Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/8175
Tipo: Dissertação
Título: Taxonomia e história natural de anfíbios anuros da Serra do Brigadeiro, Mata Atlântica, Minas Gerais
Anurans taxonomy and natural history from Serra do Brigadeiro, Atlantic Forest, Minas Gerais
Autor(es): Guimarães, Carla da Silva
Abstract: No presente trabalho são apresentados novos dados sobre taxonomia e história natural de espécies de anfíbios anuros da Serra do Brigadeiro, Mata Atlântica, porção norte do complexo serrano da Mantiqueira, sudeste do Brasil. Entre os capítulos abordados, destaca-se o reconhecimento de duas novas espécies pertencentes aos gêneros Brachycephalus e Scinax. A primeira, conhecida popularmente como sapinho-pingo-de-ouro, anteriormente identificada como B. ephippium, tem sua nova identidade subsidiada por caracteres morfológicos (ex. grande tamanho dos adultos, corpo bufoniforme completamente amarelo–alaranjado em vida), osteológicos (ex. placa paravertebral convexa bem desenvolvida, primeira placa vertebral convexa em forma de trapézio e a segunda de retângulo, respectivamente), histológicos (presença de tecido conjuntivo negro envolvendo a musculatura dorsal) e bioacústicos (ex. canto de anuncio com estruturas harmônicas). A segunda nova espécie, até então reconhecida como Scinax sp. (aff. rizibilis), pertence ao complexo grupo de espécies S. catharinae e tem sua nova identidade sustentada por caracteres morfológicos em adultos (ex. tamanho médio entre 23.03–33.59 mm, focinho subovóide/subelíptico, machos com saco vocal expandido lateralmente, antebraço e calo nupcial hipertrofiados) e girinos (ex. disco oral com pequeno interrupção dorsal, papilas marginais unisseriada alternada, fórmula oral 2(2)/3), de bioacústica (ex. canto de anúncio com duração de 0.8–1.52s, caracterizado por uma série de cinco notas pulsionadas, com 60 pulsos/notas, pico de energia entre 3100.8–4565 Hz), e moleculares (ex. distâncias intraespecífica 0–2.9% e interespecífica 11%–16%). Ambas espécies têm sua distribuição geográfica conhecida apenas para a Serra do Brigadeiro. Além disso, é descrito a fase larval da espécie Scinax cosenzai, a qual é descrita com localidade tipo na Serra do Brigadeiro. Os girinos desta espécie bromelígena são caracterizados pela ausência de manchas amarelas ou douradas, comprimento total entre 19.9–31.1 mm, disco oral constituído de uma fileira de papilas marginais na porção anterior e alternada na ventral, e nadadeiras com a mesma altura. Por fim, é apresentada uma lista atualizada das espécies de anfíbios para a Serra do Brigadeiro contento 61 registros.
This paper presents new data on the taxonomy and natural history of anurans from the Serra do Brigadeiro, Atlantic Forest, northern portion of Serra da Mantiqueira mountain range, southeast Brazil. Among the chapters presented, it is emphasized the recognition of two new species belonging to the genus Brachycephalus and Scinax. The first, popularly known as pumpkin toadlets and previously classified as B. epphipium, has its new identity supported by morphology (e.g. large size of adults, bufoniforme body and completely yellow-orange in life), osteology (e.g. convex central shape and laterally rounded paravertebral plates, first spinal plate convex with trapezium-shaped), histology (e.g. presence of black connective tissue covering all dorsal muscles), and bioacustic (e.g. presence of harmonic structures in its advertisement call). The second new species, so far recognized as Scinax sp. (aff. rizibilis), belongs to the complex group of species S. catharinae. Its new identity is sustained by morphology in adults (e.g. medium size, subovoid/sublliptical snout in dorsal view, males with vocal sac expanded and hypertrophied forearms and nuptial pad) and tadpoles (e.g. oral disc with small dorsal gap in marginal papillae, marginal papillae unisseriated, oral formula 2(2)/3), bioacustics (advertisement call characterized by a series of usually five pulsed notes, call duration 0.8–1.52 s, with about 60 pulses each, and peak of energy between 3100.8–4565 Hz), and molecular (e.g. intraspecific 0–2.9% and interespecific 11%–16% distances). Both species are only known for the Serra do Brigadeiro and their names honor the Serra da Mantiqueira mountain range, from which Serra do Brigadeiro is included. Moreover, we describe the tadpoles Scinax cosenzai, species with type locality at the Serra do Brigadeiro. The tadpoles of this bromeligenous species are characterized by the lack of any yellow or golden marks, total length of 19.9–31.1, anterior portion of oral disc with a single row of labial papillae, dorsal and ventral fins equal in height. Finally, it is presented an updated list of amphibians from the Serra do Brigadeiro, with 61 registers.
Palavras-chave: Anfíbios - Taxonomia - Mata Atlântica
CNPq: Taxonomia dos Grupos Recentes
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: GUIMARÃES, Carla da Silva. Taxonomia e história natural de anfíbios anuros da Serra do Brigadeiro, Mata Atlântica, Minas Gerais. 2016. 64 f. Dissertação (Mestrado em Biologia Animal) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/8175
Data do documento: 1-Abr-2016
Aparece nas coleções:Biologia Animal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo4,99 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.