Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/7677
Tipo: Dissertação
Título: Propagação, tuberização in vitro e produção de 20-hidroxiecdisona em acessos de Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen sob cultivo em fonte de carbono e fitorreguladores
Propagation and in vitro tuberization and production of 20- hydroxyecdysone in Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen accessions under cultivation on carbon source and growth regulators
Autor(es): Vasconcelos, Jaqueline Martins
Abstract: Plantas do gênero Pfaffia estão entre as principais espécies medicinais comercializadas no Brasil, sendo suas propriedades medicinais atribuídas a substâncias presentes nas raízes. É grande a necessidade o desenvolvimento de protocolos que viabilizem a propagação em larga escala dessa espécie para garantia de suprimento de material propagativo, em qualidade e quantidade. Sendo assim, esse trabalho objetivou o desenvolvimento de protocolos para a produção rápida e em larga escala da espécie e promover a tuberização das raízes de plantas cultivadas in vitro, uma vez que esse é o principal órgão comercializado. Para a promoção de multibrotações axilares in vitro, segmentos nodais dos acessos 04 e 13 foram inoculados em frascos com meio MS acrescido com 0,5 mg L -1 de BA + ANA, em diferentes fontes de carbono (0,1M, 0,2 M ou 0,3 M de glicose ou sacarose), por 30 dias de cultivo. Foi avaliado o número de brotos produzidos, sendo observado a formação e coloração dos calos. Para viabilização da produção in vitro de 20-E, segmentos nodais dos acessos 4 e 13 foram inoculados em recipientes tipo Magentas ® contendo meio MS com diferentes fontes de carbono (glicose a 0,1 M e 0,2 M; sacarose a 0,1 M ou 0,2 M; a combinação de sacarose + glicose 0,1 M ou 0,2 M) e sem fonte de carbono (controle), e ensacados em saco plástico com filtro bacteriológico, por 30 dias de cultivo. Foram avaliados o comprimento médio das plantas, a massa seca da parte aérea e raízes, verificando-se a porcentagem de 20-E na massa seca de folhas e raízes nos diferentes tratamentos e realizou-se analise mocromorfometrica das folhas. Para promoção da tuberização in vitro, segmentos nodais dos acessos 22 e 43 foram inoculados em frascos de vidro contendo meio MS acrescido com diferentes combinação de regulador de crescimento (0,5 mg.L -1 de BA; 0,5 BA + AIB; 0,5 BA + 1,0 DE AIB; 0,5 AIB) e sem regulador de crescimento (controle) por 10 dias. Após, os explantes foram transferidos para frascos contendo 0,2 M de sacarose por 30 dias de cultivo. Foram avaliados a porcentagem de cobertura do fundo do frasco por raízes, massa seca da parte aérea e raízes. No experimento de multibrotações, foi observada a formação de calos na base dos explantes em todos os tratamentos, sendo a coloração dos calos do acesso 13 variando de branco a verde claro e dos brotos de verde claro a róseo. No acesso 4, a coloração dos calos variou de branco a verde escuro arroxeado. A característica de formação de multibrotações se mostrou genótipo-dependente, sendo o acesso 04 superior ao acesso 13 quando cultivado em glicose ou sacarose a 0,1 M (35 e 43 brotos/explantes). Para o teor de 20-E também foram observados efeitos significativos entre os acessos e as fontes de carbono, sendo do acesso 13 as maiores médias tanto para raízes quanto folhas (1,02 e 1,07%). As maiores médias para o comprimento da planta, massa seca das raízes e parte aérea foi observada para o acesso 13. Na análise micromorfométrica das folhas em ambas as faces, o número de células epidérmicas, estômatos, e densidade estomática foram superiores no acesso 13 em relação ao acesso 04. O protocolo proposto para indução de raízes tuberiformes foi ineficaz, entretanto, plantas do acesso 43 apresentaram maior massa seca da parte aérea em relação ao acesso 22 e sendo dos tratamentos com 0,5 mg.L -1 de BA as maiores médias para massa seca da parte aérea e raízes. Não houve efeito significativo nos acessos e reguladores de crescimento para porcentagem de enraizamento e dos acessos para massa seca das raízes. Em conformidade com os resultados, esses servirão para auxilio de pesquisas futuras sobre Pfaffia glomerata.
