Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/8215
Tipo: Dissertação
Título: Mídia e Religião: a construção dos imaginários sociodiscursivos referentes ao papa Francisco nas notícias das revistas Veja e Carta Capital
Media and Religion: the construction of imaginary sociodiscursivos for the pope Francisco in the magazines Veja and Carta Capital
Autor(es): Monteiro, Dayane Sávia
Abstract: A Igreja católica, nos últimos tempos, passou por momentos difíceis, marcados por polêmicas, que teriam culminado com a renúncia do papa Bento XVI. Atualmente, a presença do papa Francisco tem surpreendido fiéis e a população de forma geral, por sua postura diferenciada desde o primeiro dia do papado, começando pela escolha de seu nome que remete a São Francisco de Assis, que optou por uma vida simples e em defesa dos pobres. Diante desse cenário e pensando na intensa divulgação da imagem do papa, bem como nas representações formuladas em torno de sua figura, essa pesquisa analisa a construção dos imaginários sociodiscursivos em torno do pontífice, elaborados pelas revistas brasileiras Veja e Carta Capital através de notícias veiculadas pelos seus sites no período de março de 2013 a dezembro de 2014. Nosso principal embasamento teórico-metodológico está pautado na Teoria Semiolinguística do estudioso Patrick Charaudeau (2005, 2012, 2014). O corpus dessa pesquisa inclui ainda comentários vinculados a algumas dessas notícias presentes na plataforma Facebook. Nesse sentido, a pesquisa também incide sobre os estudos das mídias digitais, baseado principalmente em Levy (1999) e Recuero (2009) e sobre os estudos da recepção em Fígaro (2005) e Giacomini (2010). Assim, buscou-se compreender, através da identificação, classificação e interpretação, como esse tipo de mídia constrói a figura desse líder religioso a partir da elaboração de imaginários sociodiscursivos. A pesquisa se estendeu ainda sobre a forma como a sociedade tem recebido e consumido esse tipo de imagem. A análise evidenciou, portanto, que as revistas Carta Capital e Veja adotam posturas diferenciadas em relação aos imaginários sobre o Papa, onde a primeira adota uma postura mais crítica e ponderada sobre a figura papal, apresentando ora imaginários negativos ora positivos com ressalvas enquanto a segunda mostrou-se engajada em construir uma imagem essencialmente positiva do papa. Os comentários das notícias presentes na rede social Facebook também se mostram reveladores de imaginários, além de ser um local de interlocuções diversas, bem como de avaliações sobre o conteúdo das revistas e de debates sobre religião e outros temas polêmicos como a política.
The Catholic Church in recent times went through difficult times, marked by controversies, which have culminated in the resignation of Pope Benedict XVI. Currently, the presence of Pope Francisco has surprised the faithful and the population in general, in different position from the first day of the papacy, starting with the choice of its name refers to St. Francis of Assisi, who chose a simple life and in defense of the poor. Given this scenario and considering the intense promotion of pope's image as well as the representations made around your figure, this research analyzes the construction of social-discursive imaginary around the pontiff, prepared by the Brazilian magazines Veja and Carta Capital through news conveyed by their sites from March 2013 to December 2014. Our main theoretical and methodological basis is based on the theory scholar semiolinguistics Patrick Charaudeau (2005, 2012, 2014). The corpus of this research includes comments attached to some of these reports present on the Facebook platform. In this sense, the research also focuses on the study of digital media, mainly based on Levy (1999) and Recuero (2009) and on the reception studies in Figaro (2005) and Giacomini (2010). Thus, we sought to understand, through the identification, classification and interpretation, as this type of media constructs the figure of this religious leader from the development of social-discursive imaginary. The research was also held on how the company has received and consumed this kind of image. The analysis showed, however, that the magazine Carta Capital and Veja adopt different positions in relation to imaginary about the Pope, where the first adopts a more critical and thoughtful stance on the papal figure, presenting now sometimes positive negative imaginary with reservations while the second it proved to be engaged in building a mainly positive image of the pope. The comments of the news present in the social network Facebook also show telltale imaginary, besides being a site of several dialogues, as well as reviews of the content of magazines and debates about religion and other controversial topics such as politics.
Palavras-chave: Análise do discurso
Linguística
Semiótica
Comunicação de massa em religião
Francisco, Papa, 1936-
Veja (Revista)
Carta Capital (Revista)
CNPq: Lingüística, Letras e Artes
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: MONTEIRO, Dayane Sávia. Mídia e Religião: a construção dos imaginários sociodiscursivos referentes ao papa Francisco nas notícias das revistas Veja e Carta Capital. 2016. 120f. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/8215
Data do documento: 30-Mar-2016
Aparece nas coleções:Letras

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,7 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.