários. Também não se limitam às atividades focadas na agricultura dentro do assentamento, mas em atividades diversas para complementar a renda. Dessa forma, o acesso a uma renda fixa e continuada permite que estes trabalhadores permaneçam no assentamento. Além disso, comparou-se, por meio de imagens de satélite, a degradação das pastagens nos períodos iniciais e no período atual de cada assentamento. Por consequência, foi possível observar que o manejo do gado praticado pelos assentados se mostrou pouco impactante para o meio ambiente, promovendo uma recuperação da degradação da pastagem, ratificando práticas mais sustentáveis em termos ambientais. Portanto, evidenciou-se que os que permaneceram nos assentamentos rurais estão associados a rendas externas ao lote e a atividades agropecuárias menos intensivas e exploratórias ao meio ambiente. pt-BR
dc.description.abstract This paper analyzes the characteristics that determine the profile of the beneficiaries of Brazilian politics that remain in the settlements, those who persists in the project, even though having serious problems such as deficient infrastructure, lack of support from the state and lack of credit. Amid of a significant portion of beneficiaries who evade these projects, the reasons for the persistence need to be further clarified. The study was conducted in the settlements of Santa Emilia, Volta Grande, Ilha do Coco and Martins I, located in the Araguaia Valley region of Mato Grosso. There were an application of structured questionnaires in those settlements during the period of August, September and October of 2014. The characteristics of the permanence are associated with the plurality of activities from the beneficiaries, which is not limited only to do activities focused on agriculture inside the lot, but rather in various activities to supplement income. Therefore, access to stable and continued income allows these workers to remain in the settlement. Moreover, was compared through satellite images, the grassland degradation in the beginning periods and the current period of each settlement. Consequently, was observed that the cattle management practiced by the settlers was less impactful on the environment, promoting a recovery of pasture degradation, showing more sustainable in environmental terms. So it became clear that those who remained in rural settlements are associated with external income and less intensive agricultural activities and less exploration to the environment. en
dc.description.sponsorship Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior pt-BR
dc.language.iso por pt-BR
dc.publisher Universidade Federal de Viçosa pt-BR
dc.rights Acesso Aberto pt-BR
dc.subject Colonização agrária - Vale do Araguaia (MT) pt-BR
dc.subject Permanência Rural pt-BR
dc.subject Reforma agrária pt-BR
dc.title Assentamentos rurais no Vale do Araguaia mato-grossense: adaptação e permanência pt-BR
dc.title Rural settlements in the Vale do Araguaia in Mato Grosso state: adaptation and permanence en
dc.type Dissertação pt-BR
dc.subject.cnpq Extensão Rural pt-BR
dc.creator.lattes http://lattes.cnpq.br/0437258462796607 pt-BR
dc.degree.grantor Universidade Federal de Viçosa pt-BR
dc.degree.department Departamento de Economia Rural pt-BR
dc.degree.program Mestre em Extensão Rural pt-BR
dc.degree.local Viçosa - MG pt-BR
dc.degree.date 2015-06-25
dc.degree.level Mestrado pt-BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

  • Extensão Rural [291]
    Teses e dissertações defendidas no Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural

Show simple item record

Search DSpace


Browse

My Account