Plants of the genus Pfaffia are among the most traded medicinal species in Brazil whose medicinal properties are attributed to substances present in the roots. There is a great need for developing protocols to enable the large-scale propagation of this species and assure supply of large amounts of high quality propagation material. Thus, this study aimed to develop protocols for the rapid and large scale production of Pfaffia species and promote root tuberization of plants grown in vitro, since this is the main traded part. For in vitro axillary bud proliferation, nodal segments of the accessions 4 and 13 were inoculated in Magenta ® boxes containing MS medium supplemented with 0.5 mg L -1 BA + NAA, in different carbon sources (0.1 M, 0.2 M or 0.3 M of glucose or sucrose), for 30 days in culture. The number of shoots produced was recorded and the formation and color of calli were evaluated. To promote in vitro production of 20-E, nodal segments of accessions 4 and 13 were inoculated into Magenta ® boxes containing MS medium with different carbon sources (0.1 M and 0.2 M glucose; 0.1 M or 0.2 M sucrose; and the combination of sucrose + 0.1 M or 0.2 M glucose) and a control without carbon source, and bagged in plastic bags with bacteriological filter, for 30 days of culture. The mean length of plants, dry mass of shoots and roots, the percentage of 20-E in the dry mass of leaves and roots of the different treatments were evaluated and the micro-morphometric analysis of leaves was performed. To promote the tuberization in vitro of roots, nodal segments of accessions 22 and 43 access were inoculated in glass jars containing MS medium supplemented with different combinations of growth regulators (0.5 mg l -1 BA; 0.5 BA + AIB; 0.5 BA + 1.0 AIB; 0.5 AIB) and without growth regulators (control), for 10 days. The explants were then transferred to jars containing 0.2 M sucrose for 30 days of culture. The percentage of the bottom of the jar that was covered by roots, the dry mass of shoots and dry mass of roots were evaluated. In the experiment of axillary bud proliferation, there was formation of callus at the base of the explants in all treatments, and the color of the calli of accession 13 ranged from white to light green and the color of shoots from light green to pinkish. For accession 4, the color of the calli varied from white to dark green and purple. The characteristic axillary bud proliferation proved genotype-dependent: accession 4 was superior to accession 13 when grown on glucose or sucrose 0.1 M (35 and 43 shoots/explant). The content of E-20 also showed significant effects between the accessions and the carbon sources: accession 13 showed the highest means for both roots and leaves (1.02 and 1.07%). The highest means for plant height, dry mass of roots and shoots were recorded for accession 13. In the micromorphometric analysis of both sides of the leaves, the number of epidermal cells, stomata, and stomatal density were higher in the accession 13 compared with the accession 04. The protocol proposed for tuber induction was ineffective, however, plants of accession 43 had higher shoot dry mass in relation to accession 22. The treatments with 0.5 mg.L -1 BA provided the highest means for dry mass of shoots and roots. There was neither significant effect of accession and growth regulator on percentage of rooting nor effect of accession on root dry mass. The results of this study will serve to guide future research on Pfaffia glomerata.
Palavras-chave: Pfaffia glomerata
Propagação in vitro
Plantas medicinais
CNPq: Botânica
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: VASCONCELOS, Jaqueline Martins. Propagação, tuberização in vitro e produção de 20-hidroxiecdisona em acessos de Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen sob cultivo em fonte de carbono e fitorreguladores. 2012. 88 f. Dissertação (Mestrado em Botânica) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/7677
Data do documento: 8-Mar-2012
Aparece nas coleções:Botânica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,57 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.