Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/7730
Tipo: Dissertação
Título: Credibilidade da política monetária, metas de inflamação e taxa de câmbio real num modelo macrodinâmico com economia aberta
Credibility of monetary policy, inflation targets and real exchange rate in a macrodynamics of open economy
Autor(es): Oliveira Filho, Ronaldo Ribeiro de
Abstract: A literatura econômica heterodoxa sugere que a taxa de câmbio real competitiva está associada a taxas de crescimento mais elevadas. Em muitos países em desenvolvimento – especialmente latino-americanos – observa-se que sua manutenção em níveis apreciados tem sido responsável por crises no balanço de pagamentos, piora da restrição externa, desindustrialização e perda de competitividade das exportações. A condução da política monetária num contexto de restrição externa é fundamental quando são considerados seus efeitos sobre a taxa de câmbio real. São apresentados dois modelos macrodinâmicos a fim de analisar a relação entre taxa de câmbio real, emprego, crescimento econômico e credibilidade da política monetária em um contexto de conflito distributivo, fluxo de capitais, restrição externa e câmbio flutuante. Verificou-se através da matriz de derivadas parciais e do diagrama de fases que ambos os modelos possuem equilíbrio estável do tipo nó convergente. Pôde-se constatar que a credibilidade, ou sua ausência, influencia no resultado da ação da autoridade monetária, isso por que a meta de inflação fixada pela autoridade monetária poderá ancorar as expectativas inflacionárias. Além disso, a credibilidade afeta os canais de transmissão da política monetária. Observou-se que o déficit no balanço de rendas é relevante para as economias em desenvolvimento com crescimento restrito pelo Balanço de Pagamentos, uma vez que reduzem significativamente as divisas disponíveis para a importação de bens de capitais necessários para a realização de novos investimentos. Uma consequência é que o endividamento externo como proporção do PIB passa a ser uma variável relevante para a formação de capital na economia, estando a autoridade monetária apta a influenciá-lo através da fixação da taxa de juros básica da economia, que por sua vez afeta a taxa de juros de mercado.
The heterodox economic literature suggests that might be a positive relationship between competitive real exchange and higher growth rates. In many developing countries - especially Latin America - it has been observed that its maintenance in appreciated levels has been responsible for crises in the balance of payments (BoP-crisis), worsening of external constraint, deindustrialization and loss of export competitiveness. The conduct of monetary policy in BoP-constraint context is important when considering its effects over the real exchange rate. Two Macrodinynamics are proposed in order to analyze the relationship between real exchange rate, employment, economic growth and credibility of monetary policy in a context of distributive conflict, capital flows, external constraint and floating exchange rate. It was found through the partial derivative matrix and the phase diagram both models have stable equilibrium, which type is convergent node. It could be observed that the credibility, or lack thereof, influences the result of the action of the monetary authority, and the main cause for this is that inflation target set by the monetary authority can anchor inflationary expectations or not. Moreover, the credibility affects the transmission channels of monetary policy. It was observed that the income balance deficit is relevant to developing economies which growth is BoP-constrained, as they significantly reduce the foreign currency available for the import of capital goods needed for new investments. One consequence is that the external debt to GDP becomes a relevant variable to capital formation in the economy, with the monetary authority able to influence it by fixing the interest rate of the economy, which in turn affects the market interest rate.
Palavras-chave: Política monetária
Política econômica
Economia do desenvolvimento
Câmbio
Inflação
CNPq: Teoria Econômica
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: OLIVEIRA FILHO, Ronaldo Ribeiro de. Credibilidade da política monetária, metas de inflamação e taxa de câmbio real num modelo macrodinâmico com economia aberta. 2016. 93f. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/7730
Data do documento: 29-Fev-2016
Aparece nas coleções:Economia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo687,53 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.